Rádio WNews

terça-feira, 2 de março de 2010

Foto Glória 3 x 0 Guarani VA

Ensino



Ensino
Governadora inaugura escola em distrito de Caxias do Sul
Yeda Crusius inaugurou, nesta segunda-feira (1º), a Escola Estadual de Ensino Médio no Distrito de Fazenda Souza, que recebeu investimentos de R$ 1 milhão. Gestão Pública
Apresentados investimentos para região de Caxias e aplicação de R$ 3,6 bi no RS em 2010
Durante reunião-almoço na Câmara da Indústria e Comércio (CIC) de Caxias do Sul, Yeda Crusius destacou que, em 2010, virão novos investimentos.















Interior
Descentralização do Detran chega à regional de Caxias
A unidade caxiense tem espaço para cinco turmas, cada uma ocupando 13 terminais, em provas realizadas de segunda a sexta-feira. Corag
Estado entrega 34 mil cadernos em Rio Grande
Evento aconteceu durante inauguração do Centro de Formação Escola Viva em Rio Grande e integra o Projeto Cadernos para Todos, que doou 1 milhão de cadernos em 2009. Irga
Entrega do Selo Ambiental é destaque durante a 20ª Colheita do Arroz
O Selo ofertado pelo Irga a partir de 2008, é concedido pelo Governo do Estado aos agricultores que seguiram os preceitos das tecnologias mais limpas na lavoura de arroz.

Veja Porto Alegre









2 a 8 de março de 2010


116


Encontre na cidade: Restaurantes | Bares | Comidinhas | Cinema | Teatro


1
DANÇA
Não Se Pode Amar e...
... Ser Feliz ao Mesmo Tempo é baseado na obra de Nelson Rodrigues. No espetáculo, quatro personagens discutem as dúvidas e agonias de quem busca o amor. Nesta terça (2).




2
CINEMA
Um Romance de Geração
Nesta terça-feira (2), o longa de David França Mendes abre a programação de março do Cine Santander Cultural. Na trama, um escritor já esquecido tenta seduzir uma jornalista para voltar à notoriedade que um dia teve.




3
SHOWS
NOFX no Pepsi On Stage
Liderado pelo baixista e vocalista Fat Mike, o quarteto americano de punk rock se apresenta nesta quarta (3). A banda Pernalonga abre o show às 21h30.




4
CINEMA
Mostra de Vídeos Independentes
Nesta quarta (3), serão exibidos quatro curtas-metragens: Acredite nos seus sonhos, Um conto de solidão, Lua de uma noite cheia (foto) e Mundo cão. Na Casa de Cultura Mario Quintana.




5
SHOWS
Nando Reis
Ao lado de sua banda Os Infernais, o cantor e compositor se apresenta nesta quinta (4), no Opinião. Os ingressos estão no terceiro lote (R$ 60,00) e uma apresentação extra foi agendada para sexta (5).




6
CINEMA
Estreia de Coração Louco
O drama, com estreia prevista para sexta (5), concorre a duas estatuetas no Oscar 2010. Jeff Bridges é apontado como o favorito para o prêmio de melhor ator. Já Maggie Gyllenhaal concorre ao prêmio de atriz coadjuvante.




7
TEATRO
A Arte de Escutar
Em cartaz neste fim de semana no Theatro São Pedro, a premiada comédia traz a história de uma mulher que tem o dom de atrair pessoas ansiosas para desabafar e desde cedo pratica a arte de escutar.




8
BARES
Mercatto D'Arte
Eleito pelo júri da edição especial VEJA "Comer & Beber" o melhor endereço para ir a dois na cidade, o bar tem atmosfera romântica. Programe-se para chegar cedo: a casa recebe apenas cinquenta pessoas.




9
EXPOSIÇÕES
Iconografias Femininas
A coletiva reúne desenhos e fotografias de mulheres rio-grandenses no início do século XX. No Museu Julio de Castilhos.




10
CINEMA
O Amor Acontece
O romance tem no elenco Jennifer Aniston e Aaron Eckhart. Ele é um viúvo que torna-se guru da autoajuda depois de escrever um livro que ensina a lidar com perdas. Aniston vive Eloise, mulher por quem Burke se apaixona durante uma de suas palestras.




11
RESTAURANTES
Koh Pee Pee
O melhor restaurante oriental da cidade, segundo VEJA "Comer & Beber", serve comida tailandesa, a exemplo do khao pad goong subparrod que combina camarão, arroz frito, uva-passa e castanha de caju. É necessário fazer reserva.



O que é
Esta newsletter informa o melhor da programação de gastronomia, lazer e entretenimento do Porto Alegre

Senhora Clinton

Os fuzis da senhora Clinton

Breno Altman


O giro sul-americano da secretária de Estado norte-americana é um daqueles fatos ordinários que devem ser lidos para além de sua aparente normalidade. Salvo se algo escapar do roteiro original, manterá um discurso público amigável e tratará de problemas delicados com punhos de renda. Mas nenhum observador atento deve cair na esparrela de que a senhora Clinton veio a passeio.

Afinal, a ex-senadora por Nova Iorque joga um papel estratégico no núcleo duro da Casa Branca. Essa relevância vai além do peso relativo da pasta que dirige: na fórmula de governabilidade sobre a qual se apóia Barak Obama, o Departamento de Estado foi cedido à fração democrata mais afeita ao establishment norte-americano e seus poderosos interesses.

Hillary Clinton talvez seja a principal avalista da elite branca e imperial ao governo Obama. Sob sua batuta se agrupam, no terreno das relações internacionais, os movimentos do lobby sionista, da comunidade cubano-americana, dos consórcios que formam o complexo bélico-industrial. Sua autoridade, muitas vezes, eleva-se a de um contraponto ao próprio presidente.

Após discurso no Cairo, em junho de 2009, quando Obama anunciou uma nova era nas relações de seu país com o mundo islâmico, Hillary logo deixou claro que aquelas palavras bonitas eram letra morta. Publicamente assumiu compromissos e adotou medidas que reafirmavam o alinhamento de Washington com a política expansionista de Israel.

Os acenos de seu chefe a negociações razoáveis com o Irã, ao redor da questão nuclear, foram substituídos por escalada verbal e punitiva conduzida pela secretária de Estado. Suas atitudes soterraram esperanças de que poderia nascer uma nova política para a região. O centro de gravidade da estratégia norte-americana continuaria a ser o exercício da pressão político-militar para forçar rendição incondicional à coalizão vertebrada por Estados Unidos e Israel.

Também a América Latina foi cenário desse dueto desafinado entre o presidente e sua assessora. Quem se lembra do Obama generoso que prometia, na 5ª Cúpula das Américas, em Trinidad e Tobago, um relacionamento diferente com seus vizinhos ao sul? As promessas de diálogo e parceria foram desfeitas pelos acordos bilaterais para a instalação de bases militares na Colômbia, a manutenção do bloqueio econômico contra Cuba e o apoio mal dissimulado ao golpe de Estado em Honduras.

Desde então, a influência de Hillary, e dos interesses que representa, só fez crescer. O presidente Obama, atolado na crise econômica e no fracasso da reforma sanitária, perdeu qualquer ímpeto renovador na política internacional. Refém da maioria conservadora de seu próprio partido, na prática delegou à ex-primeira dama o comando da política externa de seu governo.

Pois é nessa condição, de delegada plenipotenciária, que Hillary organizou seu primeiro périplo sul-americano. Vem com algum cuidado, para sentir o pulso da região e diagnosticar possibilidades. Não traz na bolsa projetos acabados, ainda que seu marido tenha sido o principal mentor da falecida Alca. Mas tem um firme propósito: desbravar novos caminhos de hegemonia em uma região na qual os Estados Unidos perderam muito espaço nos últimos dez anos.

O período republicano foi ironicamente positivo para as forças progressistas latino-americanas. A política imperialista comandada por George W. Bush, cujo momento simbólico foi o apoio ao golpe cívico-militar na Venezuela em 2002, teve efeito tóxico sobre o compadrio das elites locais com a grande potência ao norte. Acabou por incentivar uma nova onda nacionalista no continente, um dos afluentes que levaram a importantes vitórias eleitorais dos partidos de esquerda.

A existência de governos progressistas, contudo, não é o único ingrediente constrangedor para a Casa Branca. O avanço na integração regional, por exemplo, culminada com a proposta de criação de uma comunidade latino-americana sem a participação dos Estados Unidos, não faz a felicidade da turma de Washington. Muito menos a emergência de nações, a exemplo do Brasil, que desafia interesses norte-americanos em outras regiões do planeta, como se passa com a questão iraniana.

A senhora Clinton, nessas circunstâncias, está assumindo a tarefa de tentar mudar uma realidade que lhes é desfavorável, de organizar uma contra-ofensiva que possa dividir e derrotar o bloco progressista. Como fazer isso, no entanto, são outros quinhentos. Os Estados Unidos são ainda um país muito poderoso, sob qualquer ponto de vista, mas enfermo.

