Rádio WNews

sexta-feira, 19 de fevereiro de 2016

Novo Estádio Altos da Glória em Vacaria RS












Novo Estádio Altos da Glória em Vacaria RS






Outras Palavras

Imagem inline 1

Imagem inline 1
Boletim de atualização - Nº 617 - 14/2/2016



Economia: por que perdura risco de colapso global
Desde 2008, nenhuma das políticas "contra a crise" ousou questionar papel dos bancos e aristocracia financeira. Reforçados, eles ameaçam provocar novas turbulências. Há alternativas. PorJoseph Stiglitz (Outras Palavras)

Pós-Carnaval e Outros Quinhentos
Num mundo em transe, duas notícias singelas, que confirmam aposta de Outras Palavras: fazer jornalismo de profundidade estimulando, ao mesmo tempo, novas formas de viver e produzir. Por Antonio Martins (Blog da Redação)

Depois de mil anos – e em Havana
Reunidos pela primeira vez desde 1054, Papa e Patriarca ortodoxo apontam desigualdade, riscos de guerra e ordem global dominada por potências ocidentais. Prepare-se: velha mídia omitirá sentidos da declaração. Por Mauro Lopes (Blog da Redação)

Portugal debate direito à morte digna
"Um Estado laico deve promover direitos que não obrigam ninguém, mas permitem escolhas pessoais razoáveis. A despenalização da morte disponibiliza uma opção legítima", diz manifesto assinado por intelectuais como Boaventura Santos (Blog da Redação)

É preciso barrar a escalada contra a imprensa
Ameaças contra Sakamoto são alerta. Blogueiro e líder da ONG Repórter Brasil não é uma vítima isolada entre jornalistas; mas pode ser símbolo de um movimento necessário pela democracia. PorAlceu Luís Castilho (Blog do Alceu Castilho)

Mobilidade: Estocolmo prepara pedágio urbano
Capital sueca avalia plano para cobrar, dos motoristas, taxa de congestionamento. Em cidade farta de transporte público, recursos serão utilizados para ciclovias e outras formas de locomoção alternativa. Por Rosália Vasconcelos, no Vádebike (Outras Mídias)

O menino e o mundo e suas questões desconcertantes
Genial na proposta, enredo e opções formais, animação brasileira que concorre ao Oscar quase passou despercebida. Que isso revela sobre passividade do público e da crítica? Por José Geraldo Couto (Outras Palavras)

Jean-Claude Bernardet quer reinventar a vida e a morte
Numa entrevista em vídeo, as reflexões de um crítico que marcou o cinema brasileiro. Depois de recriar-se como autor, ele conta como viu de perto o próprio fim (Blog da Redação)

Cachaça, a refinada bebida do Brasil
País supera, aos poucos, preconceito colonial que via sua invenção gastronômica como inferior. Parte da cultura nacional, destilado é diverso — talvez como nenhum outro. Por Felipe Jannuzzi (Outras Palavras)

Corra, Lola, Morra!
“Mas a outra, a viva, não se consumiu em nenhuma chama. Cantou todos os hinos de glória, mesmo que as vitórias nem tivessem tamanho de tão pequenas. Canta loca, ergue as mãos”. Por Fabiane M. Borges, na coluna Fêmea (Outras Palavras)

--Boletim de atualização do site Outras PalavrasA reprodução é bem-vinda. Interessados em recebê-lo devem clicar aqui. Para deixar de receber, aqui. Acompanhe nossas novidades também no Facebook


-----Anexo incorporado-----

_______________________________________________
Boletimdiplo mailing list
Boletimdiplo@listas.tiwa.net.br
https://listas.tiwa.net.br/listinfo/boletimdiplo
Descadastrar: envie email a Boletimdiplo-unsubscribe@listas.tiwa.net.br

Patrocinador Master do Inter de Lages SC

Orbenk firma novo acordo e é mais uma vez a patrocinadora master do Inter
A Orbenk é mais uma vez a patrocinadora master do Colorado Lageano. A formalização do acordo ocorreu neste domingo, antes do início de Inter x Camboriú, pela quinta rodada do Catarinense.
Empresa e clube já tinham um acordo verbal de manutenção da parceria, tanto que o Inter exibe a logomarca da empresa em sua camisa de jogo desde a primeira rodada do estadual. O novo compromisso foi firmado neste domingo.
Neste mês, a Orbenk completa um ano de parceria com o Internacional de Lages. O primeiro acordo foi assinado em fevereiro de 2015, quando a empresa passou a exibir sua logomarca nas costas do uniforme colorado. No segundo semestre, quando o Inter disputou a Série D do Brasileiro, a empresa passou a ser patrocinadora master.
Participaram da assinatura o diretor comercial da Orbenk, Ronaldo Benkendorf, o presidente do Inter, Cristopher Nunes, e o deputado estadual Gabriel Ribeiro (PSD). Ao intermediar a renovação da parceria, o deputado teve participação fundamental no novo acerto.
Fundada em 1986 e com mais de 5 mil colaboradores, a Orbenk atua nos segmentos de limpeza e conservação e de terceirização de mão de obra.

