Rádio WNews

sábado, 16 de agosto de 2014

Eram Malas e Malas de Dinheiro (Revista Veja)

8 de agosto de 2014
Caro leitor, aqui estão os destaques de VEJA desta semana.
VEJA.com - veja@abril.com.br
  
Edição da semana (n° 2386 - 13 de agosto de 2014)
 
 "Eram malas e malas de dinheiro" - Exclusivo: Meire Poza, a contadora que trabalhava com o caixa do doleiro preso Alberto Youssef, revela como era o esquema de lavagem de dinheiro utilizado por políticos do PT, PMDB e PP

"Eram malas e malas de dinheiro"
Exclusivo: Meire Poza, a contadora que trabalhava com o caixa do doleiro preso Alberto Youssef, revela como era o esquema de lavagem de dinheiro utilizado por políticos do PT, PMDB e PP

♦ 
Índice da edição
 
 
Entrevista - O ex-ministro da Agricultura, Roberto Rodrigues, diz que o controle dos preços dos combustíveis põe em risco a liderança do Brasil no etanolEntrevista
O ex-ministro da Agricultura, Roberto Rodrigues, diz que o controle dos preços dos combustíveis põe em risco a liderança do Brasil no etanol
 
Dieta - Marmitas criativas, sucos prensados, frutas orgânicas e tudo sem lactose. Parece pouco (e às vezes é mesmo), mas pode ser uma delíciaDieta
Marmitas criativas, sucos prensados, frutas orgânicas e tudo sem lactose. Parece pouco (e às vezes é mesmo), mas pode ser uma delícia
 
 
Brasil
A farsa da CPI, quadro a quadro
Em quase vinte minutos, vídeo conta a história de uma tenebrosa transação para enganar o Congresso, desmoralizar a CPI e ludibriar a opinião pública
 
 
Música - Como o Carnagie Hall, maior casa de concertos do mundo, equilibra agenda de shows com um programa educativo para levar música a todosMúsica
Como o Carnagie Hall, maior casa de concertos do mundo, equilibra agenda de shows com um programa educativo para levar música a todos
 
Celebridade - Fafá de Belém, Musa das Diretas, já foi próxima de Lula e do PT. Hoje recebe candidatos à Presidência para jantar em sua casaCelebridade
Fafá de Belém, Musa das Diretas, já foi próxima de Lula e do PT. Hoje recebe candidatos à Presidência para jantar em sua casa
 
 
Iraque
A destruição dos povos
Entre os objetivos dos extremistas iraquianos está o extermínio das minorias do país. Algumas delas não têm nem opção de se converter ao islamismo
 
 
Lya Luft - Primeiras perguntasLya Luft
Primeiras perguntas
 
J.R. Guzzo - Saindo do armárioJ.R. Guzzo
Saindo do armário
 
 
Saúde
O maior surto do vírus mais letal
Com o número de casos perto de 1800 e o de mortos de 970, a atual epidemia de Ebola na Ã?frica assusta até os analistas mais pessimistas
 
 
 
Destaques on-line
 
Mapa das coligações - Um infográfico interativo produzido pelo site de VEJA mostra  quais partidos estão na órbita de cada candidato à Presidência da República e  aos governos estaduais neste ano. A combinação de dados no gráfico revela, por  exemplo, que o PT formou seis coligações com siglas de oposição à presidente  Dilma Rousseff, como DEM, PPS e Solidariedade, nas regiões Norte e Nordeste.  Outro cruzamento de informações indica que o PMDB, tido como "parceiro  preferencial" do PT, participa de dez coligações ao lado de petistas e nove com  os tucanos, o que expõe o racha no partido.
Mapa das coligações
Um infográfico interativo produzido pelo site de VEJA mostra quais partidos estão na órbita de cada candidato à Presidência da República e aos governos estaduais neste ano. A combinação de dados no gráfico revela, por exemplo, que o PT formou seis coligações com siglas de oposição à presidente Dilma Rousseff, como DEM, PPS e Solidariedade, nas regiões Norte e Nordeste. Outro cruzamento de informações indica que o PMDB, tido como "parceiro preferencial" do PT, participa de dez coligações ao lado de petistas e nove com os tucanos, o que expõe o racha no partido.
 