Aparentemente o alforje da secretária de Estado traz bondades e maldades. Seus gestos associam propostas bilaterais de assistência econômico-social com ameaças desiguais e combinadas contra governos que auspiciam escapar à área de hegemonia norte-americana. Os objetivos aparentes: fortalecer os países aliados (especialmente Peru, Colômbia e Chile), neutralizar as nações mais frágeis, isolar o arco bolivariano comandado pela Venezuela e obrigar o Brasil a negociações em separado e pautadas principalmente pelos interesses de seus grupos empresariais.

Não se trata, parece evidente, apenas de uma estratégia comercial e financeira. Os Estados Unidos estão relançando sua capacidade de ação militar e de inteligência no continente. O Departamento de Estado também trata de reativar seus laços com grupos políticos e econômicos nacionais, bastante enfraquecidos na era Bush, em um esforço para construir alianças que possam se contrapor ao avanço das correntes de esquerda e nacionalistas.

A verdade é que o giro progressista no continente, depois da derrota dos golpistas venezuelanos em 2002, pode se desenvolver em um cenário de recuo da presença norte-americana. A viagem da senhora Clinton, no entanto, eventualmente signifique uma aposta na reversão desse quadro. Se assim for, os governos populares terão que se mover em um terreno de crescentes conflitos e tensões, no qual a aceleração e a radicalização da unidade regional serão indispensáveis para a continuidade do curso aberto com a eleição dos presidentes Hugo Chávez e Lula.

Breno Altman é jornalista e diretor do sítio Opera Mundi (www.operamundi.com.br)

Prevenção da Dengue

Susepe envia equipe à Ijuí para prevenção da dengue
02/03/2010 11:23


A Superintendência dos Serviços Penitenciários (Susepe), através da Divisão de Saúde do Departamento de Tratamento Penal (DTP), está se unindo ao trabalho realizado pela Secretaria da Saúde na prevenção da dengue em Ijuí. A Susepe vai enviar nesta quinta-feira (04/03) uma equipe de agentes, que foram capacitados pela Vigilância Sanitária de Porto Alegre, para realizar a identificação de possíveis focos do mosquito aedes aegypti, transmissor da dengue, nas dependências da Penitenciária Modulada de Ijuí.

No início de 2009, a Vigilância Sanitária de Porto Alegre capacitou 34 agentes penitenciários de todas as casas prisionais especiais, localizadas em Porto Alegre, Charqueadas, Montenegro, Viamão e Venâncio Aires, para evitar a proliferação do mosquito aedes aegypti, transmissor da dengue, nos presídios.

Segundo Tatiana La Bella, diretora do DTP, a equipe vai realizar este trabalho em Ijuí, mas deverá seguir também para Santa Rosa, onde está havendo o aumento do foco do mosquito. Tatiana ressaltou ainda, que poderá solicitar capacitação, junto às unidades de saúde das regiões Noroeste e Missões, para agentes das unidades prisionais.

Fonte: Ascom/ Susepe

Obras da BR 470

RETOMADA DAS OBRAS DA BR470





Em atenção à solicitação da Bancada Progressista de Lagoa Vermelha (vereadores Luiz Carlos Kramer e Rosalino Vieira), o deputado Francisco Appio (PP) questionou a Superintendência Regional do DNIT sobre a retomada das obras do Lote Lagoa Vermelha/Pontão da BR470. Em resposta obteve as seguintes informações:



1) O contrato entre a Construtora Brasil e o DNIT foi assinado, ao final do ano passado.

2) A Ordem de Serviço foi expedida pelo DNIT.

3) A Licença Ambiental (FEPASM) foi concedida.

4) Os recursos estão empenhados (Emenda de Bancada).



A lenta retomada das obras é de responsabilidade da empresa. Em relação à isenção do ISQN, concedida no contrato anterior, caberá à Câmara de Vereadores decidir sobre a matéria.







Informações e comentários postados no twitter.com/franciscoappio


CORREDOR FITOSSANITÁRIO pode passar hoje na Assembleia. É o Projeto 235 que obriga a inspeção das frutas importadas (inclusive veículos).



PROGRESSISTAS não podem abrir mão de "idéias por cargos" no governo Yeda, como sugeriu o Deputado Covatti, na reunião de ontem.



CORALO ex-vice-prefeito de Passo Fundo morreu na tarde de hoje (01/03) naquela cidade. Partido Progressista está de luto.



CORREDOR FITOSSANITÁRIO (PL 235/2009) será votado nesta terça-feira (02). É para enfrentar a ameaça das pragas dos pomares argentinos.



APOIO à candidata Ana Amélia, indicação do vice e coligação na proporcional, são as três condições para a ALIANÇA das eleições no Estado.



PEDRO BALA (presidente do PP) animado com o sucesso da reunião com lideranças (base) do partido no interior. Indicador do bom momento.



PALESTRAS agendadas pela RBS no interior adiaram a entrada da Ana Amélia na campanha para o Senado. Dia 19 estará em Erechim.



FASE BOA do PP (antigo PDS) tem nome e sobrenome: ANA AMÉLIA LEMOS, "uma luz no fundo do túnel". Sua saída da RBS ficou para 15/03/2010.









Deputado Estadual Francisco Appio - www.appio.com.br

Terremoto no Chile foi o Eixo da Terra


Terremoto no Chile pode ter encurtado duração dos dias, diz Nasa
1 hora, 8 minutos atrás



Washington, 2 mar (EFE).- O forte terremoto que atingiu o Chile no último fim de semana pode ter movido o eixo da Terra e encurtado a duração dos dias, segundo cientistas da Agência Espacial Americana (Nasa).

O pesquisador Richard Gross e seus colaboradores do Laboratório de Propulsão da Nasa avaliaram, com a ajuda de computadores, de que forma o abalo de 8,8 graus na escala Richter poderia ter alterado a rotação do planeta.


De acordo com o estudo, o tremor fez com que um dia na Terra passasse a ter 1,26 microssegundos - um microssegundo é a milionésima parte de um segundo - a menos.


Além disso, os cientistas chegaram à conclusão de que o eixo da Terra - sobre o qual a massa do planeta se mantém equilibrada e que é diferente do eixo norte-sul, de polo a polo - mudou em 2,7 milissegundos (cerca de oito centímetros).


Ainda segundo o cientista, o mesmo modelo de cálculo foi usado para fazer a mesma avaliação no caso do terremoto que atingiu a ilha de Sumatra (Indonésia) em 2004. Por causa daquele tremor de 9,1 graus na escala Richter, os dias foram reduzidos em 6,8 microsegundos, e o eixo do planeta sofreu redução de 2,32 milisegundos - cerca de 7 centímetros.


Gross afirmou que apesar do terremoto no Chile ter sido menor do que aquele, provocou mais alteração no eixo terrestre por ter ocorrido mais longe da linha do equador, e porque a falha geológica na qual aconteceu o terremoto chileno foi mais profunda e ocorreu em um ângulo ligeiramente mais acentuado do que a responsável pelo terremoto de Sumatra. EFE.

Fonte: Yahoo

Samblog

Samblog - clicRBS


--------------------------------------------------------------------------------
Nuances do nosso Carnaval

Posted: 26 Feb 2010 08:54 PM PST

Passeando pela internet, encontrei uma grata surpresa no blog de Daniel Marenco. Talentoso fotojornalista da Zero Hora e apreciador do maior espetáculo popular do planeta, ele deu um toque de arte às imagens estáticas e em movimento que capturou no Porto Seco durante o Carnaval...
Mais nuances do nosso Carnaval

Posted: 26 Feb 2010 08:52 PM PST

Além do Daniel Marenco, também estiveram no Porto Seco os fotógrafos Mauro Vieira e Marcelo Oliveira, outros magos das lentes de Zero Hora e Diário Gaúcho. Escolheram duas facetas para explorar: pés e rostos que desfilaram nos dias do nosso Carnaval...
You are subscribed to email updates from Samblog - clicRBS
To stop receiving these emails, you may unsubscribe now. Email delivery powered by Google
Google Inc., 20 West Kinzie, Chicago IL USA 60610

CPI do PT de Vacaria RS

Conforme requerimento do vereador Douglas Firmino Borges do PMDB, assinado também pelos vereadores Mario Luis Lourencetti Almeida dos Democratas, Leandro Borges de Lima do PMDB, Jane Pinto Andreola Oliboni do PP e Elisabete Ritter de Vargas Silva do PMDB, foi criada a Comissão Parlamentar de Inquérito para apurar possíveis irregularidades no Comitê de Campanha da coligação Via Popular do atual prefeito Elói Poltronieri, conforme gravação de áudio, reproduzida na sessão do dia 14 de dezembro de 2009, onde apresenta indícios de caixa dois. A CPI fica denominada de CPI DO CAIXA DOIS.

Agora os líderes dos partidos tem 03 dias a contar da data de hoje, para indicar os representantes de suas respectivas bancadas, que irão compor esta CPI.

A Comissão Parlamentar de Inquérito será composta no minimo por três e no máximo por sete vereadores., observando o critério de proporcionalidade.

A presidência da Comissão Parlamentar de Inquérito será escolhida pela representação partidária requerente da CPI, cabendo as demais a escolha da relatoria através do voto.

O prazo de funcionamento desta CPI do Caixa Dois, é de 60 dias contados da data da sua instalação, podendo haver prorrogação por mais 30 dias.

