Rádio WNews

segunda-feira, 21 de junho de 2010

Copa FGF

FGF anuncia a Copa FGF deste ano

A Federação Gaúcha de Futebol fez um comunicado oficial, através de seu site, sobre a Copa FGF deste ano, que será chamada de Copa Ênio Costamilan, em homenagem ao dirigente da SER Caxias.
A competição terá início no dia 8 de agosto e será finalizado no dia 28 de novembro deste ano.
Os clubes interessados em participar de tal campeonato, deverão manifestar seu interesse até o dia 29 de junho.
Como já ocorreu na Segundona do corrente ano, a Primeira Fase da Copa FGF será regionalizada, e o campeão garante o direito de disputar a Série D do Campeonato Brasileiro de 2011.
Nos próximos dias, a direção do G.E.Glória deverá anunciar de forma oficial sua participação na Copa do Segundo Semestre da Federação.

por Neto Ferreira - Assessor de Imprensa G.E.Glória
netoferreira@gloriadevacaria.com.br

Comentário do Leitor

Para: jornalnegritude@yahoo.com.brmarcinhudufusca@hotmail.com deixou um novo comentário sobre a sua postagem "Drama de Cabanhas":

olha quem atirou no cabanhas e um covarde,ele e um cara maneiro gostaria muito de ve-lo na copa mas por causa de um psicopata o cabanhas nao foi mas Deus vai abençoar o cabanhas e tira-lo dessa situaçao vou esta torcendo por voce cabanhas.Marcinhudufusca.



Postado por marcinhudufusca@hotmail.com no blog Jornal Negritude em 20 de junho de 2010 23:52

Itália 1 x 1 Nova Zelândia - Soccer World Cup 2010 South Africa - Copa d...

Brasil 3 x 1 Costa do Marfim -- 1° Fase da Copa do Mundo 2010 -- 2° Roda...

Brasil 3 x 1 Costa do Marfim -- 1° Fase da Copa do Mundo 2010 -- 2° Roda...

Brasil Vence Costa do Marfim e se Classifica

No primeiro tempo a Seleção do Brasil jogou não muito bem só fez o gol. No segundo tempo melhorou muito apesar do gol ilegal do Luiz Fabiano, a injustiça da expulsão do Kaká que não é jogador violento, o jogador da Costa do Marfim encenou o tirou o Kaká do jogo. A Costa do Marfim muito violenta. Elano saiu machicado numa entrada violenta. Drogba provou ser o melhor centro-avante africano e fez o gol da Costa do ?Marfim. As seleções africanas infelizmente acho que não irão longe nesta copa, a Europeização das Seleções da África estão estragando e matando o talento do futebol africano. A Seleção Brasileira temos que aguardar eu na minha opinião que não temos time para ser campeão do mundo. Nas oitavas e quartas é a hora da verdade. Até agora somente a Argentina e o Uruguai me convenceram. Apesar dessa ser uma Copa que a gente nota a globalização, as seleções não são bobas e sabem jogar futebol.

Brasil 3 x 1 Costa do Marfim -- 1° Fase da Copa do Mundo 2010 -- 2° Roda...

GOLEADA NA COPA 2010 PORTUGAL 7 x 0 COREIA DO NORTE.wmv

GOLEADA NA COPA 2010 PORTUGAL 7 x 0 COREIA DO NORTE.wmv

Lajeadense na Série A

Lajeadense sobe para a Série A


O Lajeadense derrotou o Cruzeiro por 3 a 0, sábado à noite, em Lajeado, e classificou-se para a Série A do Campeonato Gaúcho de 2011. O time da Capital também já tinha garantido, na quarta-feira, o seu retorno à elite do futebol estadual.

Os gols foram marcados por Robert e Rudiero, no primeiro tempo, e Castiano, que completou o placar na segunda parte. Tão logo o árbitro pelotense Leonardo Gaciba apitou o fim do jogo, a torcida invadiu o campo para comemorar a vitória e a conquista da vaga. A festa tomou a cidade de Lajeado. Os jogadores e a comissão técnica desfilaram pelas ruas centrais em um caminhão de Bombeiros. O foguetório e o buzinaço foi ouvido por todos os lugares em uma grande comemoração.

