Grêmio 1 x 0 Botafogo

Grêmio 1 x 0 Botafogo
Libertadores 2017

sábado, 6 de fevereiro de 2010

Encontro Guarani




Encontro dos Povos Guarani
Começam os debates em Tekoha Añetete
Começaram ontem, na aldeia de Tekoha Añetete, em Diamante D”Oeste, no Paraná, os debates do Encontro dos Povos Guarani da América do Sul (Aty Guasu Ñande Reko Resakã Yvy Rupa). Durante todo o dia de hoje, aberto apenas à participação dos Guarani, os cerca de 800 indígenas da etnia que vivem no Brasil, Bolívia, Paraguai e Argentina discutirão, entre outros pontos, a educação, a saúde, a cultura e o meio ambiente nas aldeias.

Entre as propostas a serem apresentadas estão: a criação de um fórum permanente cultural no Mercosul; a criação de uma secretaria especial guarani vinculada ao Mercosul; um mapeamento da etnia; a realização de seminários culturais; a abertura da fronteira dos países do Mercosul para os guaranis e ainda o reconhecimento e o fortalecimento do uso de ervas medicinais entre os não índios. As propostas e reivindicações, aprovadas pelos indígenas, serão entregues às autoridades que estarão presentes no dia 05, último dia do evento.

Fortalecimento da Cultura Guarani
O Encontro, inédito, tem como principal objetivo criar uma nova perspectiva de intercâmbio cultural que reconheça e fortaleça a cultura guarani. Para o secretário da Identidade e Diversidade Cultural do Ministério da Cultura, Américo Córdula, a cultura guarani sempre teve uma participação decisiva na formação do Brasil.

“Há uma influência muito forte na nossa língua, na nossa culinária e na nossa dança vinda dos povos Guarani. É uma cultura que possui um importante vínculo com a identidade sul-americana. Por isso, a necessidade de se começar uma grande campanha de valorização destes povos para reverter o quadro de preconceito existente hoje com relação aos indígenas”, explicou Córdula presente na abertura do Encontro.

Segundo ele, a ideia da realização do Encontro dos Povos Guarani da América do Sul surgiu, há três anos, durante o Fórum Internacional de Integração Cultural do Mercosul. “Aqui no Brasil, este encontro começou a ser articulado junto às aldeias nos sete estados onde estão concentrados os indígenas desta etnia”, contou o secretário.

O cacique Adolfo Veramirim, do litoral norte de São Paulo, salienta o fato de, pela primeira vez, a comunidade indígena Guarani estar reunida. “O Encontro é importante para discutir as políticas voltadas para os indígenas na América do Sul. As assembléias vão produzir debates com cada aldeia trazendo suas propostas. A partir desse Encontro, teremos uma visão mais ampla voltada para o povo Guarani”, comemora.

Além de Américo Córdula, estiveram presentes na abertura do evento Jorge Samek, diretor-geral brasileiro da Itaipu Binacional, parceira do Ministério da Cultura na realização do evento e a prefeita de Diamante D’Oeste, Inês Gomes. O Encontro dos Povos Guarani da América do Sul, contará amanhã com a participação dos ministros da Cultura do Brasil, Juca Ferreira e do Paraguai, Tício Escobar.

São também parceiros do Ministério da Cultura na promoção do Encontro a Fundação Nacional do Índio (FUNAI), as prefeituras de Diamante D’Oeste e de Foz do Iguaçu, as Secretarias de Educação e de Cultura do Paraná e a Fundação Nacional de Saúde (FUNASA). O Instituto Empreender é o responsável pela produção executiva do evento. O projeto tem ainda o apoio do Mercosul Cultural.

(Heli Espíndola- Comunicação/SID)
Fotos: Publius Vergilius

Acesse a notícia no site do Jornal do Brasil.





Comunicação SID/MinC

Telefone: (61) 2024-2379

E-mail: identidadecultural@cultura.gov.br

Acesse: www.cultura.gov.br/sid

Nosso Blog: blogs.cultura.gov.br/diversidade_cultural

Nosso Twitter: twitter.com/diversidademinc

Cem Mil Pessoas Visitaram o Rodeio

Mais de cem mil pessoas já visitaram o rodeio
No último final de semana ocorrem as finais de vários concursos

No último final de semana do 28º Rodeio Crioulo Internacional de Vacaria estão reservadas fortes emoções em todos os concursos, tanto artísticos e campeiros. Neste sábado,06/02, foram divulgados alguns números da festa:
No laço foram inscritas 604 duplas. Na taça cidade foram 560 participantes.
Segundo a patronagem do CT Porteira do Rio Grande 120 mil pessoas já ingressaram no Parque de Exposições.
Os destaques deste sábado são as danças tradicionais. O primeiro CTG a se apresentar na categoria juvenil veio do Paraguai. O grupo percorreu mais de mil quilômetros.
Na parte campeira o concurso de rédeas está muito disputado.
No domingo serão disputadas as finais de várias categorias.
Acompanhe ao vivo na Fátima AM 580 ou www.fatima.am.br


Tags: Rodeio Crioulo Internacional de Vacaria, artísticos, Porteira do Rio Grande, Parque de Exposições, Paraguai
Rádio Fátima AM (Jornalismo), 06/02/2010, 09h45

Complexo Prisional

Parceria Público-Privada construirá complexo prisional em dois anos, prevê Yeda
04/02/2010 18:30


Em entrevista no Centro Administrativo Fernando Ferrari (Caff), depois de firmar protocolo de intenções com a prefeitura de Canoas, nesta quinta-feira (5), para construção de presídio por meio de Parceria Público-Privada (PPP), a governadora Yeda Crusius falou da importância do diálogo e da transparência, que deverão resultar em um complexo prisional modelo, com capacidade para 3 mil apenados. "Será um novo paradigma na segurança pública", enfatizou. Em dois anos, a obra do complexo deverá estar concluída, prevê Yeda.

