Grêmio 1 x 0 Botafogo

Grêmio 1 x 0 Botafogo
Libertadores 2017

sexta-feira, 27 de agosto de 2010

Carta 15

Edição número 238


Vídeos dos candidatos
Os vídeos de apresentação dos candidatos a deputado estadual e federal do PMDB gravados entre os dias 9 e 12 de julho estão liberados. Eles podem ser acessados através do Link Eleições 2010, no espaço de cada candidato, no site do Diretório Estadual (www.pmdb-rs.org.br/eleicoes2010). Clique aqui para acessar o Link Eleições 2010
Prefeitos, vereadores e a disputa presidencial
As Associações de Prefeitos e Vices e de Vereadores decidiram liberar os seus correligionários sobre qual posição tomar na disputa presidencial. Os prefeitos, depois de consulta à executiva do órgão, optaram por assumir essa posição imediatamente. Já os vereadores, apesar de seguirem a mesma tendência, antes de anunciarem a decisão oficial, irão se reunir na primeira semana de setembro para bater o martelo sobre o tema.
Fogaça na Região Metropolitana
José Fogaça, candidato do PMDB ao Governo do Estado, reforça a campanha da coligação Juntos pelo Rio Grande na Região Metropolitana neste sábado, 21. Fogaça participa de atividades em Cachoeirinha, Gravataí, Alvorada e Viamão. Clique aqui para acessar a agenda
Prestação de contas
Passada a primeira fase da prestação de contas, é hora de organizar as movimentações financeiras para a segunda etapa. De 28 de agosto a 3 de setembro, os candidatos devem declarar no site do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) todas as operações e movimentações feitas desde o início do pleito 2010 até o momento de envio da declaração. Os candidatos que tiveram problemas na primeira prestação de contas devem proceder a segunda etapa, independentemente.
Fonte: PMDB

Carroceiro é Legal na Propaganda Eleitoral em Vacaria RS

Segundo informações em Vacaria RS uma candidata a Deputada Estadual está com uma propaganda sua numa carroça de um catador de lixo. Talvez o catador de lixo seja legal o nosso blog do Jornal Negritude para ela não é legal. Cada um tem as alianças que merecem.

Juntos por Caxias








Marisa e Pepe Caminhando Juntos por Caxias

Os candidatos Marisa Formolo deputada estadual e Pepe Vargas deputado federal estão visitando moradores dos bairros de Caxias. No fim de semana, estiveram no Vila Ipê, no Mariani e conversaram com as pessoas na Praça Dante. Aliás, você já visitou o Comitê Pepe e Marisa? Fica ao lado da praça.
Saiba mais...
Cambará do Sul está com Marisa e Pepe

Na sexta-feira (20.08) foi aberto em Cambará do Sul comitê das campanhas Marisa Formolo deputada estadual e Pepe Vargas deputado federal. O comitê está localizado na rua Francisco Ritter, 1267.
Saiba mais.
CNT/Sensus: Dilma tem 17,9 pontos de frente

A candidata da coligação “Para o Brasil seguir mudando” está mais de 17,9 pontos percentuais à frente de Serra, na pesquisa estimulada CNT/Sensus, divulgada nesta terça-feira (24). Dilma tem 46% das intenções de voto, contra apenas 28,1% do candidato tucano.
Leia mais...
Marisa Deputada Estadual - CNPJ 12.170.969/0001-90Unidade Popular pelo Rio Grande - PT - PSB - PCdoB - PR Comitê de CampanhaRua Marquês do Herval, 1225 - Caxias do Sul - (54) 3214.3514

