Rádio WNews

domingo, 5 de dezembro de 2010

Imagnes de Arquivo


Blog do João Amaro Borges

NA INTEGRA MINHA COLUNA NO CORREIOVACARIENSE. LEIA ABAIXO.

Contraponto
Por: João Amaro Borges
NOTA PAGA- O Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Vacaria e Muitos Capões, através de seu presidente, publicou na edição passada deste jornal, nota paga com o título "Falando a Verdade", em que repudia um comentário meu. Com relação à nota quero afirmar o seguinte: 1- A seriedade e imparcialidade do jornal ficam acima das questões pessoais, tanto que somente tomei conhecimento da nota no sábado, ao pegar o jornal. 2- Quanto ao valor do atual salário e as reuniões exaustivas feitas pelo presidente reitero que um salário de R$ 556,00, na minha opinião, ainda é um baixo salário. Penso que as reuniões são obrigações da entidade em buscar melhores salários aos seus sindicalizados. Quanto ao motivo que levou trabalhadores dos pomares a me procurar, sinceramente não faço a menor ideia. Por fim, em momento algum duvidei da competência e seriedade do presidente ou da entidade. Realmente não pude entender a nota, porque não havia citado nada sobre eles. DECISÃO INÉDITA- A juíza de direito, dra. Anelise Boeira Varaschin Mariano da Rocha, condenou o vereador Osnir Domingues em ação penal privada que tem como autor Antonio Carlos Gomes de Souza, conhecido por Carioca. Não vou comentar o teor da condenação, quero apenas ressaltar que essa decisão é inédita aqui no município. Espero que, dessa forma, nossos representantes no Legislativo passem, de agora em diante, apenas questionar assuntos pertinentes a sua função. Já há algum tempo tenho comentado aqui na coluna que a tal imunidade parlamentar não protege o vereador quando extrapola suas funções e nisto se embasou a decisão. Essa decisão, sem sombra de dúvidas, vai ser um divisor de águas nas atitudes e ações dos vereadores. Cabe recurso, é verdade, mas a sentença é muito bem fundamentada. Essa decisão é mais uma prova que a justiça tarda mas não falha e julga o fato independente das partes. SAÚDE- Os problemas da saúde no município foi novamente o tema em pauta na semana. A Rádio Esmeralda fez dois programas para abordar o tema. O primeiro resultado foi uma reunião entre Ministério Público, vereadores da comissão de saúde, Secretaria da Saúde e Hospital realizada para buscar soluções. O primeiro passo foi dado e por sugestão do MP uma ouvidoria será instalada para atender as demandas. SAÚDE II- Um acidente envolvendo um automóvel Agile da Secretaria da Saúde ainda é mantido em sigilo absoluto. A notícia que circula é que o motivo do acidente teria sido excesso de velocidade e ultrapassagem em local proibido. Postei no meu blog a foto do carro. O contribuinte espera uma explicação do Executivo e providências, afinal o bem publico é do povo e não pode ser dilapidado dessa forma. Por falar em saúde, a própria base do prefeito fez pesadas críticas ao setor. O vereador Osnir chegou a dizer que prefere um veterinário para ser atendido, se tiver que se submeter novamente a esse atendimento atual. Já o vereador Antonio Almeida disse que só mediante a ameaças consegue o atendimento. Quero ressaltar que tenho feito críticas ao setor há muito tempo. LEGISLATIVO- No próximo mês, a Câmara de Vereadores escolhe a nova mesa diretora para o ano de 2011. Quero ver se o PP mostra que tem comando e que é oposição ou vai aderir de vez ao atual prefeito. AMPLIANDO INSTALAÇÕES E NEGÓCIOS- A Quantum Automação, empresa de Vacaria, pretende ampliar suas instalações no ano de 2011. Com um projeto arrojado, a empresa conquista novos mercados e novos clientes. Na sua carteira de clientes passa a figurar a Petrobras, já que a Quantum fechou um contrato com a estatal para prestar serviço. Ter um cliente desse quilate certamente é motivo de orgulho para todos da nossa terra. DESTAQUES CONTRAPONTO- A exemplo do ano passado, na próxima semana estarei divulgando aqui na coluna acontecimentos, fatos e pessoas que entendo merecerem um destaque pela sua atuação na sociedade local. Esta escolha foi baseada em consultas e independente da posição social, financeira ou opção política. Aguardem e confiram. Http://joaoamaroborges.blogspot.com, fotos e assuntos variados.
Veja todas as colunas já publicadas


2007/09 © - Correio Vacariense Ltda - Todos os direitos reservados - Acessar iWay
CONDENADO.