O presidente da Câmara Municipal Amadeu de Almeida Boeira, deferiu o pedido da CPI hoje.

Quanto ao requerimento do vereador Dagmar Dengo do PDT, que queria a aglutinação de CPI para apurar também as campanhas dos candidatos a prefeito Angelo Pegoraro e Marcos Palombini, não houve o deferimento por parte da presidência da Câmara de Vereadores.
O IGAM, órgão que assessora a Câmara deu parecer dizendo que neste caso, é preciso a formação de uma outra CPI.


Data: 01/03/2010
Fonte/Crédito: Assessoria de Imprensa

VoltarBuscaBusca de notícias:



Boletins da
SemanaOuça os boletins da semana


Rádio Câmara
AO VIVOSegundas e
terças feiras
Minuto cidadão Veja os vídeos da opinião pública
Projetos em AndamentoAcompanhe os
projetos

Fotos de Dilma






Nota: Estas fotos foram enviadas por um leitor via e-mail.



Dilma Rousseff com as Fotos das suas Vítimas...







NÃO DEIXE A INFORMAÇÃO PARAR EM VOCÊ!!!
POR FAVOR, DIVULGUE!!!

DILMA ROUSSEFF com as fotos das Vítimas...












Pela importância do assunto, repasso e peço a todos que também repassem, para que o maior número possível de pessoas tome conhecimento .

Por favor! repassem para o maior número possível de brasileiros, para que ninguém ignore essa Biografia e acabe votando em uma terrorista de alta periculosidade, para Presidente do Brasil. Estas fotos anexas são para reavivar a memória da terrorista Dilma, ministra do governo Lula e candidata a Presidente da República do Brasil em 2010.

Ela teve AMNÉSIA e não se lembra dos assaltos a Bancos , dos Seqüestros, Assassinatos, Delação de colegas e tudo o mais que fez. Só lembra que foi torturada, sabe com detalhes quem foram os que a prenderam e a “maltrataram”, mas não sabe porquê.

Foi por isso, dona Dilma... a senhora e seus comparsas queriam implantar o Regime de Cuba no Brasil e estes que estão acima, mortos pelo Seu Bando, foram alguns dos obstáculos que impediram o seu objetivo de implantar uma DITADURA COMUNISTA NO BRASIL.

Claro que você e seus comparsas não foram tratados como os seus adversários, aqui e nos Regimes que lhes financiaram:- Cuba , Rússia e China , entre outros; porisso, estão aí vivinhos - sendo indenizados - e, PIOR , governando o Nosso País.

AS VÍTIMAS, MOSTRADAS ACIMA, FORAM ASSASSINADAS PELA VPR E VAR-PALMARES, GRUPOS GUERRILHEIROS AOS QUAIS PERTENCIA A DILMA, OU ESTELA, OU VANDA, OU PATRÍCIA, OU LUIZA... QUE ERAM SEUS CODINOMES.

Venezuela





CeCAC convida para Palestra e Debate:

O processo revolucionário na Venezuela
Impressões de Anita L. Prestes


Anita Prestes esteve recentemente na Venezuela,

presente ao Fórum Internacional “Homens a cavalo”,

em Caracas, promovido pelo Ministério do Poder

Popular para Agricultura y Terras para homenagear

revolucionários latino-americanos. No evento, fez

uma apresentação sobre a trajetória revolucionária

de Luiz Carlos Prestes. Depois, participou do

programa de televisão “Alô presidente”, com Hugo Chavez.

Nesta palestra no CeCAC, Anita irá expor suas

impressões sobre o processo revolucionário liderado

por Chavez em curso na Venezuela.




4 de Março - 5ª feira, às 18:30h no CeCAC
Av. 13 de maio, 13 s.1901-1903 - Centro - Rio de Janeiro


--------------------------------------------------------------------------------



Centro Cultural Antonio Carlos Carvalho - CeCAC
tel: (21) 2524-6042
E-mail: cecac@terra.com.br

sítio: www.cecac.org.br



+++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++
Seja com finalidade de lazer, participação em eventos políticos, acadêmicos ou de negócios visitem a Venezuela bolivariana e Cuba socialista. São dois países de vanguarda na América Latina, onde a natureza os dotou de belezas naturais sem similitude no mundo e cujo povo educado e solícito os espera para que tenham uma alegre e feliz estadia. Para outras informações consultem a VENEBRASIL TURISMO, seu facilitador de turismo para Venezuela e Cuba: http://venebrasil.com/index.php/home - ou ligue para 58 0424 283 0050












-----Anexo incorporado-----


_______________________________________________
Cartaoberro mailing list
Cartaoberro@serverlinux.revistaoberro.com.br
http://serverlinux.revistaoberro.com.br/mailman/listinfo/cartaoberro

Trabalho Escravo

25/2/2010

'Metade dos libertados nos últimos três anos foram nos canaviais', afirma frei Xavier Plassat


A Campanha de Combate ao Trabalho Escravo da Comissão Pastoral da Terra (CPT) divulgou dados sobre denúncias, casos registrados e libertações de 2009. Dos 4.274 trabalhadores encontrados em condições análogas à escravidão no país no ano passado, 1.582 (37%) foram libertados na Região Sudeste - com destaque para o Rio de Janeiro, com 715 (16,7%) registros.

Para Xavier Plassat, coordenador da campanha da CPT, os números relativos a 2009 revelam dois efeitos. O primeiro é o "efeito canavial". "Em nível nacional, observamos que metade dos libertados nos últimos três anos foram nos canaviais. E quando a libertação se dá no canavial, não são três ou quatro pessoas. São 200 ou 500 pessoas. Bastam poucos casos para que esse setor apareça com destaque nos dados estatísticos". O outro efeito está ligado à maior abrangência das operações dos auditores fiscais, isto é, "um empenho maior da fiscalização em regiões onde os fiscais não chegavam para averiguar a questão do trabalho escravo". Segundo o frei, “o número de denúncias em 2009, na Região Norte, foi de 113, e as fiscalizações foram 62. Praticamente uma em cada duas denúncias não foi fiscalizada. Ou seja, aqueles prováveis escravos que a denúncia apontava não chegaram a entrar nas estatísticas porque ninguém foi lá para ver”.

"Não significa necessariamente que a escravidão se espalhou para esse estados. Significa que, pela primeira vez, estamos revelando a sua existência graças a uma fiscalização", completa o frade dominicano. Mais de 38 mil pessoas foram libertadas de 1995 a 2009, de acordo com o balanço. Como pontos preocupantes, Xavier destaca que apenas uma entre duas denúncias de trabalho escravo colhidas na Região Norte foram averiguadas. "Ou seja, aqueles prováveis escravos que a denúncia apontava não chegaram a entrar nas estatísticas porque ninguém foi lá para ver", afirma Frei Xavier Plassat em entrevista ao programa semanal de rádio Vozes da Liberdade, no início deste mês de fevereiro.

A reportagem e a entrevista são de Bianca Pyl e Maurício Hashizume e publicada pelo sítio Repórter Brasil, 23-02-2009.

Eis a entrevista.

Qual é a avaliação geral sobre os dados de 2009?

Existe uma tendência do crescimento de libertações nas Regiões Sul e Sudeste. Em 2009, houve uma explosão: 37% dos libertados estavam no Sudeste. Foram libertadas, portanto, 1.582 pessoas nos estados do Rio de Janeiro, São Paulo, Minas Gerais e Espírito Santo. Na minha opinião, são dois efeitos. Primeiro, essas libertações foram, especificamente, em canaviais. Então temos o efeito canavial. Em nível nacional, observamos que metade dos libertados nos últimos três anos foram nos canaviais. E quando a libertação se dá no canavial, não são três ou quatro pessoas. São 200 ou 500 pessoas. Bastam poucos casos para que esse setor apareça com destaque nos dados estatísticos.

O segundo efeito é o envolvimento crescente na fiscalização do trabalho escravo dos fiscais das antigas Delegacias Regionais do Trabalho (DRTs), chamadas hoje de Superintendências Regionais do Trabalho e Emprego (SRTEs).

Em 2009, nós chegamos a um recorde: mais da metade das libertações e das operações de combate ao trabalho escravo foram realizadas por equipes locais. Nós temos, então, a conjugação de um empenho maior da fiscalização em regiões onde os fiscais não chegavam para averiguar a questão do trabalho escravo. Isso explica porque, pela primeira vez em 2009, nós temos casos em praticamente todos os estados do Brasil.

Não significa necessariamente que a escravidão se espalhou para esse estados. Significa que, pela primeira vez, estamos revelando a sua existência graças a uma fiscalização. Tem uma contrapartida a isso, inclusive um pouco negativa: em 2009, a Região Norte sofreu um déficit de fiscalização.

Poderia nos dar mais detalhes sobre esse problema do déficit?

Falo déficit de fiscalização quando comparo o número de denúncias de trabalhadores que fugiram de fazendas e procuraram o sindicato, a CPT ou outras entidades ligadas aos direitos humanos para dizer: "os fiscais precisam ir até o local porque não aguentamos mais". O número de denúncias em 2009, na Região Norte, foi de 113, e as fiscalizações foram 62. Praticamente uma em cada duas denúncias não foi fiscalizada. Ou seja, aqueles prováveis escravos que a denúncia apontava não chegaram a entrar nas estatísticas porque ninguém foi lá para ver.