Passeata Colorada em Vacaria RS


Cozinha Brasil

Projeto Cozinha Brasil promove formatura no Presídio Central 26/08/2010 18:04
Nesta quinta-feira (26), às 15 horas, no auditório do Presídio Central de Porto Alegre, ocorreu a formatura de 57 apenados participantes do Projeto Cozinha Brasil Susepe/Sesi. O evento contou com a presença do secretário da Segurança Pública, Edson de Oliveira Goularte e de Cristina Soirefmann, da Divisão de Saúde do Departamento de Tratamento Penal da Superintendência dos Serviços Penitenciários (DTP/Susepe), representando a diretora do DTP, Tatiana La-Bella. Além da formatura, o evento teve o show das cantoras Bárbara Moisinho e Carla Zambiazi.
O projeto prevê uma economia de 30% no preparo dos alimentos, com o aproveitamento de todas as partes, inclusive o que normalmente é dispensado nos vegetais, como caule, talos, cascas e folhas. O curso ensina, também, a fazer o uso correto de óleo e sal, ajudando na redução da taxa de colesterol.
O projeto Cozinha Brasil tem como metas o trabalho junto à população carcerária, conceitos de educação alimentar, saúde, qualidade de vida e a participação no processo de ressocialização dos apenados. Também o propósito de sugerir mudanças nas preparações alimentares servidas nas penitenciárias, promovendo um maior valor nutritivo e prevenção de doenças crônicas não transmissíveis como hipertensão, diabetes e obesidade.
Fonte: Ascom Susepe

Estrela do PT fora de Moda Nas Campanhas Eleitorais

Lemos esses dias num artigo do Jornal Zero Hora sobre a estrela não tem muita visibilidade nas campanhas eleitorais. Aqui em Vacaria RS o símbolo foi uma cuia de chimarrão. Eu pessoalmente sou contra as coligações deveria cada partido sair sozinho com faixa própria. A Via Popular aqui formada por vários partidos que até o momento ainda não vimos um trabalho consistente. A símbolo da coligação Via Popular deveria ser um liquidificador pois é uma salada de frutas ninguém sabe quem manda na Atual Administração qual o partido que comanda o nosso município. Esperamos que até o final do mandato a gente consiga ver melhorias em nossa cidade.

Henrique Fontana

Segundo informações o Deputado Federal Henrique Fontana estará em Vacaria RS como sempre não fomos comunicados pelos assessores da atual Administração e nem convidados. O PT aqui em Vacaria RS despreza as pequenas mídias talvez os puxa sacos de plantão de algumas emissoras de rádio e jornais esses com certeza foram convidados. Mas vamos onde somos convidados como não fomos não vamos divulgar o evento.

