Grêmio 1 x 0 Botafogo

Grêmio 1 x 0 Botafogo
Libertadores 2017

sexta-feira, 28 de maio de 2010

Policial é Ferida com Barra de Ferro

Policial é ferida com barra de ferro em assalto na Capital
Homem roubou revólver e fugiu
Uma policial militar foi ferida na nuca por um assaltante com uma barra de ferro no cruzamento da avenida Farrapos com rua Barros Cassal, em Porto Alegre, por volta das 9h30min desta sexta-feira. O suspeito roubou seu revólver, uma pistola .40, e fugiu. A vítima, que integra o 9º Batalhão de Polícia Militar da Capital, desmaiou e foi encaminhada ao Hospital de Pronto-Socorro (HPS). A vítima recebeu atendimento na sala de sutura e seu estado é regular.

Cerca de 50 policiais do 9º BPM e Batalhão de Operações Especiais (BOE) fazem buscas nos bairros Floresta, Centro e São Geraldo, percorrendo bares, hotéis e ruas. A barra, de aproximadamente 40 cm, foi localizada próximo ao local do ataque. Há informação de que o suspeito teria entrado em um táxi-lotação no sentido Centro-bairro e descido do veículo pouco tempo depois.

Fonte: Correio do Povo

Caça-Níqueis

Polícia Civil apreende mais 49 máquinas caça-níqueis na Capital
28/05/2010 10:27


Em mais uma Operação da Polícia Civil juntamente com o Ministério Público, através da Força-Tarefa do Projeto Alquimia de combate aos jogos de azar, foram apreendidas 49 máquinas caça-níqueis e R$ 4.507,00 em dinheiro. Liderada pelo representante do Ministério Público e pela Delegada Patrícia Tolotti, titular da 19ª Delegacia de Polícia e responsável também pelo Projeto Alquimia, a Força-Tarefa cumpriu mandados de busca e apreensão em dois locais da cidade de Porto Alegre.

Os responsáveis pelos locais assinaram termo de compromisso e irão responder a termo circunstanciado. As máquinas serão encaminhadas ao Projeto Alquimia, onde serão transformadas em móveis e computadores, destinados a entidades assistenciais.

Fonte: Ascom/ PC

Polícia Conclui Inquérito


PC de Vacaria concluiu mais um inquérito de assassinato


A Polícia Civil, através da Delegacia de Polícia de Vacaria, concluiu no dia de ontem, quarta-feira, dia 26, e remete hoje, quinta-feira, dia 27 à Justiça, o Inquérito Policial que apurou o homicídio do ex-chapeador José Luís Borges da Silva, de 37 anos.

O corpo de José Luís sem a cabeça foi encontrado no dia 29 de março deste ano, às 14h30min, na Rua Felipe Camarão, 296, no bairro Imperial. Foi um dos crimes que mais chocou a comunidade.

No mesmo dia, a cabeça de José Luís foi localizada em um arroio ao lado da Rua Osório Rodrigues da Silva, no final do bairro Municipal quando um adolescente tentava atravessar o referido arroio. Assustado ele chamou um coleguinha que pegando a cabeça do arroio colocou na rua e brincavam com ela.

Desde o momento do encontro do cadáver, a DP de Vacaria adotou como prioridade absoluta a elucidação desse crime.

No dia seguinte ao encontro do cadáver, três pessoas já estavam presas por força de Prisão Temporária decretada pela Justiça local, a requerimento do delegado de Polícia.

A partir da prisão dos indivíduos, 46 depoimentos foram tomados pela Delegacia de Polícia, incluindo seis acareações, buscas e outras diligências.

Segundo a Polícia Civil, não há dúvida de que o autor do crime foi Francisco da Silva, o Chicão, que matou José Luis por volta das 15h30min do domingo, dia 28, utilizando uma faca para cortar a jugular de José Luis.

A cabeça da vítima foi cortada mais tarde, na noite do mesmo domingo, e levada para Moises Sidnei Lemos Bernardo, o Bira, 39 anos, no bairro Municipal.