Enquanto no Sul e no Sudeste praticamente todas as denúncias foram fiscalizadas. E são muito menos no Sudeste e no Sul. Nós tivemos conhecimento de, no máximo, 20 a 30 denúncias desse tipo em cada uma dessas regiões. No Centro-Oeste, foram 38, no Nordeste, 40, enquanto no Norte, 113. Em 2008, foram 131 denúncias na Região Norte. E a taxa de fiscalização também não foi superior a 60% - mais precisamente 88 atendimentos.

Ou seja, a despeito dos números chamativos da cana-de-açúcar, o trabalho escravo ligado à pecuária e à produção de carvão vegetal nas regiões de fronteira agrícola do país continua sendo significativo. Como fazer para atender essas duas frentes, sem que haja prejuízo?

Temos que discutir com o Ministério do Trabalho e Emprego (MTE) para agilizar uma fiscalização muito mais rápida e mais eficiente em regiões de difícil acesso. Em segundo lugar, temos que ver como remanejar equipes do grupo móvel de fiscalização para que atender essas necessidades. Na hora do planejamento, é preciso manter uma vigilância grande para que não se deixe sem atendimento regiões tão importantes [de fronteira agrícola] e onde, em geral, os casos de trabalho escravo são, inclusive, mais violentos, mais cruéis.

Em terceiro, temos que continuar apostando na fiscalização pelas equipes regionais. Eu recentemente conversei com a direção do grupo móvel e uma orientação para 2010 será justamente destinar, de forma prioritária, as equipes do grupo móvel para a Região Norte e reforçar o potencial de fiscalização das SRTEs do Norte e de incentivar as SRTEs do Sul, Centro-Oeste e Sudeste em continuar se envolvendo cada vez mais nas fiscalizações.

Mesmo com números expressivos da repressão ao crime, o problema ainda persiste. Como quebrar o ciclo do trabalho escravo no Brasil?

O trabalho escravo continua porque continua a disponibilidade de grandes contingentes de mão de obra que não encontram alternativas de emprego decente nas regiões onde vivem. E continua porque o empregador aposta na possibilidade de "arrancar o couro" do trabalhador quando eles vêm de longe e estão desprotegidos, em situação de vulnerabilidade.

O primeiro aspecto exige uma ação radical de geração de emprego, de qualificação profissional, de facilitação de reforma agrária e do acesso à terra nas regiões de origem, no Nordeste - Maranhão, Piauí, Alagoas, Bahia -, no norte de Minas Gerais, no Tocantins, e em algumas regiões do Pará e do Mato Grosso, de onde vêm esses trabalhadores rurais.

Os trabalhadores, na maioria dos casos, não são trabalhadores residentes daquela região de onde são libertados. Mesmo quando eles são libertados no Paraná, eles vieram do Vale do Jequitinhonha. Quando são libertados em São Paulo, eles vêm da Bahia, de Alagoas, do Tocantins ou do Maranhão. Significa que o problema é lá: está na região de origem.

O segundo aspecto é intensificar não somente a fiscalização, que é o primeiro passo da repressão, mas também a punição. A prisão começa a aparecer como uma pena, enfim, definida pela Justiça Federal. Em 2009, tivemos mais de 35 condenações. O impedimento de comercializar, de receber financiamentos, por meio da "lista suja" do trabalho escravo e do Pacto Nacional pela Erradicação do Trabalho Escravo também é importante.

Mas existe um passo simbólico, uma queda de braço entre os que no fundo continuam defendendo essa prática como meio de lucrar e os que se recusam a aceitar esse crime em pleno século XXI, que é o confisco da terra.

A aprovação da Proposta de Emenda Constitucional (PEC) 438/2001 seria um recado claro para todo mundo: "a propriedade nunca pode ser colocada acima da dignidade do trabalhador e da vida". Confiscar a terra que foi instrumento da escravização seria um sinal decisivo de que, em nenhuma hipótese, a terra, a propriedade, pode ser usada para escravizar a vida alheia.



Cana-de-açúcar: altos impactos socíoambientais


A safra 2008/09 da cana-de-açúcar terminou com uma série de impactos socioambientais negativos, como violações aos direitos trabalhistas, degradação ambiental e desrespeito aos direitos de populações indígenas. Essas são algumas conclusões do último relatório do Centro de Monitoramento de Agrocombustíveis (CMA) da ONG Repórter Brasil.

A notícia é da Agência Envolverde, 26-02-2010.

O estudo faz uma análise dos vetores que puxaram a produção de cana no país em 2009. De acordo com a Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), a produção brasileira atingiu 612,2 milhões de toneladas em 2009, alta de 7,1% em relação ao período anterior. O estado de São Paulo concentrou 57,8% da produção e colheu 354,3 milhões de toneladas, 2,5% a mais do que em 2008.

Além do preço do açúcar, que estimulou o setor em 2009, o etanol também serviu de motivação para os usineiros. A venda de veículos flex, ou seja, que podem utilizar gasolina ou etanol, representaram 92,3% do total de unidades negociadas no país em 2009. Foram 2,6 milhões de veículos novos vendidos ao longo de 2009, uma alta de 13,9% em relação ao ano anterior, de acordo com dados da Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores (Anfavea).

O grande problema, segundo o relatório do CMA, é que o aumento a produção de cana-de-açúcar e de etanol tende a ser feito sobre bases pouco comprometidas em termos socioambientais. Uma análise das condições trabalhistas do setor é reveladora. Em 2009, 1.911 trabalhadores escravos foram libertados no setor da cana nos estados do Espírito Santo, Minas Gerais, Goiás, Mato Grosso, Pernambuco, e Rio de Janeiro.

Em São Paulo, onde está a maior parte da produção, os problemas trabalhistas se concentram no excesso de jornada e em más condições de segurança, higiene e alimentação. As violações em termos laborais não envolvem apenas pequenos produtores. Vale lembrar que a Cosan, maior grupo sucroalcooleiro do país, foi inserido em dezembro de 2009 na "lista suja" do trabalho escravo do Ministério do Trabalho e Emprego – e saiu em seguida, após liminar obtida na Justiça.

Propostas para enquadrar o setor sucroalcooleiro em 2009, o Zoneamento Agroecológico da Cana-de-Açúcar (ZAE) e o Compromisso Nacional para Aperfeiçoar as Condições de Trabalho na Cana-de-Açúcar permanecem no papel. Enquanto o ZAE depende de avaliação pelo Congresso Nacional, os gestores do "Compromisso" ainda não definiram como será feito o monitoramento das usinas signatárias.

Estimativas dão conta de que 600 mil hectares de Cerrado nativo poderão ser convertidos diretamente em cana até 2035 e outros 10 milhões, hoje com outras atividades agropecuárias, correm o risco de se tornarem grandes canaviais. Estados com áreas de expansão, como Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e Goiás, tiveram em 2007 e 2008 áreas de floresta convertidas em cana.

O estudo do CMA também faz uma alerta sobre a segurança alimentar do país. A tese do governo e do setor sucroalcooleiro de que a expansão da cana se dará, sobretudo, sobre pastagens degradadas pode ser uma tendência para o futuro, mas não é em todo verdadeira. De acordo com o Canasat, sistema de monitoramento do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), nos estados de Minas Gerais, Goiânia, Paraná, Mato Grosso do Sul e Mato Grosso foram principalmente as culturas alimentares que perderam área para a cana nos últimos anos.

O relatório também traz análises sobre os impactos causados pela cana a populações indígenas. Problemas fundiários entre produtores de cana e indígenas são graves no Mato Grosso do Sul. Entre as 42 Terras Indígenas já reconhecidas no Estado, grande parte se concentra na região da expansão canavieira no Cone Sul do Estado. De acordo com o Ministério Público Federal, 16 usinas estão localizadas nos municípios sul-mato-grossenses onde há terras já identificadas e delimitadas pela Funai.

Glória Líder da Chave 3

Domingo, 28 de Fevereiro de 2010
Glória vence e mantem liderança da Chave 3

Visando manter a primeira colocação da Chave 3 e se aproximar da classificação para a próxima fase da Segundona 2010, o Leão da Serra recebeu a equipe do Guarani-VA hoje à tarde no Altos da Glória.
Algumas modificações marcaram a equipe que Paulo Porto mandou a campo, Rodrigo Couto e Vagson retornaram à equipe titular. Com isso, Edimar passou a integrar o setor de meio de campo e Vagson atuou na lateral-esquerda.
Como já era esperado, o Leão tomou a iniciativa do jogo e o primeiro gol não demorou a sair. Rodrigo Couto cobrou escanteio para o interior da grande área do visitante, a bola passou pela defesa do Guarani e Silvano bateu de perna esquerda. Glória 1 x 0 Guarani-VA.
A partida seguiu com poucas oportunidades para ambas as equipes, melhor tentativa do Guarani-VA foi de bola parada. Alex em cobrança de falta perfeita, obrigou Márcio Kessler a fazer uma belíssima defesa e mandar a bola para escanteio.
O segundo gol não demorou muito a sair, aos 20 minutos, Márcio Souza em arremesso lateral, mandou a bola para o interior da grande área da equipe de Venâncio, mais uma vez a defesa passou em branco e Rodrigo Couto ampliou. Glória 2 x 0 Guarani-VA.
Novamente a jogada aérea fez diferença, Rodrigo Couto cobrou escanteio e o centroavante Simovic deixou o dele, segundo gol do uruguaio em dois jogos. Glória 3 x 0 Guarani-VA, resultado final do primeiro tempo.
Para a etapa complementar o técnico Paulo Porto perdeu Ivanildo por lesão e com isso promoveu a entrada de Danilo. Logo mais, Tiago Machado também teve que ser substituído por motivos médicos, Fabinho entrou em seu lugar.
Cadenciando as jogadas e tranquilizando a partida, o Glória fez valer sua experiência e categoria para manter o resultado do primeiro tempo. Sem correr riscos o Leão garantiu os 3 pontos na segunda etapa e segue na liderança da chave 3 com 15 pontos conquistados, aumentando a invencibilidade, agora em 7 jogos, 4 vitórias e 3 empates.
Quarta-feira a equipe viaja até Farroupilha para jogar o clássico contra o Brasil. Ivanildo e Tiago Machado não preocupam para esta partida.