O vereador Osnir Domingues foi condenado em primeiro grau pela justiça de vacaria em ação penal privada movida por Antonio Carlos Gomes de Souza vulgo Carioca.A ação buscava reparar donos sofridos pelo autor por ofensas proferidas pelo vereador na tribuna da câmara; essa decisão da justiça vem comprovar aquilo que venho afirmando já há algum tempo; ou seja, a imunidade parlamentar tem limites e só tem o amparo legal para assuntos relativos a sua atividade parlamentar.

A sentença ainda é passível de recurso e certamente o advogado do vereador vai recorrer da decisão.O processo tem o numero 038/2. 09.0004738-2 o advogado do autor é o Dr.Joel Macedo de Lemos e o réu tem como seu defensor Dr.Fernando Osório.
A juíza que condenou de forma inédita o vereador é a Dra. Anelise Boeira Varaschin Mariano da Rocha.
Fonte://joaoamaroborges.blogspot.com
 

Imagnes da Internet







Imagens de Arquivo








Confraternização dos Funcionários Muncipais da Prefeitura de Vacaria RS

No dia 20 e 21 de Novembro 2010 na sede da Associação dos motoristas de Vacaria RS. Foram promovidos pelo SIMVA- Sindicato dos Municipários de Vacaria RS jogos e almoço para os funcionários e familiares.
A classe não precisa de festas o que precisamos é de um Presidente mais atuante, os convénios que temos cobrem muito pouco.
O que queremos:
1) Convénios médicos e hospitalares para funcionários e familiares de 100%.
2) Atendimento ondotológico integral.
3) Assistência judiciária integral.
4) Convénio com farmácia e super mercados.
Pois se os funcionários tiver que tirar o bolso para a saúde, no fim do mês a sua família passa fome.

Amanda Hipólito Segóvia

O fascinio pelos Psicopatas

 Assisti o programa Tribunal na TV  da Rede Bandeirantes sobre o manioco do parque, que atraia as pobres jovens para fotos no parque em São Paulo, depois as espancava,  estrupava e matava sem dó e piedade. E esses psicopatas andam no nosso meio é que deixa espantado é como as mulheres se seduzem por esse tipo de monstros, amam esses marginais. Aqui em Vacaria RS já vi varias mulheres casadas e namorando com cada lixo que fico a refletir o que passa na cabeça feminina escolher a pessoa errada, a vida bandida ou a própria morte. Vários crimes passionais aconteceram em nossa cidade. Ainda bem que a justiça faz a sua parte trancafiam esses maníacos no seu lugar que é a cadeia.

Imagens de Arquivo







Miss RS 2010

Miss Rio Grande do Sul 2010 é eleita em Canela

07 de junho de 2009 • 03h28 • atualizado às 09h11
A estudante de nutrição Bruna Jaroceski (centro) posa ao lado das demais candidatas Foto: Antares Martins/Divulgação
A estudante de nutrição Bruna Jaroceski (centro) posa ao lado das demais candidatas
07 de junho de 2009
Foto: Antares Martins/Divulgação

Bruna Jaroceski, 19 anos, representante da cidade de Canoas, conquistou o título de Miss Rio Grande do Sul de 2010 na noite deste sábado (6), em concurso realizado no Hotel Laje de Pedra, em Canela (RS). Bruna é estudante de nutrição e mora em Porto Alegre, mas como trabalhava em uma empresa em Canoas, na região metropolitana, representou o município no evento.
A bela recebeu a faixa, a coroa, o manto e cetro da Miss RS 2009, Bruna Gabriele Felisberto, e foi premiada com um carro. Agora, ela se prepara para a próxima edição do Miss Brasil, no ano que vem.
O segundo lugar ficou com a representante da cidade de Teutônia, Gabriela Markus. A terceira colocada foi a Miss São Lourenço do Sul, Kênia Iost. Em quarto lugar, a representante de Uruguaiana Priscila Machado e, em quinto, a Miss Santa Maria Rafaela Senna. No total, foram 30 candidatas na disputa pelo título de mulher mais bela do Estado do Rio Grande do Sul.
O corpo de jurados, responsável pela escolha, foi composto por especialistas em moda, ex-misses, empresários e consultores.
A proposta do Miss RS 2010, segundo a organização, era mesclar uma releitura moderna dos tempos áureos do concurso, quando foram eleitas misses que marcaram época. Entre os desfiles de gala e maiô, o público conferiu o show da cantora e compositora Fernanda Porto.
A primeira entrada das candidatas na passarela foi no desfile coletivo de maiô. Anunciadas as 15 semifinalistas, uma escolhida pelo público por meio de voto por telefone foi o momento do desfile de biquíni. Entre as 15, cinco foram classificadas e responderam as perguntas dos jurados, demonstrando desenvoltura e comunicação.
Redação Terra