A última vez que o Lajeadense disputou o Campeonato Gaúcho da Série A foi há 11 anos, em 1999.

No outro jogo da última rodada, em Farroupilha, Brasil 3 x 1 São Paulo.

Lajeadense e Cruzeiro voltam a se encontrar para definir, em dois jogos - um na Capital e outro no Florestal -, o título da Segundona 2010.








--------------------------------------------------------------------------------

ESPORTES > esportes@correiodopovo.com.br

Coletiva de Dunga após jogo contra Costa do Marfim 29-06-2010 parte 1 So...

Uma Mão de Deus


''Foi uma mão de Deus''

Luís Fabiano não marcava gols pela Seleção Brasileira havia nove meses
Crédito: FABRICE COFFRINI / afp / cp
Luís Fabiano não marcava gols pela Seleção Brasileira havia nove meses
Crédito: FABRICE COFFRINI / afp / cp


Um lance que ainda vai dar o que falar, não só pela plasticidade, mas, principalmente, pela forma com que Luís Fabiano ajeitou a bola, duas vezes, para marcar o segundo gol do Brasil na vitória por 3 a 1 sobre a Costa do Marfim, ontem, no Soccer City. O centroavante da Seleção Brasileira usou a mão para dar uma ajudinha na jogada que uniu o talento com a famosa malandragem do jogador brasileiro.

"O toque com a mão na bola foi involuntário, então não conta. É melhor a gente ficar falando do gol, que foi uma pintura", brinca Luís Fabiano. Havia nove meses que ele não marcava um gol pela Seleção. O atacante homenageou uma das filhas, Giovana, que ontem completou 6 anos de idade.

"Fiz o número seis com as mãos para homenageá-la. Ano passado, na Copa das Confederações, no dia do aniversário dela, a gente jogou contra a Itália e eu também fiz dois gols naquela oportunidade. Hoje (ontem) aconteceu de novo", lembra.

O mais curioso é que, quando retornava ao centro do gramado, após comemorar o polêmico gol, Luís Fabiano foi abordado pelo árbitro francês Stephane Lannoy. O juiz fez um sinal insinuando que o jogador havia colocado a mão na bola, mas o "Fabuloso" negou e os dois deram risada. "Foi uma mão santa, uma mão de Deus", disse na entrevista logo após deixar o gramado. "Marcar um gol desses em uma Copa do Mundo é fantástico. Para ficar mais bonito, o gol tinha que ter um toque duvidoso. É um dos mais bonitos da minha carreira", acrescentou.

O centroavante agradeceu a confiança dos companheiros e do técnico Dunga. "Está todo mundo de parabéns pela vitória", finaliza.

O técnico da Costa do Marfim, Sven-Goran Eriksson, fez duras críticas ao gol validado pela arbitragem. "Acho que o Brasil não deveria se queixar, já que tiveram um gol de graça", afirma, se referindo às reclamações do Brasil quanto à violência dos marfinenses durante o jogo. "Eles já têm o Luís Fabiano. E ainda mais quando ele usa as mãos, fica mais difícil. Não foi uma vez, foram duas", comenta Eriksson.




Fonte: Correio do Povo

Suiça 1 x 0 Espanha Soccer World Cup 2010 South Africa - Copa do Mundo ...

Brasil Vence Costa do Marfim


Brasil vai em frente
Time de Dunga faz 3 a 1 e começa a brilhar na Copa da África

Luís Fabiano (C) e Elano (frente) marcaram os gols de uma vitória convincente do Brasil na Copa, resultado que garantiu antecipadamente a classificação
Crédito: ROBERTO schmidt / afp / cp
Luís Fabiano (C) e Elano (frente) marcaram os gols de uma vitória convincente do Brasil na Copa, resultado que garantiu antecipadamente a classificação
Crédito: ROBERTO schmidt / afp / cp


Dois gols de Luís Fabiano e um de Elano garantiram o desencanto brasileiro na Copa da África do Sul, ontem, em Johanesburgo, vitória por 3 a 1 diante da Costa do Marfim. O time foi se ajustando durante o jogo, começou a se acertar, a brilhar, sofreu violência, Kaká foi expulso ao dar um cotovelaço no adversário, Dunga reclamou da atuação do juiz, Luís Fabiano admitiu que um dos gols foi com a ajuda involuntária do braço, mas o Brasil mostrou que pode, sim, ser Hexa. Ontem abriu mais uma porta. Agora, é Portugal para encerrar a primeira etapa. A classificação está garantida, o time está indo rumo a outro título.