 
Um currículo para o Brasil
Embora os alunos brasileiros enfrentem avaliações nacionais como a Prova Brasil e o Enem, o país não possui um currículo unificado, que estabeleça o que os estudantes do ensino básico devem aprender - e quando. Mas agora existe a determinação para que o MEC finalize uma proposta de currículo até 2016. Reportagem em VEJA.com aponta os desafios a ser enfrentados para que a tarefa se cumpra.
 Biochip, você vai usar um
Celulares, relógios inteligentes que se podem vestir e, agora, biochips. No mercado, já estão disponíveis dispositivos do tamanho de um grão de arroz que, colocados sob a pele, substituem as chaves de casa e a senha do smartphone. Grandes empresas de tecnologia planejam em breve medir por meio deles, de maneira contínua, o nível de oxigênio no sangue, a frequência cardíaca e a temperatura corporal. Reportagem no site de VEJA explica o funcionamento desses dispositivos e o que eles podem trazer de avanço em relação aos chamados wearables.
 
 
Suco VIP
O Brasil é o maior exportador de suco de laranja do mundo. Mas no mercado interno, quem domina as vendas são as bebidas artificiais, com poucos nutrientes e muitos conservantes, como os refrescos e o néctar. A situação esquizofrênica é explicada pelo preço. Na Europa, o suco brasileiro natural de caixinha é comercializado a um valor próximo de 3 reais. Em território nacional, varia de 6 a 10 reais. Reportagem do site de VEJA mostra como a carga tributária e os altos custos de produção transformam o suco num artigo quase de luxo.
 
 
 
 
Colunistas
Blog: Blog - Reinaldo AzevedoBlog
Reinaldo Azevedo
Farsa em CPI
Paulo Bernardo tira a pele de cordeiro: agora o PT quer um regime de lobo entre lobos
Radar on-line: Radar on-line - Lauro JardimRadar on-line
Lauro Jardim
Eleição
Cabral tenta ampliar força de Aezão e atrair homem de Paes para o palanque tucano
Coluna: Coluna - Augusto NunesColuna
Augusto Nunes
Debate eleitoral
Nas campanhas como no futebol brasileiro, os atacantes são hoje uma espécie em extinção
Quanto Drama!: Quanto Drama! - Patrícia VillalbaQuanto Drama!
Patrícia Villalba
Paixão brasileira
Cidades: Cidades - Mariana BarrosCidades
Mariana Barros
Fortunas
Blogs da redação
Infográficos: Impávido Colosso - Crime mata mais por dia no Brasil que o confronto entre Israel e Palestina Infográficos
Impávido Colosso
Crime mata mais por dia no Brasil que o confronto entre Israel e Palestina
Língua portuguesa: Sobre Palavras - Conspirações Língua portuguesa
Sobre Palavras
Conspirações
Acesse http://veja.abril.com.br/newsletter para cancelar o envio deste e-mail.
Nosso serviço de cadastramento solicitará seu e-mail e senha. Se não souber a senha, digite seu e-mail e clique no item
"Esqueci minha senha". Uma senha provisória será enviada para sua caixa postal para possibilitar o acesso ao serviço. 

Copyright © Editora Abril S.A.
 - Todos os direitos reservados

Outras Palavras

Boletim de Atualização - Nº 430 - 9/8/2014

Crise climática: por que agir agoraNovos dados revelam que derretimento da Antártida é acelerado e potencialmente catastrófico, enquanto começa outro ciclo de negociações sobre redução das emissões de carbono. Por Bill McKibben (Outras Palavras)
A Rússia – quem diria – protege um dissidente americano
Moscou estende por três anos (e com regalias) visto de permanência concedido a Edward Snowden. Agora, homem que revelou vigilância militar dos EUA poderá viajar pelo mundo. Por Cauê Seinemartin Ameni (Blog)
É possível consumir sem alienar-se?
Novo aplicativo permite desvendar, pelo código de barras, práticas antiéticas que empresas tentam esconder. Ferramenta já é usada para boicotes -- por exemplo, contra produtos israelenses. Por Gabriela Leite (Blog)

Parabéns, 
abuelas argentinas!Reencontro de avó com neto desaparecido na ditadura recompensa inovações políticas lançadas, na luta pelos direitos humanos, por mulheres com mais de 80 anos. Por Juana Kweitel (Blog)