Guerra no Rio

Demorei um pouco a comentar a questão do RJ espere maiores informações dos meus amigos que residem na cidade maravilhosa. A limpeza era necessária mas como sempre o cidadão de bem sofre o abuso da autoridade policial agora vem a público a ação de alguns mal policiais e militares que furtaram dinheiro e até assédio sexual contra garotas quando fizeram abordagens nessa operação. As questões éticas e comportamento é u desafio para as policias cariocas onde a corrupção é muito grande, mas a pena que as punições contra esses mal policiais demoram e as vezes nem chegam acontecer. Como sempre os negros e negras de bem são as maiores vitimas do abuso e da violência policial no Brasil e no mundo

Sargento da Brigada Militar condenado em Caxias do Sul RS

Noticias

27/10/2010 - Crime
Sargento condenado a seis anos em Caxias do Sul



Promotora Fernanda Weiand...
...durante atuação no júri popular

Os réus: Roberto Bortot (esq), a soldado Fabiane Chaves e o ex-polical militar Rafael Witt
Crime do Zé Maria, que chocou a cidade, aconteceu na madrugada de 11 de novembro de 2000

O Tribunal de Júri de Caxias do Sul condenou, nesta terça-feira, dia 26, o sargento Roberto Bortot, pelo assassinato de José Maria Martins ocorrido por engano. A pena será de seis anos e inicialmente deverá ser cumprida em regime semiaberto.

Na noite do crime, o sargento Roberto Bortot, a soldado Fabiane Chaves e o ex-soldado Rafael Witt, acreditavam que estavam prestes a prender um ladrão de carros. Um mecânico viu José Maria entrar no próprio carro e imaginou tratar-se de um furto. Ao acionar a Brigada Militar, iniciou-se uma perseguição com suposta troca de tiros. Cerca de 30 disparos atingiram o carro e um dos tiros foi fatal para Zé Maria. A perícia não comprovou de qual arma saiu o tiro fatal.

Depois de dois dias de acusações e defesas, o sargento Bortot foi condenado, por ter afirmado em seu depoimento que fez um último disparo ao perceber que a vítima poderia atirar. A soldado Fabiane e o ex-soldado Rafael foram absolvidos pelo júri.

A Sessão Plenária foi presidida pela juíza Milene Fróes Rodrigues Dal Bó, tendo na acusação, a promotora de Justiça Fernanda Weiand Braun e como assistente de acusação, o advogado Vitor Hugo Gomes. Na defesa, atuou o advogado Jader da Silveira Marques.



Agência de Notícias
imprensa@mp.rs.gov.br
(51) 3224-6938




Desfile de 07 de Setembro




Romeu e Julieta

Homenagem a Banda Lingerie

Os videos mais acessados do Youtube do Jornal Negritude

Banda Rasalgueth Vacaria Rs show na Feira do Livro 18,9
Entrevista com Ator Marcos Verza 8,2
Ruptura de Amigos - Autoria de Paulo Furtado 7,4
Jesus Cristo - cover de Roberto Carlos 6,6
Show da Rasalgueth na Feira do Livro parte 2 4,9
Desfile de Brigada Militar de Vacaria RS no dia 07 de Setembro 2010 4,5
Frutos da Repressão em Estúdio do Michel 3,7
Desfile do dia 07 de setembro em Vacaria RS 3,3
Eduardo e Mônica - cover do Legião Urbana 3,3
Show do Nazareth em Vacaria RS 2,9

Pata de Elefante Show na Feira do Livro