Fonte: Correio do Povo

Goleada Portuguesa


Portugal faz goleada histórica na Coreia do Norte
Placar de 7 a 0 é o mais elástico até aqui na Copa do Mundo da África do Sul










Portugal goleia Coreia do Norte por 7 a 0
Crédito: Hoang Dinh Nam/ AFP
A seleção de Portugal venceu a Coreia do Norte por 7 a 0 na manhã desta segunda-feira, no estádio Green Point, na cidade do Cabo, em jogo válido pelo Grupo G da Copa do Mundo. Depois de um primeiro tempo fraco, os portugueses deslancharam e não tomaram conhecimento do adversário. Construíram a maior goleada no Mundial da África do Sul na primeira fase. Os gols foram marcados por Raul Meireles, Simão, Hugo Almeida, Tiago – duas vezes -, Liédson e Cristiano Ronaldo.

No encerramento da fase classificatória, o time de Carlos Queiroz precisará apenas de um empate contra o Brasil para alcançar as oitavas de final. A seleção norte-coreana, eliminada, encerrará a terceira rodada da chave contra Costa do Marfim.

Confira um slideshow especial da Copa do Mundo

Coreia do Norte começa bem, mas Portugal abre o placar

Portugal e Coreia do Norte chegaram no Green Point, na Cidade do Cabo, para protagonizar um bom espetáculo no primeiro tempo. A chuva não desanimou as duas seleções que apresentaram futebol razoável para o público que esteve presente no estádio.

Diferentemente da partida contra o Brasil, a Coreia do Norte foi quem começou melhor. O time de Kim Jong-Hun jogava para frente, se arriscava e levou perigo para Portugal. No entanto, a primeira chance da partida foi dos lusitanos. Após escanteio cobrado, Ricardo Carvalho chegou cabeceando e colocou a bola na trave. Um susto para o goleiro Myong.

A partir daí, os norte-coreanos imprimiram um ritmo maior nas suas ações de ataque. Queriam aproveitar o gramado molhado para arrematar de fora da área. Por vezes, pregaram peças no arqueiro Eduardo. Aos 15 minutos, Young Jo bateu forte e Tai Se pegou o rebote de cabeça. O centroavante asiático quase abriu o placar. Mais tarde, aos 23, Yum Nam tentou da intermediária. A bola ganhou altura e passou pela linha de fundo, próximo da meta portuguesa.

Mais tradicional em Mundiais, a camiseta de Portugal pesou. Aos 28, Raul Meireles recebeu um lançamento de Simão na direita. O meia bateu forte e rasteiro. Os lusitanos abriram o placar, apesar do pouco volume no ataque. Injustiça na Cidade do Cabo.

A vantagem deu mais tranquilidade para a seleção de Carlos Queiroz, que se desvencilhou da ansiedade e manteve a posse de bola. Os ataques da Coreia do Norte diminuíram até que fossem extinguidos por completo. O intervalo chegou e o resultado do primeiro tempo aproximou os portugueses da classificação no grupo G.

Goleada Portuguesa com certeza

O vestiário fez muito bem para Portugal. A atitude passiva da primeira etapa foi esquecida e Carlos Queiroz fez com que seus atletas começassem a jogar futebol. Cristiano Ronaldo, sumido na partida, começou participar de tabelas e jogadas criativas. Finalmente aparecia ali o jogador que o Real Madrid contratou e que no Manchester United se acostumou a brilhar com dribles insinuantes.

Menos pomposo, porém mais efetivo, o meia Raul Meireles se transformou num dos principais nomes do jogo. Aos sete minutos do segundo tempo ele lançou Simão dentro de área. O atacante bateu rasteiro e venceu o goleiro Myong.