Serão gastos seis meses em etapas como a realização da consulta pública para ouvir a população de Canoas e prestar esclarecimentos, conforme estabelece a lei das PPPs. Segundo Yeda Crusius, a consulta será realizada dentro de 60 dias. Depois dos resultados, virá a etapa dos editais de licitação das obras - serão necessários 18 meses para erguer o complexo. "Mas o importante era começar, definir a área e ter todas as licenças sociais, ambientais e políticas", observou a governadora.

Terceira experiência
O complexo prisional a ser construído nos 50 hectares de uma área total de 560 hectares da Fazenda Guajuviras, em Canoas, é a terceira experiência no Brasil em PPPs na área de presídios. A primeira fica na região metropolitana de Recife e a outra, em Belo Horizonte. No contrato de construção da obra, constará o modelo de administração da PPP, que ficará a cargo do empreendedor. "Mas o que deve acontecer é que haverá um auditor do governo do Estado diariamente acompanhando se o contrato está sendo cumprido", afirmou Yeda.

Segundo a governadora, o modelo terá uma parte privada, que é a organização da administração pelos construtores, e uma parte pública, resultante da inspeção a ser feita pelo auditor do Estado e por um representante do município de Canoas. Outra exigência para uma PPP, a do Fundo Garantidor, já foi cumprida. Em 2009 a Assembleia Legislativa aprovou o Fundo, lastreado pelo Banrisul e a CaixaRS. Ambas as instituições, disse Yeda, darão a garantia do pagamento da parte do governo na conta.

10 mil empregos
Na avaliação do prefeito de Canoas, Jairo Jorge, o complexo prisional será fator de estímulo ao desenvolvimento. "Estamos discutindo a implementação de um distrito industrial na área, com parceria do governo do Estado e com incentivo do programa Integrar/RS, no coração da Região Metropolitana. Poderemos gerar ali, mais de 10 mil empregos. Isso é novidade importante aos moradores do Guajuviras e Canoas", ressalta Jorge.

Conforme a secretária-geral de Governo, Ana Pellini, o trabalho de elaboração do contrato da PPP, em todos os seus trâmites, é da Secretaria Estadual do Planejamento. A tarefa envolve desde os termos do contrato até a contratação da PPP, integrada pelos governos estadual, municipal e o setor privado.

Fonte: www.estado.rs.gov.br

Kartodromo em Vacaria RS sem Atividade


Esta foto é do kartodromo parado e sem utilidade nenhuma na cidade de Vacaria RS, o local poderia ser até um pista de ciclismo ou atletismo. O Poder Público Municipal tem que rever esse espaço doado Associação de Kartista de Vacaria RS se esporte não tem sido praticado e uma área ociosa.
Foto: Paulo Furtado

Forum Social Mundial

10 ANOS DO FSM - OUTRO MUNDO É POSSÍVEL E NECESSÁRIO

ASSEMBLÉIA DOS MOVIMENTOS SOCIAIS

Salvador, 31 de janeiro de 2010.



Nós, militantes de diversas organizações dos movimentos sociais reunidos no FSMT de Salvador, realizamos a Assembleia dos Movimentos Sociais com o intuito de consolidar uma plataforma de bandeiras unitárias e calendário de lutas.

O Fórum Social Mundial surgiu em 2001 como uma forma de resistência dos povos de todo o planeta contra a avalanche neoliberal dos anos 90. Dessa forma ganhou força e se tornou um grande pólo contra hegemônico ao capital financeiro. Ao longo desses 10 anos passou pelo Brasil, Venezuela, Índia e Quênia, e outros países, levando a esperança de um mundo novo.

Foi dessa maneira que o FSM conseguiu contagiar corações e mentes para a ideia de que é sim possível construir outro mundo com justiça social, democracia, sem destruir o planeta e valorizando as culturas nacionais. O FSM foi fundamental para a construção de uma nova conjuntura que valorize a integração e a solidariedade entre os povos. E é assim que partiremos para novas lutas e para construir o próximo Fórum Social Mundial em Dakar em janeiro de 2011.

Com o declínio do neoliberalismo e a crise do capitalismo os valores representados por esse sistema passam a ser questionados pela sociedade. Assim, o capitalismo predatório que destrói o meio ambiente causando graves desequilíbrios climáticos, que desrespeita os povos de todo o mundo e suas soberanias, que explora o trabalhador e desestrutura o mundo do trabalho, que exclui o jovem, discrimina o homossexual, oprime a mulher, marginaliza o negro, mercantiliza a cultura é agora visto com ressalvas.