Glória: Márcio Kessler; Tiago Machado(Fabinho), Valdemar, Jucimar, Vagson; Ivanildo(Danilo), Márcio Souza, Edimar(Jean), Rodrigo Couto; Silvano, Simovic.
Técnico: Paulo Porto.

Guarani-VA: Vitor; Charles, Soledade, Beto, Neuri; Tiago Rosa, Fábio(Rodrigo Ribas), Alex Amado(Jé), Juca; Eliomar e Toledo(Coletti).
Técnico: Luis Carlos Bertram(Chicão).

Cartões amarelos: Charles, Soledade, Beto e Eliomar, todos do Guarani-VA

Gols: Silvano 9 minutos 1ª etapa, Rodrigo Couto 20 minutos 1ª etapa e Simovic 36 minutos 1ª etapa.

Arbitragem: Ivanir Bebber, auxiliado por Aldoir de Lima Lourenço e Denisson Campara Cavagnolli.

Local: Estádio Altos da Glória, Vacaria.

Data e hora: 28/02/2010 - 15:00 horas.

por Neto Ferreira

Glória Líder da Chave 3

Domingo, 28 de Fevereiro de 2010
Glória vence e mantem liderança da Chave 3

Visando manter a primeira colocação da Chave 3 e se aproximar da classificação para a próxima fase da Segundona 2010, o Leão da Serra recebeu a equipe do Guarani-VA hoje à tarde no Altos da Glória.
Algumas modificações marcaram a equipe que Paulo Porto mandou a campo, Rodrigo Couto e Vagson retornaram à equipe titular. Com isso, Edimar passou a integrar o setor de meio de campo e Vagson atuou na lateral-esquerda.
Como já era esperado, o Leão tomou a iniciativa do jogo e o primeiro gol não demorou a sair. Rodrigo Couto cobrou escanteio para o interior da grande área do visitante, a bola passou pela defesa do Guarani e Silvano bateu de perna esquerda. Glória 1 x 0 Guarani-VA.
A partida seguiu com poucas oportunidades para ambas as equipes, melhor tentativa do Guarani-VA foi de bola parada. Alex em cobrança de falta perfeita, obrigou Márcio Kessler a fazer uma belíssima defesa e mandar a bola para escanteio.
O segundo gol não demorou muito a sair, aos 20 minutos, Márcio Souza em arremesso lateral, mandou a bola para o interior da grande área da equipe de Venâncio, mais uma vez a defesa passou em branco e Rodrigo Couto ampliou. Glória 2 x 0 Guarani-VA.
Novamente a jogada aérea fez diferença, Rodrigo Couto cobrou escanteio e o centroavante Simovic deixou o dele, segundo gol do uruguaio em dois jogos. Glória 3 x 0 Guarani-VA, resultado final do primeiro tempo.
Para a etapa complementar o técnico Paulo Porto perdeu Ivanildo por lesão e com isso promoveu a entrada de Danilo. Logo mais, Tiago Machado também teve que ser substituído por motivos médicos, Fabinho entrou em seu lugar.
Cadenciando as jogadas e tranquilizando a partida, o Glória fez valer sua experiência e categoria para manter o resultado do primeiro tempo. Sem correr riscos o Leão garantiu os 3 pontos na segunda etapa e segue na liderança da chave 3 com 15 pontos conquistados, aumentando a invencibilidade, agora em 7 jogos, 4 vitórias e 3 empates.
Quarta-feira a equipe viaja até Farroupilha para jogar o clássico contra o Brasil. Ivanildo e Tiago Machado não preocupam para esta partida.

Glória: Márcio Kessler; Tiago Machado(Fabinho), Valdemar, Jucimar, Vagson; Ivanildo(Danilo), Márcio Souza, Edimar(Jean), Rodrigo Couto; Silvano, Simovic.
Técnico: Paulo Porto.

Guarani-VA: Vitor; Charles, Soledade, Beto, Neuri; Tiago Rosa, Fábio(Rodrigo Ribas), Alex Amado(Jé), Juca; Eliomar e Toledo(Coletti).
Técnico: Luis Carlos Bertram(Chicão).

Cartões amarelos: Charles, Soledade, Beto e Eliomar, todos do Guarani-VA

Gols: Silvano 9 minutos 1ª etapa, Rodrigo Couto 20 minutos 1ª etapa e Simovic 36 minutos 1ª etapa.

Arbitragem: Ivanir Bebber, auxiliado por Aldoir de Lima Lourenço e Denisson Campara Cavagnolli.

Local: Estádio Altos da Glória, Vacaria.

Data e hora: 28/02/2010 - 15:00 horas.

por Neto Ferreira

Entrevista Técnico Paulo Porto - Glória

- Considerando que enfrentamos equipes que já vem formada há muito tempo com o entrosamento maior, era de esperar um pouquinho mais de dificuldades nesse primeiro turno, mais a nossa equipe embora não esteja naquilo que a gente quer todo mundo quer, a imprensa quer, que nós queremos já conseguiu se manter entre os primeiros.
- Edimar depois dos primeiros jogos nós pensamos em jogar com alas adiantados ele cresceu, a função de origem é essa, realmente fez bons jogos é um jogador, que nós certamente para nós ajudar.
Reportagem: Paulo Furtado

Falta Mão-de-Obra para Maçã em Vacaria RS

Falta mão-de-obra para colheita da maçã


No momento de pico da colheita da maçã deste ciclo 2009/2010 as empresas do setor enfrentam a escassez de mão-de-obra. Em alguns casos está ocorrendo um atraso na retirada da fruta do pomar que poderá prejudicar a safra. O vice-presidente da Associação Gaúcha dos Produtores de Maçã explica que esta semana deveria ser concluída a colheita da variedade gala. Alceu Borges revela que os safristas trabalham uma semana e já desejam retornar as cidades de origem. Ele defende alterações na legislação trabalhista.
Borges defende a obrigatoriedade de um tempo mínimo de contrato.
A estimativa é que sejam colhidas mais de 230 mil toneladas de maçã em Vacaria.
Ouça a reportagem em áudio.



Rádio Fátima AM (Jornalismo), 02/03/2010, 09h35

Cesta Básica em Vacaria RS


Cesta Básica tem aumento de 8,87% em fevereiro

Em comparação ao mês de janeiro, o consumidor teve que desembolsar R$ 15,91 a mais para fazer as compras.


A pesquisa realizada pelo Sindicato dos Metalúrgicos de Vacaria revela um aumento de 8,87% no valor da cesta básica em fevereiro. Seriam necessários R$ 195,47 para adquirir os produtos pesquisados. Em comparação ao mês de janeiro, o consumidor teve que desembolsar R$ 15,91 a mais para fazer as compras.
Os principais vilões do aumento são o leite (1,02%), arroz (3,26%), tomate (137,17%), café (3,48%), banana(2,65%), açúcar (3,68%), óleo de soja (2,65%) e a manteiga (22,38%).


Tags: cesta básica, aumento, fevereiro
Rádio Fátima AM (Jornalismo), 02/03/2010, 09h03

Obras no Entorno da Catedral

Prefeitura lança novo edital para obras do entorno da Catedral

Não houve propostas na primeira licitação

Não houve propostas de empresas interessadas em realizar as obras do entorno da Catedral Nossa Senhora de Oliveira. A abertura da licitação estava prevista para segunda-feira. Os empresários entendem que o valor definido pela prefeitura estaria abaixo do praticado pelo mercado.
Por outro lado, a prefeitura está lançando um novo edital.
O Secretário de Desenvolvimento, Tecnologia e Trabalho Alessandro Andrade Dalla Santa destaca como será o novo processo.

Enquanto não se define a execução da obra em torno da Catedral, na parte interna o monsenhor Germino Pagno informa que na semana que vem deverá ser concluído o levantamento para a restauração.
O valor que está orçado a obra é de R$ 28 mil. As empresas alegam defasagem de 20%.