Trajetórias Distintas

Duas trajetórias distintas
Fonte: http://www.cartamaior.com.br/templates/blogMostrar.cfm?blog_id=1&alterarHomeAtual=1
*Emir Sader - Sociólogo e cientista político.
Nas horas mais difíceis se revela a personalidade – as forças e as fraquezas - de cada um. Os franceses puderam fazer esse teste quando foram invadidos e tinham que se decidir entre compactuar com o governo capitulacionsista de Vichy ou participar da resistência. Os italianos podiam optar entre participar da resistência clandestina ou aderir ao regime fascista. Os alemães perguntam a seus pais onde estavam no momento do nazismo.
No Brasil também, na hora negra da ditadura militar, formos todos testados na nossa firmeza na decisão de lutar contra a ditadura, entre aderir ao regime surgido do golpe, tentar ficar alheios a todas as brutalidades que sucediam ou somar-se à resistência. Poderíamos olhar para trás, para saber onde estava cada um naquele período.
Dois personagens que aparecem como pré-candidatos à presidência são casos opostos de comportamento e daí podemos julgar seu caráter, exatamente no momento mais difícil, quando não era possível esconder seus comportamentos, sua personalidade, sua coragem para enfrentar dificuldades, seus valores.
José Serra era dirigente estudantil, tinha sido presidente do Grêmio Politécnico, da Escola de Engenharia da USP. Já com aquela ânsia de poder que seguiu caracterizando-o por toda a vida, brigou duramente até conseguir ser presidente da União Estadual dos Estudantes (UEE) de São Paulo e, com os mesmos meios de não se deter diante de nada, chegou a ser presidente da UNE.
Com esse cargo participou do comício da Central do Brasil, em março de 1964, poucas semanas antes do golpe. Nesse evento, foi mais radical do que todos os que discursaram, não apenas de Jango, mas de Miguel Arraes e mesmo de Leonel Brizola.
No dia do golpe, poucos dias depois, da mesma forma que as outras organizações de massa, a UNE, por seu presidente, decretou greve geral. Esperava-se que iria comandar o processo de resistência estudantil, a partir do cargo pelo qual havia lutado tanto e para o qual havia sido eleito.
No entanto, Serra saiu do Brasil no primeiro grupo de pessoas que abandonou o país. Deixou abandonada a UNE, abandonou a luta de resistência dos estudantes contra a ditadura, abandonou o cargo para o qual tinha sido eleito pelos estudantes. Essa a atitude de Serra diante da primeira adversidade.
Por isso sua biografia só menciona que foi presidente da UNE, mas nunca diz que não concluiu o mandato, abandonou a UNE e os estudantes brasileiros. Nunca se pronunciou sobre esse episódio vergonhoso da sua vida.
Os estudantes brasileiros foram em frente, rapidamente se reorganizaram e protagonizaram, a parir de 1965, o primeiro grande ciclo de mobilizações populares de resistência à ditadura, enquanto Serra vivia no exílio, longe da luta dos estudantes. Ficou claro o caráter de Serra, que só voltou ao Brasil quando já havia condições de trabalho legal da oposição, sem maiores riscos.
Outra personalidade que aparece como pré-candidata à presidência também teve que reagir diante das circunstâncias do golpe militar e da ditadura. Dilma Rousseff, estudante mineira, fez outra escolha. Optou por ficar no Brasil e participar ativamente da resistência à ditadura, primeiro das mobilizações estudantis, depois das organizações clandestinas, que buscavam criar as condições para uma luta armada contra a ditadura militar.
No episódio da comissão do Senado em que ela foi questionada por ter assumido que tinha dito mentido durante a ditadura – por um senador da direita, aliado dos tucanos de Serra -, Dilma mostrou todo o seu caráter, o mesmo com que tinha atuado na clandestinidade e resistido duramente às torturas. Disse que mentiu diante das torturas que sofreu, disse que o senador não tem idéia como é duro sofrer as torturas e mentir para salvar aos companheiros. Que se orgulha de ter se comportado dessa maneira, que na ditadura não há verdade, só mentira. Que ela e o senador da base tucano-demo estavam em lados opostos: ela do lado da resistência democrática, ele do lado da ditadura, do regime de terror, que seqüestrada, desaparecia, fuzilava, torturava.
Dilma lutou na clandestinidade contra a ditadura, nessa luta foi presa, torturada , condenada, ficando detida quatro anos. Saiu para retomar a luta nas novas condições que a resistência à ditadura colocava. Entrou para o PDT de Brizola, mais tarde ingressou no PT, onde participou como secretária do governo do Rio Grande do Sul. Posteriormente foi Ministra de Minas e Energia e Ministra-chefe da Casa Civil.
Essa trajetória, em particular aquela nas condições mais difíceis, é o grande diploma de Dilma: a dignidade, a firmeza, a coerência, para realizar os ideais que assume como seus. Quem pode revelar sua trajetória com transparência e quem tem que esconder momentos fundamentais da sua vida, porque vividos nas circunstâncias mais difíceis?
*Graduado em Filosofia pela Universidade de São Paulo, mestre em filosofia política e doutor em ciência política por essa mesma instituição. Foi professor de Filosofia e Ciência Política da USP. Foi também pesquisador do Centro de Estudos Sócio Econômicos da Universidade do Chile e professor de Política na Unicamp. Atualmente, é professor aposentado da Universidade de São Paulo e dirige o Laboratório de Políticas Públicas (LPP) da Universidade do Estado do Rio de Janeiro, onde é professor de sociologia. É autor de "A Vingança da História", entre outros livros.
-----Anexo incorporado-----
_______________________________________________Cartaoberro mailing listCartaoberro@serverlinux.revistaoberro.com.brhttp://serverlinux.revistaoberro.com.br/mailman/listinfo/cartaoberro

Com Pedaços de Pau e Pedras

“COM PEDAÇOS DE PAU E PEDRAS”


Laerte Braga


O presidente do Irã Mahmoud Ahmadinejad disse em discurso na inauguração da usina nuclear de Bushehr, em presença de autoridades russas e de seu país (a usina tem tecnologia russa e se destina à produção de energia) que a defesa da revolução islâmica no caso de um ataque norte-americano ou por parte de Israel, que “nossas opções não terão limites, envolverão todo o planeta”.