A crise financeira mundial é uma crise do sistema capitalista. Ela expôs as contradições intrínsecas a esse modelo e quebrou as certezas e a hegemonia do mercado como um deus regulador das relações comercias e sociais. Essa crise abriu a possibilidade de se rediscutir o ordenamento mundial, os rumos da sociedade, o papel do Estado e um novo modelo de desenvolvimento. Porém, sabemos que esse momento pelo qual passamos é de profundas adversidades para a classe trabalhadora de todo o mundo em função das crises financeira e climática em curso. A consequência das crises é o aumento da desigualdade e por esse motivo reafirmamos o nosso desafio com as lutas e com a solidariedade de classe .

Nosso continente, a América Latina, atrai os olhos de todo o planeta diante de sua onda transformadora. Por outro lado, a hegemonia mundial ainda é capitalista e as elites não entregarão o continente que sempre foi tido como o quintal do imperialismo de mão beijada. Não é à toa a promoção do golpe contra Chávez em 2002, em Honduras em 2009, a tentativa de golpe contra Lula em 2005 ou mesmo a desestabilização de Fernando Lugo que está em curso no Paraguai.
Ao mesmo tempo, as elites se utilizam e fortalecem novos instrumentos de dominação. Sua principal arma hoje é a grande mídia e os monopólios de comunicação. Esses organismos funcionam como verdadeiros porta-vozes das elites conservadoras e golpistas. Por isso ganham força os movimentos de cultura livre e as rádios e jornais comunitários que conseguem driblar o monopólio midiático.

O povo estadunidense elegeu Barack Obama em um grande movimento de massas carregando consigo as esperanças de superar a era Bush. Entretanto, mesmo com Obama o imperialismo continua sendo imperialismo. Os EUA crescem seu olho diante das grandes riquezas naturais do nosso continente, como a recente descoberta do Pré-sal. No mesmo momento em que os EUA reativam a quarta frota marítima também instalam mais bases militares na Colômbia e no Panamá, além de insistir no retrógrado bloqueio a Cuba.

Atentos a esses movimentos do imperialismo, os movimentos sociais reunidos no Fórum Social Mundial Temático em Salvador reafirmam seu compromisso com a luta por justiça social, democracia, soberania, pela integração solidária da América Latina e de todos os povos do mundo, pelo fortalecimento da integração dos povos, pela autodeterminação dos povos e contra todas as formas de opressão.

No Brasil, muitos avanços foram conquistados pelo povo durante os 7 anos do Governo Lula. O Estado foi fortalecido alcançando maior ritmo de desenvolvimento, a distribuição de renda e o progresso social avançaram com a valorização do salário mínimo e políticas sociais como o Bolsa Família, a integração solidária do continente foi estimulada. Porém, muito mais há para ser feito. As Reformas estruturais capazes de enraizar as conquistas democráticas não foram realizadas e a grave desigualdade social perpetrada por mais de 5 séculos em nosso pais está longe de ser resolvida. Por isso, devemos lutar pelo aprofundamento das conquistas nesse período de embate político que se aproxima.

Reafirmamos a luta contra os monocultivos predatórios, os desmatamentos, o uso de agrotóxicos que gera a poluição dos rios e do ar. Seguiremos na luta contra o latifúndio e em defesa da biodiversidade e dos recursos naturais como forma de preservação do meio ambiente, dos ecossistemas, da fauna e flora integradas com o homem.

Nos unimos no combate ao machismo, ao racismo e à homofobia. Lutamos por uma sociedade justa e igualitária, livre de qualquer forma de opressão, onde as mulheres tenham seus direitos respeitados e não sofram abusos e violências, os negros não sofram preconceito e saiam da condição histórica de pobreza que lhes é reservada desde os tempos da escravidão, os homossexuais tenham acesso a direitos civis e não sofram discriminação.

Sabemos que essas conquistas virão da luta do povo organizado. Por isso, convocamos todos os militantes a fazer um grande mutirão de debates envolvendo estados, municípios e segmentos sociais no intuito de construir um projeto de desenvolvimento soberano, democrático e com distribuição de renda para o Brasil. Só assim seremos capazes de aprofundar as mudanças que estamos construindo e derrotar a direita conservadora e reacionária do nosso país nas eleições que se avizinham.

Esse grito que expressa nosso anseio liberdade e mais direitos não poderia ser dado em lugar melhor. Estamos na Bahia, terra de todos os santos e de bravos lutadores, valorosos intelectuais e líricos poetas e artistas como a banda tambores das raças que abriu a Assembleia entoando versos que afirmam que:
Zumbi não morreu, está presente entre nós. Palmares referência que sustenta nossa voz.Liberdade, igualdade, revolta dos buzios, levante malês, herança ancestral que alimenta a união é a força pra vencer!

De Salvador conclamamos o povo brasileiro a lutar por um Brasil livre, independente, democrático e justo socialmente.

