Grêmio 1 x 0 Botafogo

Grêmio 1 x 0 Botafogo
Libertadores 2017

sábado, 24 de abril de 2010

Albergue em Porto Alegre RS

A governadora Yeda Crusius visitou, na tarde desta segunda-feira (19), o albergue para detentas construído junto ao Instituto Psiquiátrico Forense, em Porto Alegre. A nova unidade tem capacidade para abrigar 150 mulheres e possui estrutura modular. O local dispõe de camas beliches, mesas para o refeitório, banheiros e chuveiros individuais. "O Novo Paradigma, em cada casa, vai aos poucos sendo compreendido. A ação reafirma o compromisso assumido pelo Governo para recuperar o Sistema Prisional e está dentro dos esforços somados pelo Executivo estadual para zerar o déficit de vagas do regime semiaberto no Rio Grande do Sul", afirmou a governadora.

O albergue receberá detentas do Presídio Feminino Madre Pelletier, que já tiveram progessão de pena, e possui o mesmo padrão das unidades prisionais de Charqueadas e de Viamão. A governadora enfatizou a modernização e humanização do Sistema Prisional gaúcho alcançadas com o Novo Paradigma. "O tipo de construção desse albergue serve para que estruturas antigas possam ser melhoradas." Yeda citou como exemplo o esqueleto de um prédio antigo localizado ao lado desse albergue. No local, deverá ser construído outro módulo para mulheres do semiabaerto com o dobro de vagas e creches aos filhos das detentas.

Novos Soldados

O governo do Estado, por meio da Secretaria da Segurança e da Brigada Militar realiza, neste sábado (24) as últimas formaturas dos 3.552 novos policiais militares, o maior contingente incluso à Brigada Militar, de uma única vez, na história da corporação. Ocorrendo em 36 locais do Rio Grande do Sul, de forma descentralizada, as formaturas acontecem desde a última sexta-feira e findam no sábado.

As solenidades de formatura de 475 policiais militares acontecem em 09 cidades do Rio Grande do Sul, conforme abaixo, onde consta dia, horário, local e número de soldados formandos, respectivamente.

24/4/2010 - 10h – Parque Municipal- Cachoeirinha – 40 soldados
24/4/2010 - 10h – Centro Administrativo Muncipal - Teutônia – 83 soldados
24/4/2010- 10h - Quartel do 6º BPM – Rio Grande - 76 soldados
24/4/2010 - 15h – Praça Central - Gravataí - 80 soldados
24/4/2010 - 17h- Quartel do 4º BPM - Pelotas - 75 soldados
24/4/2010 – 17h - Ginásio Saturno em Caravaggio – Farroupilha - 39 soldados
24/4/2010 - 17h – Campus da UNIJUI – Ijuí - 41 soldados
24/4/2010 - 17h – Estádio do Esporte Clube Sapucaiense – Sapucaia do Sul - 40 soldados
24/4/2010 - 17h - Quartel do 10º BPM – Vacaria - 41 soldados

Durante seis meses de instrução e treinamento nos diferentes Comandos Regionais de Policiamento Ostensivo do Rio Grande do Sul, os novos soldados tiveram curso de 1.100 horas/aula. A capacitação abrangeu também matérias curriculares como Sociologia, Antropologia, Psicologia e Vitimologia, bem como conteúdos teóricos e práticos, com foco na técnica policial militar e na legislação aplicada à função.

A inclusão dos 3.552 novos policiais militares é meta definida e alcançada pela governadora Yeda Crusius, por meio do projeto de Recomposição dos Efetivos da Segurança, do Programa Estruturante Cidadão Seguro (www.estruturantes.rs.gov.br). Representa um acréscimo de 17% no atual quadro de servidores da BM e a melhoria na prestação de serviços de segurança pública aos gaúchos.