Documentos liberados pelo site WikiLeaks e criados pela unidade especial da CIA – CENTRAL INTELIGENCY AGENCY – apontam casos em que cidadãos norte-americanos financiaram atividades terroristas.

Em documentos anteriores o mesmo site, perto de noventa e dois mil documentos sobre as guerras do Iraque e do Afeganistão, mostra que o governo dos Estados Unidos exporta terrorismo na forma de seqüestros, assassinatos seletivos, prisões indiscriminadas em qualquer parte do mundo, práticas acentuadas no governo de George Bush como reação ao ataque às torres gêmeas do World Trade Center.

Uma das grandes dificuldades do atual presidente dos EUA Barack Obama é desmontar esse aparato repressivo, bárbaro, que, no todo, acaba se vendo presa fácil de quadrilhas de grande porte no tráfico de drogas, de mulheres e agora tráfico de petróleo a partir do México.

As políticas de terceirização de atividades de inteligência e militares postas em curso por Bush geraram distorções de tal ordem que nem a Casa Branca sabe mais a real extensão de todo o conjunto de insensatez do governo anterior.

Essas dificuldades se apresentam visíveis na reação de republicanos comandados agora pelo senador John McCain, derrotado nas eleições presidenciais por Obama e deixam claros os novos contornos do que era uma nação e hoje é um conglomerado de interesses privados de bancos, corporações do petróleo, das armas, com tentáculos capazes de paralisar o Estado e transformar a maior nação do mundo numa grande empresa voltada para o terrorismo.

Obama até agora não conseguiu entrar no salão oval.

A guerra global é uma realidade e pode ser entendida na afirmação feita por Hans Blinx, mês passado, sobre as advertências feitas a Bush que não existiam provas da presença de armas químicas e biológicas no Iraque. Blinx fala que os norte-americanos estavam “em estado de embriaguez pelo poder do arsenal que dispunham”. E continuam a dispor. Blinx foi um dos inspetores da ONU no Iraque à época que precedeu a invasão daquele país pelos EUA, à revelia do Conselho de Segurança da ONU.

Só que agora boa parte do que se convencionou chamar de forças armadas é controlada por empresas privadas e muitas ações pertinentes àquelas forças, são executadas por essas empresas. Generais norte-americanos são fachadas para executivos de companhias que tanto operam contra os Talibãs no Afeganistão, como traficam drogas, mulheres, armas, petróleo, lavam dinheiro, toda a sorte de operações criminosas de grande porte e possíveis.

A união de todas as máfias sonhada e desejada por cada chefe mafioso na história dessas organizações criminosas. Chegaram ao topo. Vendem democracia, drogas, mulheres, lavam dinheiro e têm milhares de ogivas nucleares capazes de destruir o planeta pelo menos cem vezes.

A vala com corpos de cidadãos latino-americanos que foi encontrada no México exibe o estado de caos que permeia aquele país. Ou “ex-país”. Colônia dos EUA desde a assinatura do NAFTA (tratado de livre comércio entre EUA, Canadá e México).

Uma das conseqüências ou exigências para que o conglomerado terrorista formado pelos EUA e por Israel opere é a presença de governantes dóceis e isso se consegue com corrupção. Foi o caso de FHC no Brasil, Menem na Argentina, Uribe na Colômbia e é agora com Calderón no México. Para citar apenas latino-americanos.

O chamado mundo institucional é a face visível em cor laranja dos operadores do terrorismo de estado.

No Brasil trabalham a partir do PSDB, DEM, PPS, mídia privada (GLOBO, FOLHA DE SÃO PAULO, RBS, VEJA, ÉPOCA, etc) e corporações de banqueiros, empresas nacionais e multinacionais e latifúndio. Se abrigam simbólica e realmente na sigla FIESP/DASLU.