Rádio Fátima AM (Jornalismo), 01/03/2010, 16h22

Ex-Secretário de Saúde Se Manifesta a Imprensa

Paulo Gilberto fala sobre saída da Secretaria de Saúde

Em entrevista à Rádio Fátima ele explicou os motivos que o levou a pedir exoneração da pasta

Em entrevista à Rádio Fátima, Paulo Gilberto dos Santos Silva falou sobre a saída da Secretaria Municipal de Saúde. Explicou que a decisão foi motivada pela pressão familiar e em virtude das atividades desenvolvidas como professor junto à Universidade de Caxias do Sul. Ele permanece no cargo, até o dia 10 deste mês.
A vice-prefeita, Vera Marcelja estará assumindo as atividades da Secretaria de Saúde até dia 22 de março, para que neste período o PDT defina o nome do administrador da pasta.
A administração definiu que diretora-executiva da Secretaria de Saúde será a nutricionista, Angelita Hermann, que já vinha desempenhando funções na área administrativa.


Tags: Secretário, saúde
Rádio Fátima AM (Jornalismo), 01/03/2010, 10h40

SAMU em Vacaria Finalmente


SAMU começa a operar em Vacaria
Desde as 8 horas da manhã dessa segunda-feira 01/03 que necessitar dos serviços de Atendimento Móvel de Urgência deve ligar para o 192.


O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência – SAMU de Vacaria já está em funcionamento. O atendimento deve ser requisitado através do telefone 192 e são cinco linhas disponíveis, que ligam com a central em Caxias do Sul. Em um primeiro momento entra em operação a unidade de suporte básico que vai atender a casos de menor complexidade, segundo o Coordenador do SAMU em Vacaria Jorge Mateus Brasil quanto a UTI Móvel, o funcionamento, depende de regulação da Central em Caxias. O Prefeito Elói Poltronieri reitera que não vai demorar para que a UTI Móvel passe a oferecer os serviços em Vacaria. O Secretário Municipal de Saúde Paulo Gilberto fala da conquista em ter o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência no município.


Rádio Fátima AM (Produção), 01/03/2010, 09h37

Documentos Perdidos

São Paulo, segunda-feira, 01 de março de 2010




Aeronáutica entrega documentos "perdidos"
Mais de 50 mil papéis da ditadura, que a FAB afirmava terem sido destruídos, foram para o Arquivo Nacional

DA SUCURSAL DE BRASÍLIA

O Comando da Aeronáutica entregou ao Arquivo Nacional documentos secretos que produziu durante a ditadura e que antes afirmava terem sido destruídos. Segundo o jornal "O Estado de S. Paulo", foram 189 caixas com mais de 50 mil documentos acumulados entre 1964 e 1985.
O acervo contém fichas pessoais, relatórios de monitoramento, instruções a militares e papéis referentes à guerrilha do Araguaia. Também constam informações sobre Fidel Castro, Ernesto Che Guevara (1928-1967) e Carlos Lamarca, morto em 1971. Até o início da noite de ontem, a assessoria de comunicação da Aeronáutica se preparava para divulgar uma nota sobre o assunto, mas até a conclusão desta edição o texto não havia sido publicado.
O arquivo entregue faz parte do acervo do Centro de Segurança e Informação da Aeronáutica. A transferência dos documentos foi realizada por oficiais de alta patente, sob a proteção de soldados. O acervo está em fase de catalogação e ainda não está disponível para consulta.
Em 2006, a Aeronáutica chegou a comunicar à Casa Civil a existência de um acervo com "documentação genérica", mas negou que houvesse documentação sobre monitoramento, infiltração de agentes e perseguição política.
De acordo com a reportagem, a análise de alguns dos informes do Centro de Segurança e Informação da Aeronáutica indica que documentos importantes podem ter sido retirados antes da entrega.


Texto Anterior: Acesso a dados deve ser lei, diz especialista




--------------------------------------------------------------------------------



-----Anexo incorporado-----


_______________________________________________
Cartaoberro mailing list
Cartaoberro@serverlinux.revistaoberro.com.br
http://serverlinux.revistaoberro.com.br/mailman/listinfo/cartaoberro

Polêmica do Feriado da Padroeira de Vacaria RS

Sindilojas é contra alteração do feriado da padroeira

Debates em torno da alteração na data do feriado gera polêmicas entre entidades

A declaração foi feita ao Jornalismo da Rádio Fátima pelo Presidente Ladir Niqueli durante a posse da diretoria do Sindicato dos Lojistas (Sindilojas).
A Câmara dos Dirigentes Lojistas (CDL) já recebeu o apoio do Bispo Diocesano Dom Irineu Gassen, para que o feriado da padroeira do município, Nossa Senhora da Oliveira seja alterado do dia 8 de setembro para 8 de dezembro.
Para Niqueli, em dezembro o feriado traria ainda mais prejuízos aos lojistas de Vacaria. Ele lamenta que até agora este assunto tenha sido debatido por diversas vezes sem a participação da entidade nas discussões.
No ano passado por solicitação da CDL, o Prefeito, Elói Poltronieri enviou um projeto de lei a Câmara de Vereadores, mas por solicitação dos próprios comerciantes o projeto foi retirado da pauta de votação.
Esteve na posse da nova diretoria do Sindilojas o Gerente Regional do SESC, Uilton Rodrigues que anunciou que nos próximos dias será iniciado em Vacaria o projeto Sorrir para o Futuro em parceria com a Prefeitura.



Tags: Nossa Senhora da Oliveira, feriado, padroeira
Rádio Fátima AM (Jornalismo), 01/03/2010, 14h48

Agenda Opus







Segunda-feira, 01 de Março de 2010

NELLY FURTADO

uma das mais completas artistas de sua geração
Dia 25 de março, Quinta às 21h no Teatro do Bourbon Country

Com apenas 31 anos de idade, a canadense Nelly Furtado é considerada uma das mais completas artistas de sua geração. Ela canta e dança, atua como compositora e produtora, é atriz, toca cinco instrumentos, fala fluentemente vários idiomas, entre eles o português. Ganhadora do Grammy e com mais de 18 milhões de discos vendidos em todo o mundo, ela está de volta ao Brasil para apresentar um show onde cantará para o público seus maiores sucessos, hits como “I´m Like a Bird”, “Turno f the Light” e “Say it Right”.



Ingressos:

Início das vendas: 01/03

Bilheteria do Teatro do Bourbon Country
Horário de atendimento das 14h às 22h de segunda a sábado.

Telentrega Ingresso Show (51) 8401.0555
Horário de atendimento das 9h às 19h de segunda a sexta.

Ingressos promocionais:

Galerias em pé - R$ 150,00
Pista - R$ 250,00
Mezanino - R$ 260,00
Platéia alta - R$ 270,00
Camarote - R$ 300,00


Desconto de 10% no Clube Premier Bourbon (usuários dos cartões Zaffari Card, Bourbon Card, e Rancho Card).

Desconto de 10% para titular cartão ZH.

Desconto de 50% nos 100 primeiros ingressos, para titulares do Cartão do Clube do Assinante Zero-Hora. Desconto válido somente pela Telentrega Ingresso Show.

Desconto de 10% para titulares dos cartões TAM Fidelidade Azul e Branco.

Descontos não acumulativos.

Classificação etária: 14 anos.

______________________________


MADELEINE PEYROUX

Um dos fenômenos do jazz vocal
Dia 13 de Junho de 2010, Domingo no Teatro do Bourbon Country

Um dos mais novos fenômenos do jazz vocal - comparada à diva Billie Holiday - apresentará no palco do Teatro do Bourbon Country o show do seu mais recente trabalho: Bare Bones.

A americana Madeleine Peyroux surgiu no cenário musical em 1996 com o álbum Dreamland, interpretando os clássicos Holiday, Bessie Smith e Patsy Cline. A cantora e violonista cantou nas ruas de Paris e Nova York e sua voz rouca a fez vitoriosa.

Conquistou espaço e hoje está entre as grandes estrelas do show business mundial, com sua mistura de blues antigo, música francesa, folk melancólico e jazz.

Ingressos:

Bilheteria do Teatro do Bourbon Country
Horário de atendimento das 14h às 22h de segunda a sábado.

Telentrega Ingresso Show (51) 8401.0555
Horário de atendimento das 9h às 19h de segunda a sexta.

Ingressos promocionais:

Galerias - R$ 50,00
Mezanino - R$ 100,00
Platéia alta - R$ 150,00
Platéia baixa - R$ 200,00
Camarote - R$ 250,00


Desconto de 10% no Clube Premier Bourbon (usuários dos cartões Zaffari Card, Bourbon Card, e Rancho Card).
Desconto de 10% para titular cartão ZH.

Desconto de 10% para titulares do cartão TAM.

Descontos não cumulativos.