Quem levou a cabeça foi Douglas Rafael Quevedo Martins, 29 anos, natural de Alegrete - RS.

Tanto Moises como Douglas negaram ter conhecimento de que Chicão mandara a cabeça dentro da mochila, mas os depoimentos do inquérito apontaram várias contradições, que sustentaram o indiciamento também de ambos.

Segundo o que foi apurado no inquérito, a motivação foi o não-pagamento de cinco gramas de crack vendido por Moises ao falecido e a Chicão.

Os três indivíduos foram indiciados por homicídio duplamente qualificado (motivo torpe e sem chance de defesa à vítima), na medida de suas participações, tendo sido representada pela Decretação da Prisão Preventiva do trio, medida que será apreciada pela Justiça ainda no dia de hoje.

O inquérito tramitou na DP de Vacaria e foi presidido pelo delegado de Polícia Carlos Alberto Defaveri.

A foto mostra o momento em que Douglas Rafael Quevedo Martins (que transportou a encomenda macabra numa mochila), mostrava a Polícia Civil onde jogou a cabeça de José Luís, durante a reconstituição do crime que chocou a população de Vacaria.

OBS.: Informações passadas a partir da Seção de Investigações da Delegacia de Polícia de Vacaria.


Data: 27/05/2010 - 11:36
Fonte: Adelar Gonçalves/Rádio Esmeralda FM - 93,1 e DP de Vacaria

Samblog

Para: jornalnegritude@yahoo.com.brSamblog - clicRBS


--------------------------------------------------------------------------------
Gente da Noite no Ninho da Águia

Posted: 27 May 2010 04:02 PM PDT

Polêmicas à parte, os 70 anos dos Bambas da Orgia continuam dando o que falar. Acaba de chegar ao Samblog a reportagem feita para o programa Gente da Noite, da TVCOM, no coquetel de aniversário realizado no dia 6 de maio, no Ninho da Águia...
Bambas troca de intérprete para 2011

Posted: 26 May 2010 09:17 AM PDT

Nem deu para Lú Astral aquecer as cordas vocais nos Bambas da Orgia. Confirmado como novo intérprete da Nação Azul e Branco em março, ele acabou substituído, depois de ser oficializado no cargo três vezes: no site bambista, no baile dos 70 anos da escola e também pelo mestre Nilton, no programa Chora, Cavaco, da Rádio Farroupilha...
You are subscribed to email updates from Samblog - clicRBS
To stop receiving these emails, you may unsubscribe now. Email delivery powered by Google
Google Inc., 20 West Kinzie, Chicago IL USA 60610

Operação Centauro Crack

Brigada Militar lança Operação Centauro Crack
28/05/2010 08:47



Com o objetivo de combater a criminalidade, a Brigada Militar desenvolve várias operações em todo o Rio Grande do Sul de modo a cumprir sua função preventiva. Nos dias atuais, um dos focos identificados como causa de inúmeros delitos é o consumo do crack. Em decorrência disso e da preocupação com a comunidade gaúcha, a Brigada Militar lança, nessa sexta-feira (28), a Operação Centauro Crack.

A ação será lançada nos Comandos Regionais de todo o Estado, às 16h, sendo que, em Porto Alegre, o início da operação da Brigada Militar ocorrerá na Vila Santa Teresinha, às 15h30min, contando com a presença do subcomandante-geral da Brigada Militar, coronel Jones Calixtrato Barreto dos Santos e do comandante do Comando de Policiamento da Capital, coronel Antero Batista de Campos Homem.


O CRACK

O crack é uma mistura de várias substâncias que resulta em pequenos grãos, fumados em cachimbos (improvisados ou não). É uma droga mais barata que a cocaína mas, como seu efeito é momentâneo, acaba sendo utilizado em maiores quantidades. O entorpecente provoca dependência física e pode levar à morte por sua ação fulminante sobre o sistema nervoso central e cardíaco.