O golpe militar em Honduras e a farsa democrática montada com o governo terrorista de Pepe Lobo (mais um jornalista foi assassinado hoje, quinta-feira, dia 26 de agosto, o nono neste ano), não difere de ações na Colômbia a partir do governo central, ou no México, tanto quanto o massacre de palestinos por Israel e as guerras do Iraque e do Afeganistão.

Despejam seus dejetos em containers democráticos no mar da Somália, ou em navios que enviam ao Brasil.

São perto de quinhentas bases militares dos EUA em todo o mundo e uma série de operações em todo o planeta para manter intato o poder dos grupos que controlam a mega empresa EUA/ISRAEL TERRORISMO S/A.

Ahmadinejad não disse nada diferente do que acontece na prática, disfarçada de democracia cristã e ocidental. Quis apenas mostrar que seu país está pronto para reagir a esse terrorismo e tem condições militares de fazê-lo.

O Irã detém a terceira maior reserva de petróleo do mundo. Ao transformar-se numa potência coloca em risco os “negócios” das grandes corporações que detêm o controle acionário de EUA/ISRAEL TERRORISMO S/A.

São assassinatos de civis no México, na Colômbia, em Honduras, no Iraque, no Afeganistão, ou de líderes de movimentos de resistência por agentes de Israel com documentos oficiais, mas nomes falsos, de países controlados pelos EUA (Grã Bretanha, Itália e Alemanha) e tudo isso mostrado ao mundo em forma de torta de maçã com canela pela mídia privada e corrompida.

Ou como disse a um grupo de professores e alunos de uma universidade paulista em visita à redação do JORNAL NACIONAL, o apresentador do dito cujo, sobre determinada notícia. “Esta não, pois contraria os nossos amigos americanos”.

Um dos fatos mais significativos desse estado de terrorismo oficial está no último discurso do presidente Lula ao referir-se ao diretor da FOLHA DE SÃO PAULO como alguém que queria saber se ele falava inglês. Se não fala, como vai governar o País? É que a FOLHA pensa em inglês, e empresta caminhões para que mortos por tortura sejam desovados em pontos de São Paulo. Preconceito puro, estampado em cores vivas na imbecilidade dos subordinados ávidos de poder.

O que tem uma coisa a ver com a outra? O discurso de Lula, o Irã, a guerra global?

Todos os fatos se encadeiam num projeto terrorista gerado em Washington desde o fim da guerra fria, para controle do resto do mundo, o que Fidel Castro chamou de “governo mundial”.

Quem acha que Hitler perdeu está equivocado. Por enquanto, em boa parte do mundo está ganhando e levando. Só mudou de bandeira. Tem as estrelas do Tio Sam e a de Davi.

E de nome.

Quem tiver boa memória vai se lembrar dos momentos que antecederam ao anúncio da invasão do Iraque. O terrorista George Bush apareceu em rede mundial de tevê sendo maquiado. Transformado por pós e cremes em anjo de guarda da democracia. Dias depois, quando ainda era viva a resistência iraquiana à invasão, proclamou que se necessário fosse “para evitar a destruição em massa do planeta, os EUA usarão armas atômicas no Iraque”.

Essa destruição em massa está acontecendo desde que Ronald Reagan assumiu o governo dos EUA. O papel de presidente bonzinho vivido por Jimmy Carter terminou com o próprio.

No filme DOCTOR STRANGELOVE, do extraordinário cineasta Stanley Kulbrick, um general comandante de uma base nuclear norte-americana decide por conta própria atacar a ex-URSS. Afirma que o comunismo está chegando ao seu país “pela água”.

O terrorismo norte-americano/sionista chega por bases militares (a Europa Ocidental hoje é colônia dos EUA), por golpes de estado, pela mídia privada vendendo idéias e factóides montados para transformar o ser humano em mero objeto.

Reduzir o Irã, a Venezuela, a Coréia do Norte, a Bolívia, Cuba, Nicarágua e alguns outros países a classificação de “ditaduras” é parte desse jogo de dominação, é a guerra global em curso.