Para isso, o conjunto dos movimentos sociais brasileiros convoca a Assembleia Nacional dos Movimentos Sociais para o dia 31 de maio em São Paulo e definem as seguintes bandeiras de luta:

SOBERANIA NACIONAL
- Defesa do Pré-sal 100% para o povo brasileiro;
- Pela retirada das bases estrangeiras da América Latina e Caribe;
- Defesa da autodeterminação dos povos;
- Pela retirada imediata das tropas dos EUA do Afeganistão e do Iraque;
- Pela criação do Estado Palestino;
- Contra os Golpes de Estado a exemplo de Honduras;
- Contra a presença da 4ª Frota na América Latina;
- Pela integração solidária da América Latina;
- Contra a volta do neoliberalismo
- Pelo fortalecimento do MERCOSUL, UNASUL e da ALBA;
- Pela democratização e o fortalecimento das forças armadas;
- Pela defesa da Amazônia e da nossa biodiversidade como patrimônio nacional.

DESENVOLVIMENTO
- Por uma política nacional de desenvolvimento ambientalmente sustentável, que preserve o meio ambiente e a biodiversidade, e que resguarde a soberania sobre a Amazônia brasileira.
- Por um Projeto popular de Desenvolvimento nacional com distribuição de renda e valorização do trabalho;
- Pelo fortalecimento da indústria nacional;
- Contra o latifúndio e os monocultivos que depredam o meio ambiente
- Em defesa da Reforma Agrária.
- Redução da jornada de trabalho sem redução de salários;
- Por políticas Públicas para a Juventude;
- Defesa de formas de organização econômica baseadas na cooperação, autogestão e culturas locais;
- Pela alteração da Lei Geral do Cooperativismo e da conquista de um Sistema de Finanças Solidárias e Programa de Desenvolvimento da Economia Solidária (PRONADES), do Direito ao Trabalho Associado e Autogestionário, e de um Sistema de Comércio Justo e Solidário;
- Por um desenvolvimento local sustentável.
- Por Políticas Públicas de Igualdade Racial;

DEMOCRACIA
- Contra os monopólios midiáticos e pela democratização dos meios de comunicação.
- Contra a criminalização dos movimentos sociais;
- Em defesa da Cultura livre
- Pela ampliação da participação do povo nas decisões através de plebiscitos e referendum;
- Contra o golpe em Honduras;
- Contra a desestabilização dos governos democráticos e populares da América Latina;
- Pelo fim das patentes de remédios
- Contra a intolerância religiosa, em defesa do Estado laico.

MAIS DIREITOS AO POVO
- Educação pública, gratuita e de qualidade para todos e todas, com a universalização do acesso, promoção da qualidade e incentivo à permanência, seja na educação infantil, no ensino fundamental, médio e superior. Por uma campanha efetiva de erradicação do analfabetismo. Adoção de medidas que democratizem o acesso ao ensino superior público;
- Defesa da saúde pública garantindo acesso da população a atendimento de qualidade. Tratamento preventivo às doenças, atendimento digno às pessoas nas instituições públicas;
- Pela garantia e ampliação dos direitos sexuais reprodutivos;
- Contra a exploração sexual das mulheres;
- Pelo fim do fator previdenciário e por reajuste digno para os aposentados.

SOLIDARIEDADE
- Solidariedade ao povo haitiano diante do recente desastre ocorrido em virtude de uma seqüência de terremotos.
- Solidariedade ao povo cubano – pela liberdade dos 5 prisioneiros políticos do Império.
- Solidariedade aos povos oprimidos do mundo.
- Solidariedade aos presos políticos do MST

CALENDÁRIO
08-18 MARÇO – Jornada de comemoração dos 100 anos do Dia Internacional da Mulher
MARÇO – Jornada de lutas em defesa da Educação, da UNE e UBES
ABRIL – Jornada de mobilizações em defesa da Reforma agrária e contra a criminalização dos movimentos sociais.
01 MAIO – Dia do Trabalhador
31 MAIO – Assembléia Nacional dos Movimentos Sociais
1 DE JUNHO – Conferência Nacional da Classe Trabalhadora
SETEMBRO -- Plebiscito pelo limite máximo da propriedade da terra


--------------------------------------------------------------------------------



--------------------------------------------------------------------------------



Nenhum vírus encontrado nessa mensagem recebida.
Verificado por AVG - www.avgbrasil.com.br
Versão: 8.5.435 / Banco de dados de vírus: 271.1.1/2667 - Data de Lançamento: 02/04/10 07:35:00


-----Anexo incorporado-----


_______________________________________________
Cartaoberro mailing list
Cartaoberro@serverlinux.revistaoberro.com.br
http://serverlinux.revistaoberro.com.br/mailman/listinfo/cartaoberro

Segurança



Segurança
Fechado acordo para construção do primeiro presídio gaúcho em Parceria Público-Privada
A governadora Yeda Crusius e o prefeito de Canoas, Jairo Jorge, assinaram protocolo de intenções para construção do primeiro presídio gaúcho no sistema de PPP. Segurança Pública
Canoas receberá reforço de investimentos com instalação de complexo prisional
Acordo para construção de penitenciária em Parceria Público-Privada (PPP) no município leva à projeção de reforço também nas áreas de saúde e educação. Agropecuária
Empresas do setor do agronegócio investem R$ 550 milhões no Rio Grande do Sul
Retomada da confiança no Estado, a partir da conquista do déficit zero, faz com que empresas do setor voltem a apostar no Estado. Verão Legal RS 2010
Investimentos do Estado em energia garantem pleno abastecimento no Litoral Norte
O índice de consumo de energia elétrica na região ainda é menor do que a capacidade de fornecimento da CEEE, de 398 megawatts/hora. Turismo
Governo do Estado viabiliza projeto turístico de R$ 73,3 mil para Esperança do Sul
Medida faz parte do Programa Estruturante Nossas Cidades, dentro do Projeto Caminhos do Turismo, e tem o objetivo de estimular o desenvolvimento da região.
BoletimEnviar para um amigoReceber por e-mailEdições AnterioresFale ConoscoCaso não queira mais receber Notícias do Piratini do Rgs. Clique aqui