Fonte: Ascom/ BM

Vereadora Sofia Cavedon

Copa do Mundo

Museu Afro Brasil

Debate sobre "Zeladores de Voduns e outras Entidades do Benin ao Maranhão" sábado, dia 29, no Museu Afro Brasil

O fotógrafo maranhense Márcio Vasconcelos e o antropólogo beniense, Hyppolyte Brice Sogbossi participam de Encontro. Inscrições Abertas

Data: 29.05.2010 - sábado

Horário: 16 horas

Endereço: Av. Pedro Álvares Cabral, s/no. - Portão 10 - Pque Ibirapuera

Estacionamento: Portão 3 - Zona Azul

Ingresso: Grátis

Inscrições: (11) 5579-0593 ou agendamento@museuafrobrasil.com.br



Dia 29 de maio – às 16 horas – Encontro com o Fotógrafo Márcio Vasconcelos e com o antropólogo Hippolyte Brice Sogbossi - Os pesquisadores falam do projeto de pesquisa e documentação fotográfica "Zeladores de Voduns e outras Entidades do Benin ao Maranhão", nome da exposição que foi inaugurada, na terça-feira, dia 25, no Museu Afro Brasil. O trabalho é resultado de uma viagem de 25 dias que a dupla fez ao Benin. Márcio Vasconcelos é fotógrafo profissional independente e há mais de uma década vem se dedicando a registrar as manifestações da cultura popular e religiosa dos afro-descententes no Estado do Maranhão. Hyppolyte Brice Sogbossi é beniense e radicado no Brasil há mais de 10 anos. Doutor em Antropologia Social e professor da Universidade Federal de Sergipe.



Exposição “Zeladores de Voduns e outras Entidades do Benin ao Maranhão” está em cartaz

A exposição será inaugurada dia 25 de maio e, é resultado de uma pesquisa realizada pelo fotógrafo maranhense Márcio Vasconcelos, que junto com o antropólogo africano Hippolyte Brice Sogbossi, buscou o registro fiel do cenário do culto aos voduns, conhecido como culto aos ancestrais mortos. O resultado foi um trabalho que traça um paralelo entre os sacerdotes africanos e os chefes de terreiros do Tambor de Mina do Maranhão. As imagens apresentam uma viagem pelas cidades de Cotonou, Abomey, Allada, Ouidah, Cavali e Porto Novo, do antigo Daomé, hoje Benin e das Casas das Minas, terreiro vodum, fundado em São Luís do Maranhão, em meados do século XIX.

A região da Costa da África Ocidental onde se localiza o antigo Reino do Daomé era chamada de Costa dos Escravos e também de Costa da Mina. Nesta região foi estabelecido pelos portugueses do século XVII o Forte de São Jorge Da Mina, localizado na atual República do Gana. Existe também na região uma etnia denominada Mina. Os negros precedentes desta região foram conhecidos no Brasil como negros mina ou jejes e a religião dos voduns por eles praticada, é conhecida até hoje, sobretudo no Maranhão e na Amazônia, como Tambor de Mina. Até 13 de junho.
Serviço:

Dia 29 de Maio

16 horas - Encontro com o Fotógrafo Márcio Vasconcelos e com o antropólogo Hippolyte Brice Sogbossi sobre "Zeladores de Voduns e outras Entidades do Benin ao Maranhão"

Local: Auditório Ruth de Souza – Museu Afro Brasil
Capacidade: 150 pessoas

Entrada: Grátis

Classificação: 12 anos

Inscrições Abertas até 29/05: (11) 5579-0593 ou agendamento@museuafrobrasil.com.br


Museu Afro Brasil

Av. Pedro Álvares Cabral, s/n – Portão 10 – Parque Ibirapuera

Funcionamento: terça a domingo, das 10 às 17 horas

Estacionamento: Portão 3 (Zona Azul)

Informações: (11) 5579-0593



Informações à Imprensa

Claudia Alexandre – (11) 5579-0593 // 9172-4662 // 7881-2688
Central de Comunicação – (11) 3782-9304

Atendimento: Camila Alexandre

Comentário Leitor

adriana deixou um novo comentário sobre a sua postagem "Acidente Onibus da Penha":

O MOTORISTA CONSERTEZA NAO TEVE CULPA DE NADA,DEUS SABE O QUE FAZ...