Giovani Nunes reforça a comissão técnica e assume a coordenação de futebol
A comissão técnica do Internacional de Lages ganhou mais um reforço na última semana: Giovani Nunes acaba de assumir a coordenação técnica do clube, função que ainda não existia e era acumulada pelo gerente de futebol José Reis. O novo profissional já está em Lages.
Aos 45 anos, Giovani Nunes tem um histórico fortemente ligado ao futebol catarinense. Como atleta, defendeu Avaí, Figueirense, Chapecoense, Marcílio Dias e Anapolina (GO), entre outros. Depois de encerrar a carreira de jogador, atuou como auxiliar técnico, treinador e superintendente. Já são 12 anos de carreira exercendo funções técnicas em clubes como Marcílio Dias e, principalmente, Atlético de Ibirama, no qual acumulou sucessivas passagens.
O novo profissional colorado fará a ponte entre o grupo comandado pelo treinador Waguinho Dias, a gerência de futebol, função de José Reis - que vinha acumulando tanto funções de campo quanto atividades administrativas -, e a direção do clube. A chegada de Giovani Nunes é mais um movimento de efetiva profissionalização do Colorado Lageano.

NOS ANEXOS:
- Ronaldo Benkendorf, Cristopher Nunes e Gabriel Ribeiro logo após a assinatura do novo acordo (Foto: Nilton Wolff)
- Giovani Nunes como treinador do Atlético de Ibirama (Foto: Orlando Pereira / Atlético-Ib)
 
-- 
Inter de Lages
Imprensa

www.interdelages.com.br

Águas Lusas

Abraços quaresmeiros
parece que iam postar o texto em algum Instituto (o ICN???? agora não lembro qual. Autorizei, não conferi).
 
 
 
Gisela D'Arruda

Em Sábado, 13 de Fevereiro de 2016 7:24, Caminho das Folhas - Gisela d´Arruda escreveu:


Caminho das Folhas


Posted: 12 Feb 2016 09:10 AM PST
O Encontro de Escritores de Língua Portuguesa aconteceu em Cabo Verde logo antes do carnaval. Muito válido se não formos esquecer que Angola, Moçambique e o próprio arquipélago do Cabo Verde falam também outras línguas, que hoje começam a ser mais valorizadas do que nos anos após a independência para não se dizer nada de ANTES da independência, claro).
O grupo banto é imenso e as principais de Angola são quicongo, quimbundo, umbundo e chokwe (quioco) , mas há outras ainda. Não ha nada de errado em se falar vários idiomas nacionais, no Senegal há oito e o historiador senegalês que me explicou falava seis, fora vários idiomas indo-europeus (inclusive os que usávamos pra conversar...) Errado é diminuir o valor da língua não européia ou querer igualar tudo, como no notório Acordo Ortográfico entre Portugal e Brasil. Coisa de políticos, que desagradou a muitos lusófonos e enquanto isso em Angola se escrevem apenas duas formas do famoso POR QUE, o que para nós é absurdo mas eles simplificaram, achando que já é difícil ter português como segunda língua sem as quatro diferentes formas... Escrevem salvo engano "vêem" também, com o acento cabível.
Pior é querer impor lista de palavras aceitáveis: conheci um cabo-verdiano muito preocupado com a hipótese e custou convencê-lo (se é que convenci) que não podem vir estrangeiros excluir ou inserir de força vocábulos do seu vernáculo sob pretexto de lusofonia; que o que se poderia exigir dele é que se expresse no mais correto e colorido português possível e no melhor cabo-verdiano também. Não se ouve mais falar dessa segunda parte do Acordo; desejo com veemência que o mosquito da chicungunha o tenha inutilizado.
Imaginou? em Angola são comuns catorzinha, quianda e pacaça; será que no Acre alguém sabe o que é isso? Viva a diversidade e respeitem a diferença mútua.
E parabéns ao corretor que me corrige as digitações mas deixou de pintar de vermelho esses termos angolanos... Progresso!

Popular na Rede

 
Popular na sua rede
Por Geledés Mulher Negra
Abayomi: nossas bonecas originais - Geledés
Geledés Mulher Negra está tweetando sobre isto.
José Fortunati  @josefortunati
 
Novas linhas T12 e T13 atenderão Restinga e Lomba do Pinheiro. 
Fique por dentro:goo.gl/Wpe67B 🚌 🚌 🚌
Ver no Twitter
RBS TV  @rbstv
 
#GE Ju 100% e São Paulo-RS embalado; veja os gols da 4ª rodada do Gauchãoglo.bo/1SscVaY
Ver no Twitter
Porto Alegre  @Prefeitura_POA
 
Novas linhas T12 e T13 atenderão Restinga e Lomba do Pinheiro 🚌 🚏bit.ly/1oj6meD
Ver no Twitter
G1RS  @g1rs
 
Prefeitura de Porto Alegre comunica que nunca usou larvicida suspenso no estadoglo.bo/1ojh5Wu
Ver no Twitter
Correio do Povo @correio_dopovo
 
Dono de sítio em Atibaia pede para ser ouvido na Lava Jato bit.ly/1PMApSC
Ver no Twitter

Configurações  |  Ajuda  |  Sair
Este e-mail foi gerado por @jornalnegritude.
Twitter, Inc. 1355 Market Street, Suite 900 San Francisco, CA 94103