Agentes Penitenciários

O chefe da Casa Civil, Bercílio Silva, e o secretário da Transparência e da Probidade Administrativa, Francisco Luçardo, receberam na tarde desta sexta-feira (23), a diretoria do Sindicato dos Agentes, Monitores e Auxiliares de Serviços Penitenciários do RS (Amapergs). Liderados pelo presidente da entidade, Luiz Fernando Correa da Rocha, e pelo vice-presidente, Flávio Bastos Berneira Júnior, os agentes foram à Casa Civil solicitar apoio do Governo do Estado na busca de medidas de valorização da categoria, como melhores condições de trabalho, plano de carreira, promoções e insalubridades ainda pendentes.

O secretário Bercilio Silva explicou que, com o passar dos anos o setor público não conseguiu acompanhar adequadamente a evolução numérica da criminalidade e que, agora, Governo e agentes penitenciários devem recuperar esse tempo perdido, fazendo um esforço conjunto para reduzir o distanciamento. Afirmou que todo o ambiente de serenidade e tranquilidade da sociedade gaúcha passa também pelas mãos dos agentes penitenciários, o que justifica que tenham boas condições de trabalho, autoestima elevada e sua atividade valorizada. Reconheceu pendências e solicitou à categoria que encaminhem, nos próximos dias, relatório identificando suas necessidades e pleitos, de forma que o Governo possa avaliá-los e encaminhar as soluções necessárias.

O chefe da Casa Civil disse, ainda, que tem plena convicção de que a maioria absoluta dos agentes penitenciários está totalmente comprometida com os padrões éticos de comportamento que regem a sociedade "e que não será a ação de uma minoria não correta que irá manchar a imagem dessa categoria tão essencial para a nossa sociedade".

Ficou acertada, com a direção da Amapergs, nova reunião na próxima terça-feira (27), na Casa Civil. Também foi acordado que nenhuma ação será realizada pelo sindicato até o encontro, quando será repassado ao Governo as solicitações da categoria.

Candomblé Vegetariano

O universo do candomblé está presente na vida de Iya Senzaruban desde muito cedo. Nascida numa família de cultura tradicional do candomblé, ela é filha de um ekede e de um ogã. Foi iniciada nesta senda espiritual aos 7 anos e aos 14 anos tornou-se mãe-de-santo. Desde o início dos anos 90 estuda técnicas da medicina alternativa como a aromaterapia, acupuntura, fitoterapia, auriculoterapia, cromoterapia e cristais. No Sri Lanka entrou no culto a Krishna e Shiva e acabou descobrindo uma forma para substituir, em sua alimentação e nos rituais, os animais e ingredientes de origem animal. Vegetariana há 25 anos, atuante na área de saúde, ela é também responsável pelo Grupo Ile Iya Tundé, entidade filantrópica que atua há 22 anos em Itanhaém, no estado de São Paulo e que ministra cursos e atividades para a comunidade. Sua experiência na renovação do candomblé está sendo relatada no livro que escreve e pretende publicar sob o título de Candomblé Vegetariano. Nesta entrevista à jornalista Cynthia Schneider, da ANDA, Yia Senzaruban fala sobre sua experiência lactovegetariana, sua dedicação ao candomblé, sua caminhada espiritual e a sintonia entre natureza e espiritualidade.

Fonte: ANDA (Continua na próxima edição)

Samblog

Chuca deixa os Acadêmicos de Gravataí

O mestre-sala com a segunda melhor nota do Carnaval de 2010 está sem escola. Leandro Wolff, o Chuca, não está mais nos Acadêmicos de Gravataí. A decisão de não renovar contrato com a escola teria sido tomada logo após o Carnaval, como relatou ao Samblog: Fui bem acolhido pela comunidade e pela escola...