Postado por adriana no blog Jornal Negritude em 27 de maio de 2010 16:04

Investigações Sobre Homicídio

Polícia Civil inicia investigações sobre tentativa de homicídio contra criança na Capital
27/05/2010 16:37


A Delegacia de Polícia da Criança e Adolescente Vítimas (DPCAV) do DECA recebeu, nesta quinta-feira (27), o auto de prisão em flagrante de um homem de 34 anos de idade, preso sob acusação de ter praticado tentativa de homicídio contra a própria filha, de três meses e 14 dias, na noite de ontem, por volta das 23h30min, na Rua Dutra Jardim, acesso H1, Bairro Rubem Berta, zona norte de Porto Alegre.

Na ocasião das diligências, também foi apreendida munição na casa do detido; 19 cartuchos de calibre .32, infringindo ainda o art. 14 do Estatuto do Desarmamento.
Segundo o delegado Andrei Luiz Vivan, que presidirá as investigações complementares, a prisão em flagrante foi motivada logo após a Polícia Militar ter sido chamada para prestar socorro à vítima, tendo encontrado o preso próximo à casa, sentado na calçada e com ferimento na barriga, alegando que havia tentado o suicídio logo após esfaquear a própria filha. A arma branca utilizada para praticar as lesões na vítima, uma faca com 21 centímetros de lâmina, foi apreendida ainda com manchas de sangue, bem como a bainha da mesma, localizada na casa do agressor.

De acordo com os depoimentos colhidos, o motivo da tentativa de homicídio foi por vingança contra a companheira. A mãe da vítima declarou que presenciou o companheiro ajoelhado sobre a cama com a faca na mão, e a filha sangrando, e mesmo não sabendo como, teve forças para tirá-lo de cima dela, jogando-o ao chão e chamando por socorro, que iniciou com o atendimento dos vizinhos.

A DPCAV tem o prazo de 10 dias para concluir as investigações, objetivando esclarecer os motivos do crime e as conseqüências, já tendo requisitado ao Departamento Médico Legal o auto de exame de corpo de delito na vítima, que se encontra hospitalizada em UTI Pediátrica, em Porto Alegre, em estado grave, bem como para que a 1ª Vara do Júri, competente para o processo, defira que o preso se submeta a exames toxicológicos e de alcoolemia. A Especializada ainda solicitou ao Conselho Tutelar da microrregião 2, que acompanhe a situação da família, que ainda tem outro filho em comum, apresentando situação de vulnerabilidade.

Fonte: Ascom PC

Visita Penitenciária de Caxias do Sul

Goularte e Mario Santa Maria Júnior visitam Penitenciária de Caxias do Sul
27/05/2010 16:57


O secretário estadual da Segurança Pública, Edson Goularte, e o superintendente dos Serviços Penitenciários, Mario Santa Maria Júnior, visitaram na tarde desta quinta-feira (27), a Penitenciária Regional de Caxias do Sul, situada na localidade do Apanhador, divisa com São Francisco de Paula.

De acordo com o secretário, o objetivo da visita foi vistoriar as dependências da unidade prisional e avaliar as principais carências, para encaminhamento de soluções. A iniciativa integra o programa de visitas aos presídios gaúchos, no âmbito dos três regimes (fechado, semiaberto e aberto), que estão sendo feitas por Goularte e Santa Maria Júnior sob o prisma do Novo Paradigma Prisional estipulado pelo governo do Estado.

Na ocasião, o secretário e o superintendente dos Serviços Penitenciários foram recebidos pelo major César Augusto Pereira da Silva, atual diretor-interino do presídio, por César Bertoldo Alves da Silva, que assumirá em breve como diretor da unidade, e o delegado penitenciário da 7ª Delegacia da Susepe, Antonio Névio Cardoso Lopes, bem como por servidores da Susepe e da BM.

Imagens do Piratini



Fotos: Palácio Piratini

Imagens do Palácio Piratini






Destaques do Dia
Yeda Crusius abre a 6ª Fenasul em Esteio
A governadora Yeda Crusius durante a abertura oficial da 6ª Feira Nacional de Agronegócios do Sul (Fenasul) e a 33ª Expoleite, no Parque de Exposições Assis Brasil, em Esteio.