Classificação etária: Livre

______________________________


OSWALDO MONTENEGRO

em QUEBRA CABEÇA ELÉTRICO
Dia 05 de Março de 2010, Sexta às 21h no Teatro do Bourbon Country

Pela primeira vez o lado roqueiro-nordestino de Oswaldo Montenegro, que completa 30 anos de carreira. Em seu novo DVD “Quebra-Cabeça Elétrico”, o cantor une a guitarra elétrica com a música popular brasileira remetendo ao choque cultural do início de sua carreira: quando o artista saiu de Minas Gerais, das serestas e da música barroca, e foi para Brasília, onde o rock se encontrava com a música nordestina. O repertório homenageia compositores brasileiros que Oswaldo admira como Belchior, Alceu Valença, Chico Buarque, Caetano Veloso, Paulinho da Viola, Ednardo e muitos outros. Mas ele não deixa de fora seus maiores sucessos autorais, como “Bandolins”, “A Lista” e “Vamos Celebrar”, além de seu poema “Metade”.



Ingressos:

Bilheteria do Teatro do Bourbon Country
Horário de atendimento das 14h às 22h de segunda a sábado.

Telentrega Ingresso Show (51) 8401.0555
Horário de atendimento das 9h às 19h de segunda a sexta.

Início de vendas 10/02

Ingressos Promocionais:

Galerias - R$ 50,00
Mezanino - R$ 70,00
Platéia Alta - R$ 80,00
Platéia Baixa - R$ 90,00
Camarote - R$ 120,00

Desconto de 10% no Clube Premier Bourbon (usuários dos cartões Zaffari Card, Bourbon Card, e Rancho Card)
Desconto de 10% para titular cartão ZH

Desconto de 10% para titulares do cartão TAM.

Descontos não cumulativos.

Não recomendado para menores de 12 anos

______________________________


QUINTA ALEGRE

André Damasceno recebe o mestre do humor Agildo Ribeiro e Marcelo Mansfield o pioneiro do Stand-up comedy no Brasil
Dia 11 de março de 2010, Quinta às 21h no Teatro do Bourbon Country

O projeto humorístico volta ao palco do Teatro do Bourbon Country para sua terceira edição, recebendo os convidados Agildo Ribeiro e Marcelo Mansfield. Na condição de anfitrião do projeto está André Damasceno, um dos criadores e responsáveis pela iniciativa, que além de conduzir o espetáculo também interpreta vários personagens. Agildo Ribeiro atua desde 1999 no Zorra Total, da TV Globo. Um dos pontos altos da carreira do artista são as célebres imitações, que compõem uma vasta galeria, como Clodovil, Chacrinha, Dercy Gonçalves, Oscarito. Ele se apresenta ao lado do paulista Marcelo Mansfield, que já atuou em mais de 17 filmes, entre curtas e longas-metragens; na televisão, em novelas e minisséries, além de ser um dos fundadores dos espetáculos cômicos “Terça Insana” e “Clube da Comédia”.

Ingressos:

Bilheteria do Teatro do Bourbon Country
Horário de atendimento das 14h às 22h de segunda a sábado.

Telentrega Ingresso Show (51) 8401.0555
Horário de atendimento das 9h às 19h de segunda a sexta.

Preço - 1° Lote Promocional:

Galerias - R$ 50,00
Mezanino - R$ 60,00
Platéia Alta - R$ 70,00
Platéia Baixa - R$ 90,00
Camarote - R$ 120,00


Desconto de 10% no Clube Premier Bourbon (usuários dos cartões Zaffari Card, Bourbon Card, e Rancho Card)
Desconto de 10% para titular cartão ZH e um acompanhante.

Desconto de 10% para titulares do cartão TAM.

Desconto de 50% nos 100 primeiros ingressos, para Titulares do Cartão do Clube do Assinante Zero-Hora. Desconto válido somente pela Telentrega Ingresso Show.


Descontos não cumulativos.

Classificação etária: 12 anos.

______________________________


RITA LEE

Dias 12 e 13 março de 2010, Sexta e Sábado às 21h no Teatro do Bourbon Country

Rita Lee volta a Porto Alegre com sua irreverência, bom humor e as músicas que sempre queremos ouvir e cantar. Com 33 CD’S, 7 DVD’S e mais de 400 composições, faz de cada show um espetáculo único. Entre rock´s, baladas, canções pop, releituras e inéditas, a Rainha do Rock Nacional, cantora, compositora, instrumentista, há 43 anos realiza milhares de apresentações pelo planeta. No show que chega dias 12 e 13 de março no Teatro do Bourbon Country, além de “Ovelha Negra”, "Virus do amor", "Chega mais", "Banho de Espuma", Rita Lee revisita outros de seus grandes sucessos, como “Luz Del Fuego”, “Baila Comigo”, “Coisas Da Vida”, “Prisioneira Do Amor”, “Obrigado Não”, entre outros. Acompanhada por uma banda afiada - guitarras e vocais de Roberto de Carvalho e Beto Lee, Brenno di Napoli no baixo, Edu Salvitti na bateria, Danilo Santana nos teclados, Débora Reis e Rita Kfouri nos vocais -, Rita está em casa no palco.



Ingressos:

Bilheteria do Teatro do Bourbon Country
Horário de atendimento das 14h às 22h de segunda a sábado.

Telentrega Ingresso Show (51) 8401.0555
Horário de atendimento das 9h às 19h de segunda a sexta.

Ingressos Promocionais:

Galerias - R$ 90,00
Mezanino - R$ 110,00
Platéia Alta - R$ 130,00
Platéia Baixa - R$ 150,00
Camarote - R$ 180,00


Desconto de 10% no Clube Premier Bourbon (usuários dos cartões Zaffari Card, Bourbon Card, e Rancho Card).
Desconto de 10% para titular cartão ZH.

Desconto de 10% para titulares do cartão TAM.

Descontos não cumulativos.

Não recomendado para menores de 12 anos.

______________________________


DREAM THEATER

Black Clouds & Silver Linings World Tour
Dia 16 de março, terça às 22h no Pepsi On Stage

Os norte-americanos do Dream Theater, conhecidos por sua técnica e versatilidade, apresentam o show "Black Clouds & Silver Linings World Tour" no dia 16 de março em Porto Alegre, abrindo a turnê da banda no país.
Depois, as apresentações acontecem em Curitiba (18/03 no Master Hall), São Paulo (19/03 no Credicard Hall) e Rio de Janeiro (20/03 no Citibank Hall).

Formado na década de 80, o quinteto chega ao País para divulgar seu último trabalho de estúdio, "Black Clouds & Silver Linings", 10º disco da carreira do grupo que chegou ao mercado ocupando o Top 10 do ranking da Billboard e venceu o prêmio "Spirit of Rock 2009", concedido pela revista inglesa "Classic Rock".

Banda de abertura: Bigelf


Programação:

19h - Abertura das portas
20h - Show de abertura local com o guitarrista Richard Powell
20h45 - Show de abertura internacional com Bigelf
22h - Dream Theater


Ingressos:

Bilheteria oficial - SEM TAXA DE CONVENIÊNCIA:

MULTISOM - Rua dos Andradas, 1001 - Centro
Horário: de segunda a sexta-feira, das 11h às 19h; sábado, das 09h às 13h



Locais de venda - COM TAXA DE CONVENIÊNCIA

Central Tickets For Fun: por telefone, entrega em domicílio (taxas de conveniência e de entrega) - 4003-0848 (válido para todo o país), das 9h às 21h - segunda a sábado.

Pela Internet: www.ticketsforfun.com.br (entrega em domicílio - taxas de conveniência e de entrega)

Formas de Pagamento: Dinheiro, cartões de crédito American Express, Visa, MasterCard, Diners e Cartões de Débito Visa Electron e Rede Shop.



PREÇOS DE INGRESSOS:

Pista - R$ 80,00 (1° Lote) / R$ 90,00 (2° Lote) / R$ 100,00 (3° Lote)
Mezanino - R$ 140,00
Camarote - R$ 180,00


- Clientes dos cartões Credicard, Citibank e Diners contam com pré-venda exclusiva e poderão adquirir ingressos entre os dias 20 de janeiro e 26 de janeiro

- Clientes dos cartões Credicard, Citibank e Diners que efetuarem compra via internet até 72 horas antes do evento, serão isentos de taxa de entrega.


Classificação etária: 14 anos

Meio de pagamento preferencial: Credicard

______________________________


NEY MATOGROSSO

em Beijo Bandido
De 13 a 15 de abril de 2010, no Teatro do Bourbon Country

Depois da exuberância de Inclassificáveis, projeto que arrebatou os fãs e a crítica especializada, Ney Matogrosso apresenta seu novo trabalho: Beijo Bandido. Quase um contraponto a “pegada” roqueira do projeto anterior, Beijo Bandido mergulha em uma atmosfera de recital, quase camerística.

O título, inspirado na letra de “Invento” (Vitor Ramil), dá o tom das intenções de Ney ao se aventurar em um projeto no qual a criteriosa seleção de repertório é sublinhada pela excelência vocal de seu intérprete. “Acho Beijo Bandido um projeto bem interessante: é, basicamente, um disco de canções”, conta Ney. “Inicialmente, achei que seria um disco de músicas românticas - depois de pronto, me dei conta de que se trata de álbum pop de canções brasileiras.”

Sob direção musical de Leandro Braga, que o acompanha ao piano e assina os arranjos, Ney Matogrosso conta com grandes músicos em Beijo Bandido: Lui Coimbra (cello e violão), Ricardo Amado (violino e bandolim) e Felipe Roseno (percussão). O quarteto imprime uma sonoridade acústica marcante as 14 faixas do CD.