Seis razões para defender Fernando Haddad
Administrando cidade falida, cercado pela mídia, esquecido por seu partido, prefeito de S.Paulo resiste. Confronta interesses poderosos. Inova. Como aproveitar esta oportunidade rara? Por Ermínia Maricato, em Carta Maior (Outras Mídias)
Ebola: a omissão da indústria farmacêutica
Autoridade de Saúde Pública da Inglaterra toca em velha ferida: laboratórios, em "falência moral" não investem contra doença que só atinge africanos. Por Jane Merrick (Outras Palavras)

Maconha medicinal: crônica de um preconceito bizarroComprovadamente eficaz contra certas doenças, substância não pode ser importada ou produzida no Brasil. Há gente morrendo por isso. Por Lucas Buzatti, no Desentorpecendo a Razão (Outras Mídias)
Cultura indígena no centro do BrasilEncontro no norte de Goiás valoriza e reúne etnias indígenas e grupos quilombolas, em um país que desconhece suas próprias origens. Texto e fotos: Vanessa Cancian (Blog)

Brincar, a revolução que faltava
Novo olhar sobre "Tarja Branca", filme que debate medicalização da infância e adormecimento dos afetos. Alternativa questionadora: brincadeiras, para crianças e adultos. Por Lais Fontenelle (Outras Palavras)

A morte é uma exagerada
Transformar o mundo e mudar de vida, como exigiam Marx e Rimbaud, parece muita vezes sem sentido. Mas, há algum sentido em estar parado? Crônica de Nuno Ramos de Almeida (Outras Palavras)
-- Boletim de atualização do site Outras PalavrasA reprodução é bem-vinda. Interessados em recebê-lo devem clicar aqui. Para deixar de receber, aqui. Acompanha nossas novidades também no Facebook e Twitter


_______________________________________________
Boletimdiplo mailing list
Boletimdiplo@listas.tiwa.net.br
http://listas.tiwa.net.br/listinfo/boletimdiplo
Descadastrar: envie email a Boletimdiplo-unsubscribe@listas.tiwa.net.br

Folha do Livro


 

Abre no dia 20 o agendamento para os encontros com autores na Área Infantil e Juvenil da Feira

Os professores de ensino fundamental interessados podem agendar seus alunos, a partir do dia 20 de agosto, para que participem de encontros com escritores e ilustradores no ciclo O Autor no Palco, que ocorrerão no Teatro Sancho Pança da Área Infantil e Juvenil. Baixe o formulário de agendamento clicando no link: Formulário de agendamento O Autor no Palco.
 
Na mesma data, também abre o agendamento dos encontros com escritores que ocorrerão na Casa do Pensamento, o espaço do público jovem na Feira, para alunos do ensino médio e dos anos finais do ensino fundamental. Baixe o formulário de agendamento clicando no link: Formulário de agendamento Casa do Pensamento.
 
Em ambos os casos, ao obter o agendamento, o professor assume o compromisso de promover a leitura de obras do autor por seus alunos. Não há exigência quanto ao título, podendo cada aluno ler o que prefira ou o que consiga na biblioteca da escola ou por outros meios.
 
O agendamento em contações e cantações de histórias e em espetáculos de teatro de bonecos, no QG dos Pitocos, para crianças em idade pré-escolar; em espetáculos, saraus e outras atividades, no Teatro Sancho Pança, para alunos da Educação para Jovens e Adultos, e em encontros com ilustradores, no Ateliê da Imagem, na programação paralela da 9ª Traçando Histórias - Mostra de Ilustração de Literatura Infantil e Juvenil, para alunos do ensino fundamental, abrem no dia 1º de setembro.

Inscrições para o ciclo A Hora do Educador começam dia 19


Confira a programação nos números 2 e 3 da Folha do Livro: 
 
Folha do Livro 2
 
 

Traçando Histórias terá formação para professores

No dia 25 de agosto, das 9 às 17h, ocorrerá, no auditório da Livraria Paulinas, formação para professores que pretendem levar seus alunos para visitar a 9ª Traçando Histórias - Mostra de Ilustração de Literatura Infantil e Juvenil -- que ocorrerá na Galeria Leste do Santander Cultural, durante a Feira do livro --, com a seguinte programação:
 
9h - 9ª Traçando Histórias - Mostra de Ilustração de Literatura Infantil e Juvenil: um pouco da trajetória do evento e apresentação da programação paralela a ser realizada durante a Feira do Livro - com a profªa Gláucia de Souza

9h30min - relatos de experiência (30min cada)

EEEF Porto Alegre (Programa Lendo pra Valer a partir da obra da Laura Castilhos, com as profªs Jaqueline Sarmento e Ana Jandira Alves).