Local: Esteio - RS
Data: 27/05/2010
Foto: Antonio Paz / Palácio Piratini
Código: 34617

Yeda Crusius abre a 6ª Fenasul em Esteio
A governadora Yeda Crusius discursa durante a abertura oficial da 6ª Feira Nacional de Agronegócios do Sul (Fenasul) e a 33ª Expoleite, no Parque de Exposições Assis Brasil, em Esteio.


Local: Esteio - RS
Data: 27/05/2010
Foto: Antonio Paz / Palácio Piratini
Código: 34618

Yeda Crusius abre a 6ª Fenasul em Esteio
A governadora Yeda Crusius, acompanhada do presidente da Feira, José Ernesto Ferreira(D), durante visita aos pavilhões da 6ª Feira Nacional de Agronegócios do Sul (Fenasul) e a 33ª Expoleite, no Parque de Exposições Assis Brasil, em Esteio.


Local: Esteio - RS
Data: 27/05/2010
Foto: Antonio Paz / Palácio Piratini
Código: 34620

Yeda Crusius assina em Esteio, convênio repassando R$ 31,4 milhões para obras nos municípios
A governadora Yeda Crusius, acompanhada(esq/dir) da deputada estadual, Zilá Breitenbach, dos deputados estaduais, Jerônimo Goergen e João Fischer, do diretor geral do Departamento Autônomo de Estradas de Rodagem(Daer), Vicente Brito Pereira, e do deputado federal, Vilson Covatti, durante a cerimônia de assinatura, no auditório da Administração do Parque de Exposições Assis Brasil em Esteio, de convênio no valor de R$ 31,4 milhões para investimento em obras de recuperação asfáltica em municípios.


Local: Esteio - RS
Data: 27/05/2010
Foto: Antonio Paz / Palácio Piratini
Código: 34623

Yeda Crusius assina em Esteio, convênio repassando R$ 31,4 milhões para obras nos municípios
A governadora Yeda Crusius durante a cerimônia de assinatura, no auditório da Administração do Parque de Exposições Assis Brasil em Esteio, de convênio no valor de R$ 31,4 milhões para investimento em obras de recuperação asfáltica em municípios.


Local: Esteio - RS
Data: 27/05/2010
Foto: Antonio Paz / Palácio Piratini
Código: 34621

Yeda Crusius assina em Esteio, convênio repassando R$ 31,4 milhões para obras nos municípios
A governadora Yeda Crusius discursa durante a cerimônia de assinatura, no auditório da Administração do Parque de Exposições Assis Brasil em Esteio, de convênio no valor de R$ 31,4 milhões para investimento em obras de recuperação asfáltica em municípios.


Local: Esteio - RS
Data: 27/05/2010
Foto: Antonio Paz / Palácio Piratini
Código: 34625

Yeda Crusius libera R$ 20 milhões para hospitais gaúchos
A governadora Yeda Crusius, reunida em seu Gabinete no Centro Administrativo Fernando Ferrari(Caff), com a secretária Geral de Governo, Ana Pellini(E), o chefe da Casa Civil, Bercílio Silva, o secretário de Estado do Planjemento e Gestão, José Alfredo Pezzi Parode, a secretária da Saúde, Arita Bergmann e a secretária adjunta, Rejane Richter, para a assinatura da liberação de R$20 milhões para os hospitais integrantes do Programa Estruturante Saúde Perto de Você.

Local: Porto Alegre - RS
Data: 27/05/2010
Foto: Silvio Alves / Palácio Piratini
Código: 34628

A presidente do Comitê de Ação Solidaria durante evento em São João do Polêsine
A presidente do Comitê de Ação Solidária, Tarsila Crusius acompanhada (dir./esq.) do prefeito de Restinga Sêca, Tarcizo Bolzan, do prefeito de Faxinal do Soturno, Clóvis Montagner, do assessor especial do Gabinete da Governadora, Jorge Pozzobom, e da prefeita de São João do Polêsine, Denise Predebom durante entregado do contrato de liberação para instalação do centro de diagnóstico e imagem, unidade de radiologia, clinico medico, e fisioterapia da região da Quarta Colônia.