Assassinar civis latino-americanos e jogá-los em covas rasas (México, Colômbia e Honduras) é apenas construir outras formas de muros para que o genocídio de palestinos se transforme em algo corriqueiro.

E palestinos restamos sendo todos nós.

Comemorar a morte de civis iraquianos com expressões como “matamos os bastardos”, quer dizer apenas que boçais fardados tomaram o petróleo do Iraque. Que os “negócios” vão continuar prosperando.

Sustentar governos de fachada como na Colômbia, no México, em Honduras, Costa Rica (“sem a polícia, sem a milícia...” A canção cantada por Milton Nascimento já não tem mais sentido, só saudades, uma base militar dos EUA já está sendo montada em San José), Afeganistão, Iraque, etc, controlar os países europeus, avançar sobre a América Latina, matar a África de fome, isso é a guerra global.

A barbárie capitalista. Tem sede em Washington e em Tel Aviv e filiais em todos os cantos do mundo.

No Brasil a mídia privada vende vinte e quatro horas por dia a idéia que Hollywood é o paraíso.

Se você conseguir pular o muro e escapar dos “grupos organizados de extermínio”.

A não ser que seu nome seja William Bonner, Boris Casoy, ou outros menores como Miriam Leitão, Lúcia Hipólito, Pedro Bial, Reinaldo Azevedo, Diogo Mainardi, um monte. E lógico, o tal Frias da FOLHA da ditabranda.

Com sorte, consegue virar ex-BBB e escapar para as cavernas, pois a próxima guerra, a quarta, a terceira está em curso, como dizia Einstein, será travada “com pedaços de pau e pedras”.

O que Ahmadinejad disse foi apenas que seu povo resistirá. E está pronto para isso.

-----Anexo incorporado-----
_______________________________________________Cartaoberro mailing listCartaoberro@serverlinux.revistaoberro.com.brhttp://serverlinux.revistaoberro.com.br/mailman/listinfo/cartaoberro

Campanha


O Coelho e a Cobra

Poa, 26/08/10
Para descontrair sua noite.Beijos.
Deise Nunes.
Um coelho cego descia para sua toca quando esbarrou em uma grande cobra que ali estava.
- Desculpe-me , disse ele. Não tinha a intenção de trombar com você, mas sou cego!
- Não há problema - responde a cobra. Não percebi você chegar: é que eu também sou cega! Que tipo de animal você é? - Bem, não sei muito bem: sendo cego, nunca me vi! Talvez você me consiga me examinar e descobrir que tipo de bicho eu sou.A cobra apalpou o coelho e disse: - Bem, você é macio, tem orelhas longas e sedosas, uma cauda que parece um pompom e um pequeno nariz. Você deve ser um coelho! Então a cobra disse que também não sabia que tipo de animal ela era e o coelho concordou em tentar descobrir. Após ter examinado a cobra, ele conclui: - Você é dura, fria, áspera e ao mesmo tempo viscosa; não tem saco, mas parece masculina...
Já sei: você deve ser a Dilma Roussef !!!

Corsan

Corsan realiza melhorias no abastecimento de água na cidade
A Corsan de Vacaria já está realizando alguns investimentos na cidade conforme prevê o novo contrato assinado entre o município e a companhia.A princípio, a Corsan está realizando melhorias com a substituição de 120 metros da rede de abastecimento de água na Avenida Samuel Guazzelli (FOTO), cuja rede de abastecimento existe há mais de 30 anos.Para o mês de setembro, estão previstos mais 4 mil metros de canos de abastecimento de água que irão beneficiar os bairros Petrópolis e Cristal.O novo contrato também prevê a criação do Fundo Municipal de Saneamento. O referido projeto já está em tramitação na Câmara Municipal de Vereadores e prevê a formação de um conselho deliberativo que decidirá onde serão investidos os recursos da Corsan.Data: 27/08/2010 - 10:50Fonte: Adelar Gonçalves/Rádio Esmeralda FM - 93,1