Novo Reforço do Glória

Mais um reforço confirmado

Mais um atacante chegou ao Altos da Glória no final da tarde de hoje, trata-se de Maiquel. O jogador defendeu as cores do Novo Hamburgo no Campeonato Gaúcho deste ano, onde atuou ao lado do meia Edimar, que também está no Leão da Serra.
Maiquel, 28 anos, é natural do Rio de Janeiro e já passou por equipes como o Flamengo-Pi, Caxias-RS e por último o Novo Hamburgo. Tendo condições legais, o atleta já integrará a delegação que irá para Gravataí na terça-feira, onde enfrenta o Cerâmica na quarta.

por Neto Ferreira - Assessor de Imprensa

Domingo Glória x Cruzeiro

Glória x Cruzeiro no domingo

Considerada por todos no Altos da Glória como a partida mais importante do Leão da Serra na temporada 2010. Dependendo do resultado, será conhecido o destino da equipe de Vacaria, vencendo continua na briga por uma vaga a próxima fase, perdendo ou empatando, as chances de classificação seriam remotas, e o sonho da Primeira Divisão teria que ser adiado. Mas a última hipótese não pode ser cogitada de forma alguma, pois enquanto há vida, há esperança.
Na fria tarde desta sexta-feira, o técnico Paulo Porto comandou o penúltimo trabalho antes do confronto contra o Cruzeiro de domingo. Algumas modificações deverão ser feitas em relação a equipe que enfrentou este mesmo Cruzeiro no meio da semana. Valdemar e Vagson retomam normalmente a titularidade na zaga e na lateral esquerda respectivamente.
A maior expectativa fica por parte da estréia do centroavante Leandro Rodrigues, contratado ainda na semana passada. Edimar sentiu dores no adutor da perna direita no treinamento desta tarde e vira dúvida para a partida, com isso, Marcelo Muller ou Fabinho ganham força para iniciar no domingo.
Na lateral direita mais um problema, João Paulo lesionou-se no jogo passado e está fora. Tiago Machado poderá voltar, mas seu retorno passa por um teste que será realizado na manhã deste sábado.
A arbitragem para Glória x Cruzeiro, 18h30min no Altos da Glória estará a cargo de André Cieslak, auxiliado por Júlio Cesar Rodrigues dos Santos e Antônio Cesar Domingues Padilha.

por Neto Ferreira - Assessor de Imprensa

Cantor Luciano é Condenado por Agressão no RS



O cantor Welson David Camargo, mais conhecido como Luciano, da dupla Zezé di Camargo e Luciano, foi condenado a pagar uma indenização de R$ 30 mil por ter agredido um homem quando participava de um comício, em Porto Alegre, durante a campanha política de 2004. Luciano deu uma "voadora" pelas costas do homem, de mais de 50 anos, além de um golpe no seu rosto e um chute no seu escroto.
A agressão ocorreu no dia 23 de outubro, em frente ao hotel Sheraton, no bairro Moinhos de Vento. O cantor chegou a alegar que, na ocasião, um tumulto generalizado foi criado no momento em que ele desembarcava no local e que, por isso, qualquer pessoa poderia ser identificada como o agressor. Mas, nessa sexta-feira, a 5ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça do RS confirmou a sentença.


Fonte: Yahoo

Edson Portilho Apoia Sacrificio de Animais

* Recebi com alegria na minha caixa de e-mail uma noticia que as Associações de Proteção de animais estão fazendo uma campanha contra o ex-Deputado Estadual Edson Portilho que quando passou na Assembleia Legislativa no meu ponto de vista nada fez a não ser empregar o marginal do Emir da Silva e fazer trairagem para o Movimento Negro do RS. Parabéns as associações defensoras de animais que está distribuindo pela internet para não elegerem esse Edson Portilho nas eleições 2010, nós apoiamos essas entidades de proteção aos animais e nos colocamos a disposição para ajudar no que for possível. Edson Portilho e seu gurizinhos que tanto desgraçou pessoas e vidas, o passado condena Edson e seus puxa saco e mau caráter liderado por aquele marginal do emir da Silva.