Homem Preso

Polícia Civil prende homem condenado sete vezes por roubo e porte ilegal de arma
05/02/2010 16:23


Agentes da Delegacia de Capturas (Decap), do Departamento Estadual de Investigações Criminais (DEIC), coordenados pelo delegado Eduardo de Oliveira César, titular da Decap, prenderam um homem de 27 anos de idade, na manhã desta sexta-feira (05), por porte de arma, roubo de veículo e a estabelecimento comercial. Os policias cumpriram mandado de prisão em uma residência na Rua Guarani, Beco, Bairro Partenon, zona leste de Porto Alegre.

O indivíduo foi condenado sete vezes pelos crimes e recebeu pena de 21 anos de reclusão. Foi encaminhado ao Presídio Central.

A Decap recebe denúncias anônimas pelo número 0800.510.46.68.

Fonte: Ascom PC

Boletim do Sindicato dos Jornalistas do RS



Nota Oficial

O Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Rio Grande do Sul e a Associação Riograndense de Imprensa (ARI), vêm a público manifestar solidariedade ao jornalista Luiz Cláudio Cunha, autor do livro Operação Condor: O Sequestro dos Uruguaios, lançado em 2008 pela editora L&PM. Passados mais de 30 anos dos fatos, o profissional que denunciou o seqüestro em 1978 está sendo processado pelo ex-policial do DOPS gaúcho João Augusto da Rosa, codinome Irno.

As entidades signatárias entendem que fatos como esse comprometem o livre exercício da profissão de jornalista. O Sindicato e a ARI afirmam plena confiança de que a atuação do profissional está amparada na verdade e nos limites da ética jornalística. Em face disso, esperam que a Justiça seja realmente empregada neste caso emblemático e vergonhoso das ditaduras brasileira e uruguaia.

Alertamos que processos como esse, enfrentado por Luís Cláudio Cunha, interferem diretamente na compreensão e convivência sob os princípios do Estado Democrático de Direito, ao qual são inerentes a liberdade de informação, a liberdade de expressão e o sagrado direito ao livre exercício profissional.

* Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Rio Grande do Sul e Associação Riograndense de Imprensa





--------------------------------------------------------------------------------




Mutirão debate processos de comunicação e cultura solidária

A abertura oficial do Mutirão de Comunicação América Latina e Caribe ocorreu na noite desta quarta-feira, 3 de fevereiro no Centro de Eventos da Universidade. O Mutirão tem o objetivo de promover o diálogo nos processos de comunicação, movido pela força da cultura solidária.

O encontro reuniu importantes nomes da Igreja Católica no mundo, como o arcebispo de Porto Alegre, Dom Dadeus Grings, o presidente do Pontifício Conselho para as Comunicações Sociais, Dom Cláudio Maria Celli, o presidente da Comissão Episcopal para a Cultura, Educação e Comunicação da CNBB e arcebispo do Rio de Janeiro, Dom Orani João Tempesta, o bispo auxiliar da capital, Dom Remídio José Bohn, entre outros. Também estiveram presentes o senador Pedro Simon, a governadora Yeda Crusius e o prefeito José Fogaça.

A Orquestra de Flautas Villa Lobos abriu o evento, que também contou com uma conferência de Dom Cláudio Maria Celli. O arcebispo da capital, que também preside o Mutirão, lembrou os desafios atuais para se acompanhar a mudança que ocorre na comunicação, agora mais democrática e de tantas formas diversificadas. O vice-reitor destacou o objetivo audacioso de se promover um espaço de diálogo sobre justiça, liberdade e paz. "Hoje em dia, todos veem tudo e sabem tudo. Mas não compreendem melhor o que acontece", frisou.

Fonte: Assessoria comunicação Muticom/ texto e fotos



Mais informações:
http://www.jornalistas-rs.org.br/















Prêmio Massey Ferguson de Jornalismo

Chegou à quinta edição o Prêmio Massey Ferguson de Jornalismo. Cada jornalista poderá inscrever até três trabalhos publicados em veículos brasileiros no período de 1° de janeiro de 2009 a 31 de dezembro de 2009, com temas relativos ao agronegócio. O prêmio de R$ 8 mil será destinado aos vencedores das cinco categorias: Jornal, Revista, Fotojornalismo, TV e Internet. O regulamento e a ficha de inscrição já estão à disposição no blog do prêmio.