A Coreia do Norte mal deu a saída de bola e já retornou para o campo de defesa. Portugal não quis dar mais chances para a seleção asiática que aos dez foi vencida mais uma vez. Coentrão fugiu pela esquerda e cruzou. No alto, Hugo Almeida cumprimentou o arqueiro norte-coreano. Estava decretada a goleada portuguesa.

Cristiano Ronaldo deixa o dele

A seleção de Carlos Queiroz estava impossível e não arrefeceu. Aos 14, Cristiano Ronaldo fez boa jogada pela esquerda e cruzou rasteiro. Tiago guardou seu primeiro gol na partida. Desnorteada, a Coreia do Norte tentou buscar socorro nas substituições. Kum Il e Sung Chol entraram, mas não seguraram o passeio lusitano no Green Point.

Aos 35 minutos, Liedson, que acabara de entrar no jogo deixou o seu. Ele concluiu um cruzamento vindo da esquerda, de Tiago. Portugal chegava, com um gol luso-brasileiro, à maior goleada na Copa do Mundo da África do Sul.

Cristiano Ronaldo, sedento por um golzinho – ele não marcava havia 16 meses –, queria estufar as redes também. Depois de uma jogada inusitada, trombou com o goleiro norte-coreano. A bola ficou na sua nuca e caiu na sua frente. Ele só encostou para o fundo das redes.

A Coreia do Norte acreditava que o vexame não poderia ser pior, mas Tiago fez questão de mostrar o contrário. Aos 43, após lançamento da esquerda, o volante cabeceou, para a bola entrar no canto esquerdo do goleiro Myong.

Com seis gols construídos na segunda etapa, Portugal ficou mais perto das oitavas de final. Apenas um empate com o Brasil já garante o passaporte lusitano para os jogos eliminatórios.

Copa do Mundo 2010 – Grupo G

Portugal 7
Eduardo; Paulo Ferreira, Bruno Alves, Ricardo Carvalho e Coentrão; Tiago, Pedro Mendes, Raul Meireles (Miguel Veloso); Cristiano Ronaldo, Hugo Almeida (Liedson) e Simão (Duda). Técnico: Carlos Queiroz.

Coreia do Norte 0
Ri Myong-guk; Cha Jong-hyok (Sung Chol), Jun Il, Nam Chol (Kum Il) e Kwang Chon; Yun Nam, In Guk (Yong Jun), Chol Jin e Yong Hak; Yong Jo e Jong Tae-se. Técnico: Kim Jong-hun.

Gols: Raul Meireles, 28/1º; Simão, 7/2º; Hugo Almeida, 10/2º e Tiago, 14/2º e 43/2º; Liédson, 35/2º e Cristiano Ronaldo, 40/2º

Árbitro: Pablo Pozo (Chile)

Local: estádio Green Point, na Cidade do Cabo

Confira no gráfico abaixo a tabela da Copa e muito mais




Fonte: Correio do Povo

Chile Vence Suiça


Chile vence Suíça e fica perto das oitavas de final
Mark González marcou o único gol da partida









Gonzalez marcou o gol do Chile na vitória sobre a Suíça
Crédito: Phillipe Huguen / AFP
Em jogo marcado por recorde histórico da defesa da Suíça, o Chile conseguiu superar a forte paredão defensivo da equipe europeia, venceu por 1 a 0 e ficou perto de garantir a vaga para as oitavas de final da Copa do Mundo. Precisará agora de um empate contra a Espanha para confirmar a liderança e a classificação no Grupo H.

Confira um slideshow especial da Copa do Mundo

Antes de sofrer o gol chileno no segundo tempo, a Suíça completou 558 minutos sem ter as redes balançadas e superou o recorde anterior da Itália, que ficou 550 minutos sem sofrer gol - de 1986 a 1990. Em 2006, a Suíça disputou quatro partidas e foi eliminada nas oitavas de final da Copa da Alemanha, após ser derrotada nos pênaltis pela Ucrânia. Neste ano, a equipe suíça entrou com ares de azarão no Mundial da África do Sul, e surpreendeu ao derrotar na estreia a favorita Espanha por 1 a 0.