Ataque a Edson Portilho



Quinta-feira
O ataque no Twitter ao Professor Edson Portilho



Inegavelmente o Twitter é uma ferramenta nova e poderosa para a troca de informações e interatividade. Ainda terá um amplo campo de crescimento no Brasil, possivelmente ocupando um papel cada vez maior na difusão de informação.
O Twitter, aliado aos blogs e a outras redes de relacionamentos, permite uma situação de amplidão nas trocas livres de opiniões, notícias e todo e qualquer tipo de manifestação, e a tendência é que o uso da ferramenta seja ampliado e fortalecido pelo ineditismo da possibilidade de rompimento com o bloqueio dos grandes meios de comunicação, principalmente quanto ao acesso e difusão do conhecimento. Se, afirmam que caminhamos para uma “sociedade do conhecimento”, nada mais potencialmente “revolucionário” que a construção de meios que rompam com a própria hegemonia na reprodução dos saberes.
Mas, se existe esta potencialidade, ela ainda tem um caminho a ser trilhado e que por vezes, a velocidade da difusão, aliada a um instantaneísmo de pouca capacidade crítica, permitem que se gerem alguns “mal-entendidos” e interpretações errôneas de alguns fatos.
Um exemplo disso ocorreu quinta-feira, 22 de abril, quando o “Trending Topics” do Brasil ou TTBrs, que é uma lista em tempo real dos nomes mais comentados no Twitter no país, constava no topo o nome do Edson Portilho. Me causou de imediato uma certa estranheza, afinal, o Professor Edson Portilho, da cidade de Sapucaia do Sul (região metropolitana de Porto Alegre/RS) não tinha realizado nenhuma ação, nesses últimos dias, que tenha ganhado amplo destaque nos meios de comunicação gaúchos.
Ao verificar do que se tratava, constava da aprovação de uma lei do Deputado Edson Portilho que permitiria a tortura e o sacrifício de animais. Descobri que esta denúncia, aparentemente, teve orígem em uma noticia vinculada pela Agência de Notícias dos Direitos dos Animais (ANDA) no dia 19 de abril. A informação original era descontextualizada, com informações vagas e sem informar muita coisa, fechava fazendo um pedido: “Divulgue, para que Edson Portilho não se eleja para mais nenhum tipo de cargo.” Em seguida foi noticiada por outros blogs e sites em uma difusão crescente, sendo atendida em seu apelo e, dois dias depois de publicada era o tema mais comentado no Twitter.
Passada a estranheza inicial logo percebi que se tratava de uma grande confusão, e que ganhava, rapidamente, um corpo de “verdade”. Para começar, Edson Portilho não é mais deputado desde 2006, atualmente é vereador em seu município de origem.
A suposta lei da “tortura” ao animais foi aprovada em 2004, e é uma lei de âmbito estadual, já que o Professor Edson era deputado estadual da Assembleia Legislativa do RS. Logo, apesar das “informações” que alguns difundiam, não é uma lei nacional, além de que, nenhuma lei é aprovada por vontade de apenas um deputado, é necessária maioria em plenário.
A lei que gerou a “campanha” com tons de denúncia, não fala de tortura de animais, mas versa a respeito das religiões de matriz africana, onde os animais utilizados nos cultos não são “torturados” com requintes de crueldade (como alguns afirmaram) e nem é irrestrita para todo e qualquer espécie de animal.
Neste aspecto, não deixa de transparecer um forte componente de intolerância religiosa, que na época da aprovação da lei, geraram sim protestos de alguns segmentos, como os ligados aos evangélicos e alguns “ambientalistas”. Mal disfarçando a intolerância com as práticas e manifestações religiosas de matriz africana, que não chega a ser uma novidade para os adeptos destas religiões, perseguidos historicamente em todos os cantos do Brasil.
Estes e outros aspectos deste tema não foram levados em consideração pelas milhares mensagens no Twitter, a difusão em blogs e sites, a criação de micro-blogs, de uma campanha “Fora Edson” etc. já davam vasão a um fato que, no mínimo, estava descontextualizado. Sem haver o menor cuidado em um principio básico de se verificar de onde vem a informação
O saldo final não deixa de ser um tanto perverso e demonstra o mal-uso que uma potente ferramenta como o Twitter pode ter. Para muita gente, qualquer desmentido e recolocação dos fatos talvez não seja mais eficaz, pelo próprio caráter efêmero e instantâneo da “denúncia” e explicita o longo caminho que ainda temos para uma melhor capacidade crítica e cidadã da rede por um número maior de pessoas.

Postado por Erick da Silva às 18:02



Fonte: Blog Aldeia Gaulesa