Colégio de Aplicação da UFRGS - Profªs Aline Becker e Gláucia de Souza

EMEF Cirandinha (Programa de Leitura Adote um Escritor a partir das obras de Renata Bueno, com a profª Adriana Gimenes)

12h - almoço

13h30min- Formação com a profª e ilustradora Paula Mastroberti

15h30min - intervalo

15h50min - retomada encontro de formação até às 17h

Inscrições abertas: leitura@camaradolivro.com.br
 

Inter de Lages x Concórdia


A caminho do oeste
Em duelo que vale a liderança da Série B, Inter viaja para enfrentar o Concórdia no domingo
A sexta rodada da Série B do Campeonato Catarinense terá o encontro entre as duas equipes de melhor campanha na competição. No domingo, o Internacional de Lages, líder do torneio, enfrenta o Concórdia, vice-líder e único invicto da segunda divisão até o momento. O jogo será no estádio Domingos Machado de Lima, em Concórdia, às 17h.
Em cinco rodadas, o Inter, que tem 12 pontos, venceu quatro vezes e perdeu apenas uma. O Concórdia, por sua vez, está com 11 pontos após três vitórias e dois empates. Este será o primeiro confronto entre os dois clubes desde 2008 (conheça o histórico dos confrontos neste link).
O treinador colorado, Nasareno Silva, segue sem poder contar com o zagueiro Átila e o volante Maguila, que estão contundidos. A equipe também estará desfalcada do meia Leo Franco. O camisa 10 do Internacional lesionou seu joelho esquerdo ao tentar firmar o pé no gramado do Estádio Vidal Ramos Júnior no jogo contra o Camboriú, no último domingo.
Everlan, Ildemar e Guilherme (que tem atuado na lateral-esquerda) são os outros meias do elenco do Inter, mas o substituto de Leo Franco só será conhecido no domingo. Habitualmente, o Internacional divulga a escalação apenas no dia das partidas.
O árbitro de Concórdia x Inter de Lages será Célio Amorim, e seus auxiliares serão Rosnei Hoffmann Scherer e Thiago Americano Labes. O Inter viaja para Concórdia neste sábado.

Reencontro
Conheça o histórico do confronto Concórdia x Inter; equipes não se enfrentam desde 2008
O jogo entre Concórdia e Inter de Lages neste domingo, em Concórdia, será o 11° no histórico dos confrontos entre as duas equipes - e o primeiro em seis anos. A última vez que o Leão Baio e o Galo do Oeste mediram forças foi no dia 4 de outubro de 2008 pela divisão especial (atual Série B) do estadual.
No ano de 2008, o Colorado Lageano tinha disputado a segunda divisão pela última vez antes do hiato encerrado só agora, em 2014, com o retorno do clube à segundona. Depois de 2008, o Internacional ficou fora dos gramados na temporada de 2009 e disputou a divisão de acesso (atual Série C) entre 2010 e 2013, quando ficou com o título.
Nas dez partidas realizadas até aqui, o Inter venceu cinco e o Concórdia, quatro. Apenas uma terminou empatada: foi o duelo do dia 12 de junho de 2005, realizado em Concórdia, que acabou 1 a 1.
A média de gols nos jogos entre Inter e Concórdia é alta. Nos dez confrontos, foram marcados 38 gols - ou 3,8 por partida. O Inter marcou 22 vezes e o Concórdia, 16.
O Concórdia que o Inter vai enfrentar no domingo não é o mesmo que o Colorado Lageano enfrentou na primeira metade dos anos 90. Aquele Concórdia surgiu a partir da mudança de nome do Guaicurus, time que usou esse nome até 1989. O Concórdia Atlético Clube de hoje foi fundado em 2005 e nasceu a partir do Concórdia Futebol Clube, criado dois anos antes. Assim, o histórico de dez confrontos leva em consideração as partidas realizadas a partir de 2003.
NOS ANEXOS:
- O meia Leo Franco, desfalque do Inter para domingo
- Montagem com os escudos de Inter e Concórdia
-- 
Inter de Lages
Imprensa

www.interdelages.com.br

Site Noticia Que Avião de Eduardo Campos Sofreu Sabotagem

Entretenimento, humor, dicas e muita diversão !