PECs podem ser votadas no 1º semestre

O ano de 2010 começa com duas importantes decisões que contribuem para o fortalecimento do movimento pela valorização da formação acadêmica para o exercício da profissão. A exigência de diploma para o exercício de funções jornalísticas no Executivo e Legislativo de Belo Horizonte agora é Lei. E o 17º Congresso Brasileiro dos Estudantes de Comunicação Social (Cobrecos) aprovou resolução em defesa do diploma de Jornalismo. Cresce, agora, a expectativa de que as propostas de emenda constitucional que tramitam no Congresso Nacional sejam aprovadas ainda no primeiro semestre deste ano.
http://www.fenaj.org.br/

Concurso fotográfico

Estão abertas as inscrições para o 7º Concurso Sesc de Fotografia. O tema é "O verão no RS".
http://www.sesc-rs.com.br/concurso_fotografia/index.htm


Jornal de São Marcos necessita de jornalista

O Jornal da cidade de São Marcos está procurando profissionais para trabalhar no jornal e também produzir textos para a internet.
Para maiores informações entrar em contato com Rose no telefone (54) 3291 2200 ou 3034 0222, ou ainda pelo e-mail: comercial@lattualita.com.br .


Comissão do Congresso Nacional dos Jornalistas definiu valores de inscrição

O 34º Congresso Nacional dos Jornalistas, que acontecerá no Hotel Plaza São Rafael, em Porto Alegre/RS, de 18 a 22 de agosto de 2010, teve os valores de inscrição definidos na última reunião da Comissão.
Mais informações:
http://www.jornalistas-rs.org.br/




Fórum Social Mundial 2010 reuniu 35 mil pessoas em Porto Alegre

Organização registrou 39 países inscritos e realizou 915 atividades na capital e em cincos cidades da região metropolitana.

O Fórum Social Mundial (FSM) de Porto Alegre chegou ao fim nesta sexta-feira, 29, após uma semana de debates que avaliaram os dez anos do processo que nasceu para pensar “um outro mundo possível”. Conforme divulgou o jornal Correio do Brasil, o evento contou com 35 mil participantes, e segundo um dos idealizadores do FSM, Cândido Grzybovski, a edição de Porto Alegre foi mais “enraizada”. “A participação local foi muito forte, o que é um aspecto muito positivo. Tivemos aqui o melhor debate que se fez até hoje na série de fóruns, com avaliação estratégica e pensando os próximos desafios”, disse.









--------------------------------------------------------------------------------


Sindicato dos Jornalistas Profissionais no Twitter
http://twitter.com/jornalistasrs

Fotos do Desfile do Rodeio de Vacaria RS

Lula na Festa da Uva

* O Presidente Lula somente vem para festa da Uva no Rodeio Crioulo Internacional ele nunca apareceu. Será o por que? Talvez um dia saberemos a resposta. Mas na verdade eu acho isso um desprezo pois o Presidente já esteve no sertão nordestino em cidades piores que Vacaria RS, sem estrutura nenhuma. Talvez a lideranças do PT respondam um dia, nem a Ministra Dilma apareceu por aqui.
Paulo Furtado
Editor

Lula Festa da Uva em Caxias do Sul RS



LULA QUER JANTAR E DANÇAR

É a notícia que faltava para a Festa da Uva ficar completa: Lula virá.

Embora tenha durado só cinco minutos, o encontro com a rainha e as soberanas revelou o carinho que ele tem pela festa e pela cidade.

Lula admitiu que sua agenda anda muito cheia, mas prometeu estar em Caxias na primeira semana de março, quando retornar de mais um roteiro internacional.

Apesar do calor e de ainda estar se recuperando de uma apagão na saúde sofrido há uma semana, o tema Festa da Uva parece animar o presidente.

Lula perguntou ao prefeito José Ivo Sartori (PMDB) se ele prepararia uma típica janta italiana. E não foi só isso: longe da vigilância da primeira-dama, Marisa Letícia, Lula galanteou a rainha, Tatiane Frizzo, perguntando-lhe se dançaria com ele na festa. Sartori e Tatiane, obviamente, responderam que sim.

Caxias tem razões de sobra para receber bem o presidente. Além de agradecer por esse carinho, os caxienses devem agradecer por obras importantes como a barragem do Marrecas, o presídio do Apanhador, o Minha Casa, Minha Vida, a despoluição dos arroios e a reurbanização do Fátima Baixo, tudo financiado pelo governo Lula.


Fonte: Pioneiro

CAJU em Caxias do Sul RS




O lado verde sai fortalecido
Em um clássico muito disputado no Estádio Alfredo Jaconi, ontem, Juventude e Caxias empatam em 1 a 1 Caxias do Sul – Sem qualquer sombra de dúvida, o Juventude saiu mais fortalecido do clássico Ca-Ju de ontem à noite, no Estádio Alfredo Jaconi, pela sexta rodada do Gauchão. Mesmo que tenha jogado em casa, cedido o empate de 1 a 1 ainda no primeiro tempo e que esteja a seis pontos do Caxias. Só que, na prática, o time do técnico Osmar Loss fez a sua melhor atuação no campeonato, reagiu após duas derrotas consecutivas, segurou o encaixado e favorito Caxias e ainda por cima dá indícios de uma identidade promissora.