A vitória chilena no jogo desta segunda em Port Elizabeth manteve o bom retrospecto dos países sul-americanos no Mundial. Uruguai, Argentina, Brasil, Paraguai e Chile lideram os seus grupos.

Os suíços, mesmo com a derrota, continuam com chances de avançar. Precisarão derrotar Honduras na última rodada por dois gols de diferença para não depender de mais nenhum resultado.

Apesar do recorde da defesa, não foi fácil para a Suíça encarar o Chile. Os suíços atuaram com um jogador a menos desde os 30 minutos do primeiro tempo. Behrami deixou o braço e atingiu Vidal em disputa de bola na lateral. O arbitro árabe Khalil al Ghamdi não pensou duas vezes em mostrar o cartão vermelho.

Para tentar segurar o marcador, o técnico Ottmar Hitzfield tirou o atacante Frei para colocar Barnetta, num esquema mais defensivo. O Chile criou uma boa chance no primeiro tempo. Aos 40 minutos, o atacante Beausejou cruzou pela direita. Alexis Sánchez dominou no peito, mas chutou fraco.

Na etapa final, o técnico Marcelo Bielsa colocou Gonzalez na vaga de Vidal e Valdivia no lugar de Suazo. O Chile foi para a pressão. Aos 3 minutos do segundo tempo, Fernandez cobrou falta rasteiro para a entrada da área. Sanchez arriscou o chute e Gonzalez, impedido, desviou para o gol. O arbitro corretamente anulou a jogada.

Aos 11 minutos, Grichting cometeu uma falha incrível e perdeu a bola para Sanchez. O chileno invadiu a área pela diagonal e não conseguiu passar pelo goleiro Benaglio, que fez bela defesa.

A muralha suíça caiu aos 29 minutos da etapa final. Paredes recebeu passe de Valdivia pela direita, ganhou do goleiro e cruzou. Livre na pequena área, Gonzalez mandou de cabeça para o fundo do gol, para alegria de Marcelo Bielsa.

Veja a tabela de jogos da Copa e muito mais no infográfico abaixo:





Fonte: Correio do Povo

Sobre Dunga

segunda-feira, 21 de junho de 2010
Sobre Dunga

Confesso que estava evitando entrar no tema: Dunga e a seleção brasileira. Como colorada e brasileira, sou fã do Dunga do Inter e daquele que jogou nas Copas com a camiseta verde-amarela. Sei quando minha emoção me impede de ver os fatos com maior clareza. Também não tenho tempo de acompanhar tanto futebol como gostaria. Isso me dá menores condições do que muitos para julgar a seleção de Dunga e seus méritos e deméritos. Além disso, ontem achei que o nosso futebol está voltando a ficar bonito e acho natural que a equipe leve um tempo para se entrosar, acho natural que os jogadores fiquem aflitos no primeiro jogo. Acho natural, embora, como todos os brasileiros, torça para fique muito melhor.
Mas hoje quero falar sobre Dunga. E sobre o direito que ele tem se defender. A grande imprensa, sobretudo a Globo, massacra ao Dunga cotidianamente. Afirmava, por exemplo, que não era certa a vitória contra a Costa do Marfim. Ele ganhou. Entendo a posição que ele ocupa (a pior de todo o Brasil, em minha opinião. Ninguém se mete tanto, infelizmente, nas grandes questões da política. Já no futebol...) mas ele está fazendo o trabalho dele, do jeito que sabe e com marcas que são suas desde sempre. O Dunga já tinha mal humor quando levantou a taça de campeão do mundo, já era fechado quando foi convidado para treinar a seleção. Ele não mudou. E em minha opinião, tem o direito de continuar o mesmo, de se irritar com quem debocha dele e depois faz perguntas irônicas na coletiva.
O que mudou? Que interesses Dunga contraria? Algumas pessoas torcem tanto contra ele que acabam torcendo contra o Brasil!!!
Jornalistas merecem todo respeito. Estão fazendo seu trabalho. Mas também devem, minimamente, respeitar o dos outros. Porque se jornalistas são humanos e gostam mais de tal pessoa técnicos também o são. E também tem o direito de se defenderem.
Escrito por Manu às 10:50
Blog da Manuela