Algumas canções fizeram parte de roteiros de shows antigos; outras, Ney havia gravado em projetos com formações bem distintas da atual. No último caso estão "As Ilhas" (Piazolla/Geraldo Carneiro), gravada pela primeira vez em 75, e "Doce de Coco"(Herminio Bello de Carvalho).

Ney Matogrosso também trouxe para Beijo Bandido músicas que já pensava em cantar: “Já queria ter gravado “Medo de Amar” (Vinícius de Moraes), mas achava que era uma música feminina – e não é”, pontua. O mesmo se deu com “Bicho de sete cabeças” (Geraldo Azevedo/Zé Ramalho/Renato Rocha). A inédita do projeto chama-se “Cor do desejo” e foi entregue a Ney em Maceió, durante a turnê de Inclassificáveis, por um de seus autores, Junior Almeida.

No repertório de Beijo Bandido estão ainda pérolas do cancioneiro, como “Tango para Teresa” ( Evaldo Gouveia/Jair Amorim), sucesso de Ângela Maria; “De cigarro em cigarro”(Luiz Bonfá) e “Segredo”(Herivelto Martins/Marino Pinto), ambas registradas anteriormente, mas com diferentes concepções musicais. A parceria de Chico Buarque e Edu Lobo, “A Bela e a Fera” (da trilha do balé “O Grande Circo Místico”), e “Nada por mim”, balada de Herbert Vianna e Paula Toller, ganham novos contornos nas versões de Ney. Na linha da MPB pop, o cantor foi buscar “Mulher sem razão”, de Cazuza, Dé e Bebel Gilberto. “Lucina me disse uma vez que essa música era a minha cara, mas achei que não cabia no projeto dos violões que fazia na época. Agora, tinha tudo a ver”, lembra Ney.

Completam o cardápio de belas canções a já citada “Invento” (Vitor Ramil) e uma sucesso da safra romântica de Roberto e Erasmo,“ À distância”. Ney conta como ela entrou no projeto: “Estava assistindo a um filme do Visconti quando uma voz feminina, que nunca soube de quem, começou a cantar essa música, na versão em italiano. Esperava a hora certa para gravá-la”.

Ocimar Versolato, responsável pelo figurinos de Ney desde o projeto “Estava Escrito”, repete a dobradinha e vai além: é dele a direção artística do projeto gráfico do novo CD. As fotos de capa e encarte são de Rogério Mesquita.

Ingressos:

Bilheteria do Teatro do Bourbon Country
Horário de atendimento das 14h às 22h de segunda a sábado.

Telentrega Ingresso Show (51) 8401.0555
Horário de atendimento das 9h às 19h de segunda a sexta.

Início de vendas 21/01

Ingressos Promocionais

Galerias - R$ 90,00
Mezanino - R$ 120,00
Platéia Alta - R$ 130,00
Platéia Baixa - R$ 160,00
Camarote - R$ 250,00


Valor dos Ingressos

Galerias - R$ 120,00
Mezanino - R$ 150,00
Platéia Alta - R$ 160,00
Platéia Baixa - R$ 190,00
Camarote - R$ 280,00



Desconto de 10% no Clube Premier Bourbon (usuários dos cartões Zaffari Card, Bourbon Card, e Rancho Card)
Desconto de 10% para titular cartão ZH

Desconto de 10% para titulares do cartão TAM.

Descontos não cumulativos.

Não recomendado para menores de 12 anos

______________________________


A Curiosa Teatroteca da TERÇA INSANA

Direção Grace Gianoukas
Dias 10 e 11 de Abril de 2010, Sábado às 21h e Domingo às 18h no Teatro do Bourbon Country

Está na estrada as mais recentes criações do elenco deste consagrado projeto teatral de humor, com novos personagens e aventuras.

A trupe tem apresentações marcadas em Pelotas e Porto Alegre em abril. Além dos atores tradicionais – Grace Gianoukas, Guilherme Uzeda e Agnes Zuliani – este espetáculo apresentará seus novos integrantes: Renato Caldas e Artur Kohl. Dois representantes consagrados de uma geração de atores que surgiu nos anos 80 e se destacou pela inventividade e originalidade.

O projeto, que há nove anos vem lotando platéias, se tornou num divisor de águas no cenário da comédia no país, sendo uma referência de qualidade, originalidade e inteligência para o humor brasileiro, sem deixar de ser popular.

Ingressos:

Pré venda dias 01 e 02/03 com desconto de 5% para titulares dos Cartões Redecard/Mastercard.

Pré venda dias 01 e 02/03 com desconto de 50% nos 100 primeiros ingressos para titulares do Clube Premier Bourbon (usuários dos cartões Zaffari Card, Bourbon Card, e Rancho Card).

Bilheteria do Teatro do Bourbon Country
Horário de atendimento das 14h às 22h de segunda a sábado.

Telentrega Ingresso Show - (51) 8401.0555
Horário de atendimento das 9h às 19h de segunda a sexta.

Início das vendas: 03/03

Ingressos promocionais:

Galerias - R$ 40,00
Mezanino - R$ 50,00
Platéia alta - R$ 60,00
Platéia baixa - R$ 70,00
Camarote - R$ 90,00


Desconto de 10% no Clube Premier Bourbon (usuários dos cartões Zaffari Card, Bourbon Card, e Rancho Card).

Desconto de 10% para titular cartão ZH.

Desconto de 50% nos 100 primeiros ingressos, para titulares do Cartão do Clube do Assinante Zero-Hora. Desconto válido somente pela Telentrega Ingresso Show.

Desconto de 10% para titulares dos cartões TAM Fidelidade.

Descontos não acumulativos.

Classificação etária: 14 anos.

Samblog

Samblog - clicRBS


--------------------------------------------------------------------------------
Grupo de Acesso desfilará em São Leopoldo

Posted: 01 Mar 2010 04:20 PM PST

Em 2011, o Carnaval de Porto Alegre terá uma terceira divisão. É o Grupo de Acesso, ou B, com cinco escolas de samba buscando uma vaga ao Grupo A em 2012. Pois este novo grupo do Carnaval da Capital vai desfilar na cidade de São Leopoldo, na Região Metropolitana...
Chegou a vez de Uruguaiana

Posted: 01 Mar 2010 05:48 AM PST

Em Porto Alegre, deu Imperatriz pela primeira vez e a Samba Puro voltou ao Especial. No Rio, a Unios da Tijuca de Paulo Barros arrebatou o primeiro lugar e em São Paulo, a tradicional Rosas de Ouro voltou a vencer...

Entrevista Técnico Paulo Porto - Glória

- Me agradou a formação de três zagueiros tivemos um jogo tranquilo, tivemos nenhum problema defensivo, o Márcio não fez grandes defesas, teve uma situação ou outra de bola parada até porque o batedor deles é muito qualificado, mas o restante foi tranquilo, nenhum sobressalto a gente teve uma boa segurança defensiva, certamente vai ter mais consistencia para atacar.
Reportagem: Paulo Furtado

Equipamentos Agrícolas

Polícia Civil desbarata quadrilha que roubava equipamentos agrícolas e agia no Vale do Taquari
01/03/2010 23:32


Como resultado da Operação Trator, desenvolvida pela Delegacia de Polícia de Rio Pardo, e apoio da DEFREC — Delegacia Especializada em Furto, Roubos, Entorpecentes e Capturas — de Santa Cruz do Sul, cinco pessoas foram presas nesta segunda-feira (01). Os presos, todos do sexo masculino, integravam uma quadrilha que furtava equipamentos agrícolas — tratores e retroescavadeiras — na região do Vale do Taquari para revendê-los, às vezes por partes, na região da Grande Porto Alegre.

Sob comando do delegado Pablo Queiroz Rocha, a Operação Trator resultou de um inquérito elaborado pela Delegacia de Polícia de Rio Pardo na investigação do furto de dois tratores. De posse de cinco mandados de prisão e dois mandados de busca de veículos de luxo — veículos adquiridos com a venda de produtos do crime —, a Polícia Civil pôde efetuar a prisão da quadrilha em Passo do Sobrado, Venâncio Aires e cidades circunvizinhas a Santa Cruz do Sul. Conforme o delegado, a Polícia Civil acredita que nos últimos quatro meses a quadrilha furtou duas retroescavadeiras e quatro tratores. Contudo, Pablo Rocha diz que será feito um contato ainda com outras Delegacias para verificar como se deram alguns crimes, que não estão completamente esclarecidos.

Os presos - com idades de 19, 24, 25, 34 e 58 anos, foram autuados por furto, roubo e formação de quadrilha e encaminhados ao Presídio de Rio Pardo.

Fonte: Ascom PC

O Haiti Acessa o Blog do Jornal Negritude




Parabéns! Você só teve a sua primeira visita de Haiti.




Visite Haiti na Wikipedia



Modificar a minha alertas

Mensagem

Entrevista Técnico Paulo Porto - Glória

- Nós temos a volta de Léo, a volta do Marcinho, tem possível liberação do Marcelo Muller e do Alejandro vamos ver o que vai ser melhor para o jogo da quarta-feira. Vai seguir dentro dessa base, e aos poucos está se achando a equipe.
Reportagem: Paulo Furtado