E tudo começou com três surpresas. Sem poder contar com a habilidade de Zezinho e a vitalidade de Julio César, Loss lançou o volante Victor e o atacante Amoroso desde o início do jogo, postando a equipe em um compactado 4-4-2. Umberto só atuou como zagueiro pela direita na etapa final, quando foi obrigado a conter o estreante atacante grená Aloisio. E, nas duas funções, foi um leão.

– Ele foi um dos pilares do nosso time – reconheceu o treinador alviverde ao final do jogo.

Mas demorou alguns minutos para o Juventude se ajeitar em campo. O Caxias iniciou mais tranquilo, com a bola de pé em pé. Porém, aos poucos, Lauro e Umberto colocaram o time alviverde embaixo do braço e esbanjaram a experiência necessária para todos no estádio mudarem de opinião. O Juventude não era mais uma presa fácil como parecia.

O gol foi um prêmio a um exército de operários. Aos 26 minutos, Luiz Felipe cobrou escanteio pela direita, o grandalhão Jorge Fellipe cabeceou forte e o goleiro Fernando Wellington acabou soltando. Amoroso, uma das surpresas de Loss, só teve o trabalho de escorar para o gol. Um placar que poucos esperavam que o Juventude fosse capaz de fazer.

O encaixado Caxias desta vez ficou encaixotado, amarrado, preso. Marcelo Costa não conseguiu se sobressair como nos jogos anteriores, Everton foi aquém do que pode fazer e Cristian Borja nada produziu. Um pouco pela falta de inspiração grená, muito pela forte marcação da equipe alviverde.

Quando Itaqui chutou de fora da área e o goleiro Silvio Luiz soltou, foi apenas um prêmio pela técnica grená. Everton fez o que sabe fazer, aos 43 minutos, escorando para o fundo do gol. Mas surgiu entre os torcedores verdes uma pitada de injustiça. O mais forte empatou com o mais fraco, quando o mais fraco parecia estar mais fortalecido.

– A torcida estava desconfiada, mas o time mostrou atitude e pegada em campo. A resposta foi muito positiva – comemorou o presidente papo Milton Scola.

Apesar do empate em casa, foi um recomeço. E uma esperança.

– É daqui para mais. A equipe teve maturidade. O espírito tem de ser assim, guerreiro – vibrou Umberto.

Para quem começou o clássico como franco-atirador, o Juventude saiu de campo como um experiente combatente. O que Lauro, um dos melhores em campo, soube traduzir em palavras.

– Não houve vencedor no clássico, mas, pelo momento que as duas equipes estavam vivendo, foi melhor para nós. Demos uma grande passo para buscar nossa identidade.

Uma identidade de operários. De guerreiros e homens.

adao.junior@pioneiro.com

ADÃO JÚNIOR



– Superamos vários problemas. Tínhamos dois zagueiros de perna esquerda e mesmo assim conseguimos fazer um bom jogo.
Milton Scola, presidente
– Às vezes, precisamos nos sacrificar para cumprir várias funções no jogo, mas eu sou assim, procuro sempre me entregar.
Umberto, que no primeiro tempo foi volante e marcou Marcelo e no segundo recurou para vigiar Aloisio
– Foi o nosso melhor jogo no campeonato. O espírito foi diferente. Nosso treinador foi muito feliz.
Lauro
– Não dá para a gente se contentar. Nossa campanha precisa melhorar bastante.
Lauro
– Coloquei o Umberto como zagueiro (no segundo tempo) porque o Everton começou a cair nas costas do Luiz Felipe de um lado e o Aloisio incomodou do outro.
Osmar Loss
– Acompanhei o Victor, que é zagueiro de origem, desde o início. Achei que era o momento de lançar um elemento surpresa.
Osmar Loss, sobre a surpresa da escalação


Já são nove
Com o empate em 1 a 1 de ontem, no Jaconi, o Caxias, agora, está invicto há nove clássicos. A última derrota ocorreu em 3 de novembro de 2005, quando a equipe grená levou 3 a 1, em jogo válido pela Copa FGF.


Confira a galeria de fotos do clássico.


Fonte: Jornal Pioneiro

Classificados na Gineteada

Quarta-feira (03/02/2010) os 37 ginetes convidados participaram da primeira etapa classificatória do Concurso Internacional de Gineteada em Pelo. O vencedor levará para casa, na grande final de domingo, um automóvel 0 Km .

Veja a seguir os 8 primeiros classificados:

1º – 26 Pontos: Diego Guedes – Rivera (Uruguai)

2º – 23 Pontos: Michelangelo Streb – Flores da Cunha (RS)

3º – 21,2 Pontos: Jorge Filipe Ribas de Lima – Vacaria (RS)

4º – 20,25 Pontos: Jomar de Oliveira – Bento Gonçalves (RS)

5º – 19,25 Pontos: Reginaldo dos Santos – Canelinha (SC)

6º – 17,6 Pontos: Marco Aurélio Tomaz da Cunha – Morro da Fumaça (SC)

7º – 16,65 Pontos: Marcos Roberto Soares Machado – Vacaria (RS)

8º – 14,25 Pontos: Marcelo Lorenzetti – Curitiba (PR)



Clique aqui e leia mais notícias e resultados do 28º Rodeio Crioulo Internacional de Vacaria





Deputado Estadual Francisco Appio - www.appio.com.br

Isenções de Cobranças nos Postos de Pedágio

Em entrevista concedida a Ananda Garcia, da Rádio Assembléia Gaúcha, o deputado Francisco Appio falou sobre o seu PL127/2007 que prevê novas isenções de cobranças nos postos de pedágio no Estado para futuras concessões. O projeto está pronto para ser apreciado em plenário, de acordo com o projeto, terão direito a isenção os veículos oficiais, os de transporte escolar, e os veículos com placas das cidades sedes das praças de cobranças.