Dilma 49% x Serra 29%

De: Marcelo Sereno Assunto: Dilma 49% x Serra 29%Para: marcaoga@yahoo.com.brData: Quinta-feira, 26 de Agosto de 2010, 20:37
Companheir@s,
Quanto mais outubro se aproxima, mais a campanha ganha força. Hoje o nosso dia começou com boas notícas: Dilma 49% e Serra 29%. Estamos muito perto de eleger a primeira mulher presidente do Brasil. É o PT novamente rompendo barreiras e quebrando preconceitos.
Faltam 38 dias e muito trabalho temos pela frente. Precisamos eleger uma bancada forte no congresso e no senado para dar sustentação ao governo da Dilma. Nesta semana fizemos um trabalho intenso na Baixada Fluminense. Estar em contato com a população é um momento feliz, como receber o apoio do meu companheiro José Dirceu ou ainda, ter a notícia da boa aceitação da campanha.

Veja o video que ele gravou em meu apoio: www.youtube.com/watch?v=ptpYf49ts6Y
Confira as novidades no blog:
“Marcelo Sereno recebe apoio de José Dirceu”: www.blogdosereno.com.br/blog/2010/08/marcelo-sereno-recebe-apoio-de-jose-dirceu
“Marcelo Sereno está entre os favoritos nas Eleições”: www.blogdosereno.com.br/blog/2010/08/marcelo-sereno-esta-entre-os-favoritos-nessas-eleicoes
Abraços,
Marcelo Sereno
Deputado Federal - 1314
Sigam-me no Twitter: @fiquesereno1314
Orkut: www.orkut.com.br/Main#Profile?uid=10244797149745501462
Facebook: http://www.facebook.com/#%21/BlogdoSereno
Coligação para o Brasil seguir mudando: PT, PMDB, PC do B, PDT, PR, PSB, PSC, PTN
Coligação Juntos pelo Rio: PT, PMDB, PTB, PSB, PC doB, PP, PSC, PTN, PTC, PMN, PSL, PRP, PRTB, PSDC, PHB, PDT

Seminário de Segurança Pública em Vacaria RS


O Gabinete de Gestão Integrada – GGI se reuniu nessa manhã onde foi discutido a implantação de mais 20 câmeras de videomonitoramento para a área central e bairros de Vacaria. Os equipamentos vão ser instalados nos próximos dias e o funcionamento deve iniciar em Setembro. Os integrantes da GGI discutiram também sobre o Seminário Municipal de Segurança que acontecerá em novembro. O Major Gilmar Vieira destaca que todos os órgãos de segurança e a comunidade devem participar, onde os pontos ligados a segurança serão debatidos. O Promotor de Justiça Luís Augusto Gonçalves Costa destaca que o seminário servirá para melhorar a segurança no município.
por Eleandro Bonesi - Fatima , dia 23/08/2010 às 12:20

Passeata Colorada em Vacaria RS




Fantasia do Hitler




Escola australiana pede desculpas por premiar aluno fantasiado de Hitler
Sex, 27 Ago, 10h48
SYDNEY (AFP) - Uma escola do oeste da Austrália pediu desculpas aos pais de seus alunos nesta sexta-feira, depois que um menino vestido como Adolf Hitler ganhou um concurso de fantasias.
A fantasia do aluno de 9 anos foi escolhida a melhor de sua sala pelo diretor e por professores. A roupa incluía uma suástica, símbolo do regime nazista.
A escola católica - cujo nome não foi revelado - fica na cidade de Perth. Uma carta pedindo desculpas aos pais das crianças foi enviada nesta sexta-feira, após uma série de reclamações sobre a fantasia.
"É uma coisa que, olhando para trás, faríamos diferente", afirmou o diretor, cujo nome não foi divulgado, ao jornal local The West Australian. Ele tentou se defender estimando que "Hitler era uma pessoa bastante famosa".
"Para mim, estão fazendo uma tempestade em copo d'água", acrescentou, em entrevista ao diário.
A carta aos pais indica que futuros concursos de fantasias considerarão apenas personagens "adequados para estudantes da escola primária", e que todos os cuidados seriam tomados para que os alunos compreendessem a "sensibilidade" em torno de certas pessoas.
Fonte: Yahoo