http://videosviraisdanet.net/wp-content/themes/0257%20-%20Tudoenoticias/images/icn-search.png); background-attachment: initial; background-size: initial; background-origin: initial; background-clip: initial; background-position: 0px 0px; background-repeat: no-repeat;"> 
    14/08/2014 18h:20 - Atualizado em 14/08/2014 18h:20

    Indícios de que Eduardo Campos foi assassinado e avião sabotado..

    admin
    A morte do Governador Eduardo Camposcandidato a Presidência repercutiu por todo o mundo.
    Após as investigações iniciarem, algumas evidências já foram encontradas e estão sendo enviados para uma perícia superior.
    Quatro agentes da Abin foram presos por suspeita de bisbilhotar a vida do governador, todos estavam disfarçados de portuários.
    Nos últimos meses, a presidente Dilma Rousseffreacomodou no ministério partidários que havia demitido após denúncias de corrupção. Forçou governadores do PSB a minar planos do governador Eduardo Campos.
    Dilma como sucessora do ex-presidente Lula, está tentando montar a maior coligação eleitoral da história, para que os rivais não tenham com quem se aliar futuramente.
    Tudo é feito com as caras completamente abertas, assim como a volta dos “faxinados” PR e PDT à Esplanada, não sendo só isso, também há uma face clandestina no superior governista, que tem direito a espionagem por agentes de estado.
    Eduardo Campos foi um dos alvos dessa ação, devido ser considerado uma ameaça ao PT e à reeleição de Dilma. O PT temia que os votos da região Nordeste fossem divididos entre Dilma eCampos.
    Em 11 de Abril,  quatro espiões da Abin (Agência Brasileira de Inteligência) foram detidos se passando por funcionários que trabalhavam no local, o foco dos Abin’s eram buscar informações para serem usadas contra Eduardo Campos. O que eles menos esperavam é que a Secretaria de Segurança Pública já estavam de olho neles, disfarçados de portuários, eles foram abordados por seguranças e apresentaram documentos falsos alegando serem operários do evento que estava em andamento.
    Em seguida, os seguranças acionaram a PM e os agentes acabaram se identificando serem da Abin e estarem em uma missão sigilosa e pediu que não fossem feitos registros oficiais da detenção.
    Fonte: Tudo e Notícia

    Plenária Nacional



     
    ----- Original Message -----
    Sent: Tuesday, August 12, 2014 11:55 AM
    Subject: Plano de Ação Nacional definido em nossa IV Plenária Nacional

    Bom dia, lutadores/as!!

    Faltando três semanas para abertura de todas nossas urnas, finalizamos no último domingo nossa IV Plenária Nacional do Plebiscito Constituinte, um momento que nos deu muito fôlego e animação para voltar pra casa e continuar construindo a campanha dedicando os últimos esforços na reta final. Durante a Plenária, definimos um Plano de Ação para orientar nossas ações daqui em diante. Enviamos em anexo esse documento, para subsidiar a organização do trabalho de todos os comitês.

    Além disso, sugerimos que confiram em nossa página outros três documentos aprovados nessa IV Plenária. os links estão abaixo:

    1) Moção de Solidariedade ao Povo Palestino

    2) Declaração da IV Plenária Nacional do Plebiscito da Constituinte

    3) Carta de apoio ao Plebiscito Constituinte - Presidente da Comissão da CNBB que acompanha a Reforma Política (Dom Joaquim Giovani Mol Guimarães)

    Logo enviaremos os encaminhamentos finais da Plenária, que compõem, junto com esses documentos, a síntese do encontro.

    Forte abraço!

    Constituinte Quando??
    Jááá!!


    Plebiscito Popular por uma Constituinte Exclusiva e Soberana do Sistema Político
    Secretaria Operativa Nacional
    011-2108-9336