Local: São João do Polêsine - RS
Data: 27/05/2010
Foto: Itamar Aguiar / Palácio Piratini
Código: 34616

Onze municípios ganham certificados do Projeto RS Amigo do Idoso
A secretária adjunta da Saúde, Rejane Richter, representando a Governadora Yeda Crusius, acompanhada de Sandra Vial, Milton Stella, e o prefeito de São Paulo das Missões, Valmir Thume , entrega certificados da estapa piloto do projeto RS Amigo do Idoso a 11 municípios gaúchos .


Local: Porto Alegre - RS
Data: 27/05/2010
Foto: Paula Fiori
Código: 34608





Fonte: Palácio Piratini

Comentário do Leitor

Para: jornalnegritude@yahoo.com.brDe sua opinião deixou um novo comentário sobre a sua postagem "Movimento Negro de Pelotas":

Atividades Carnavalescas em Pelotas!!!
(comentário a noticia do Diário Popular de 25/05)

Creio que as Entidades que discutem o carnaval não estão muito cientes das decisões que tem para tomar. Lendo a reportagem de hoje (25/05) do DP, me deparei com os possíveis locais do carnaval, e fiquei chocada. É a exclusão definitiva da festa popular do calendário popular (para ser redundante e trágico!).Colocar o carnaval em áreas periféricas da cidade, pode até parecer uma alternativa de potêncialização das regiões, mas sem duvida nenhuma também pode parecer uma forma de exclusão de uma comemoração popular, referênciada como uma das melhores da região (não que eu compartilhe dessa opinião! nem se quer participo da folia).
Me preocupa significativamente o fato de quererem que o carnaval aconteça no Pestano ou na Guabiroba. Se o carnaval já costuma ser apontada como uma festa violênta em área de grande circulação social - como as áreas centrais das cidades, imagina em localidades afastadas? Digo isso com base em outros eventos, nada carnavalescos que já ajudei a organizar, ou mesmo participei e vi o descaso, por exemplo da Brigada Militar, em seder policiamento ao evento em detrimento a outros acontecimentos na cidade, como a Fenadoce (Falo do Corpus Christi, que acontece na mesma época da feira em geral, e que muitas vezes os jovens tão referênciados na manhã seguinte pelo glorioso trabalho, passam dificuldades a noite com os vandalos e motoristas desrespeitosos na madrugada... Isso que é um evento na zona central... mas a Fenadoce, como sempre é a Fenadoce, uma referência na cidade).
Creio que isso seja de interesse coletivo, não pela participação em si da folia de Momo, mas pela repercursão negativa que um carnaval em área afastada pode levar. Ou talvez esse seja mesmo o motivo para tal sandisse, afastar o carnaval das áreas centrais e colocar a responsabilidade de eventuais disturbios cometidos na empolgação da folia, na criminalidade que ronda os nossos bairros periféricos. Lamentável!! Façamos algo... enquanto há tempo!

Talvez deveria eu escrever mais um pouco para não ser tachada como preconceituosa. Mas creio que preciso é ouvir. Ouvir das pessoas envolvidas com o carnaval, com o movimento negro da cidade, dos moradores das localidades, dos apaixonados pelo carnaval, dos que detestam carnaval os argumentos (bons, muito bons e maus), economicos, sociais e políticos para que o carnaval aconteça em áreas tão, tão distantes (a saber... os locais cogitados são: Ferreira Viana - não há informação em qual altura da via; Avenida Leopoldo Brod e Lindolfo Collor (em direção a Guabiroba). A distância está no ponto de referência... imaginem comigo um morador do Bairro Getulio Vargas que não perde um carnaval, se deslocar até a Guabiroba? Imaginem um morador da Gotuzzo indo até o Pestano? Não vou nem falar mais nada.

Virgínia Borges



Postado por De sua opinião no blog Jornal Negritude em 27 de maio de 2010 21:56