Clique aqui e ouça a declaração prestada pelo deputado Francisco Appio





Deputado Estadual Francisco Appio - www.appio.com.br

Roda Viva


Coronel João Batista Bernardes
Comandante das Tropas Brasileiras no Haiti


O Haiti - que divide a Ilha Hispaniola com a República Dominicana, no mar do Caribe - foi uma colônia francesa produtora de açúcar até o início do século XIX e luta, desde 1804, quando se tornou independente graças a uma rebelião de escravos, para combater a pobreza e a miséria.

O país tem uma história cercada por golpes de estado e de governos corruptos e autoritários. Em 2001, Jean-Bertrand Aristide elegeu-se presidente, mas renunciou em 2004 diante de um levante armado, abrindo uma nova crise. Foi quando as Nações Unidas decidiram enviar a Força de Paz, liderada pelo Brasil, para pacificar o Haiti e reerguer a nação.

No mês passado, o país mais pobre da América foi atingido por um forte terremoto que deixou mais de 200 mil mortos. Com o governo fragilizado, seus prédios destruídos e quase sem recursos para trabalhar, o Haiti se tornou ainda mais dependente da ajuda internacional.

A Missão da ONU de Estabilização do Haiti conta com a participação de 7 mil homens de 18 nações, sendo que o comando é do Brasil, sob responsabilidade do General Floriano Peixoto Vieira Neto. As tropas brasileiras estão nas mãos do coronel João Batista Carvalho Bernardes desde julho de 2009.

Participam como convidados entrevistadores:
Eliana Catanhêde, colunista do jornal Folha de S. Paulo; Lourival Sant'Anna, repórter especial do jornal O Estado de S. Paulo; Diego Escosteguy, repórter da sucursal de Brasília da revista Veja e Sérgio Utsch, Repórter do SBT.
Twitters no estúdio: Aloisio Milani, jornalista, coordenador do site haiti.org.br (http://twitter.com/haitibr); Marília Marsulo Gouvêia, professora (http://twitter.com/mariliamarsulo) e Thiago Ribeiro Santa Rosa, analista de tecnologia da informação (http://twitter.com/thiagorsr).
Flicker: Duda Groisman, fotógrafo (http://www.flickr.com/photos/duda-groisman)


Apresentação: Heródoto Barbeiro



Transmissão ao vivo pela Internet
http://www.tvcultura.com.br/rodaviva



O Roda Viva é apresentado às segundas a partir das 22h00.
Você pode assistir on-line acessando o site no horário do programa.
http://www2.tvcultura.com.br/rodaviva

Contatos das Assessorias de Comunicação Social

Contatos das Assessorias de Comunicação Social da SSP
05/02/2010 17:48


Para facilitar e tornar mais ágil o trabalho dos profissionais de imprensa que buscam informações da Secretaria da Segurança Pública do Rio Grande do Sul (SSP/RS) e seus organismos vinculados (Polícia Civil, Brigada Militar, Instituto-Geral de Perícias e Superintendência dos Serviços Penitenciários), principalmente aos finais de semana e feriados, informamos os telefones celulares funcionais das respectivas assessorias, bem como telefones convencionais e e-mails para outras demandas durante a semana.

Solicitamos aos profissionais da mídia para que busquem sempre com as assessorias a intermediação de demandas junto às fontes de cada instituição. Ressaltamos também que ao pé da página inicial do site da SSP ( www.ssp.rs.gov.br ), no banner Cadastre-se, pode ser efetuado o registro para recebimento do mailing diário de notícias da Secretaria.

SECRETARIA DA SEGURANÇA PÚBLICA ( www.ssp.rs.gov.br )
Coordenador de Comunicação: Jornalista Amilton Belmonte.
Fone: (51) 3288-1919/3288-1994 (segunda a sexta-feira, horário comercial)
Celular funcional: (51) 8445-8670 *
e-mail: comunicacao@ssp.rs.gov.br

* Aparelho programado para receber apenas chamadas identificadas

POLÍCIA CIVIL ( www.pc.rs.gov.br )
Coordenador de Comunicação: Delegada Patrícia Tolotti Rodrigues
Fones: (51) 3288-2380/3288-2381 (segunda a sexta-feira, horário comercial)
Celulares funcionais: (51) 8445-9454 e 8445-9748
e-mail: imprensa@policiacivil.rs.gov.br

BRIGADA MILITAR ( www.brigadamilitar.rs.gov.br )
Coordenador de Comunicação: Tenente-Coronel Valmor Araújo de Mello
Fones: (51) 3288-2930/3288-2932 (segunda a sexta-feira, horário comercial)
Celulares funcionais: (51) 8501-6577 e (51) 8501-6575
e-mail: pm5-imprensa@brigadamilitar.rs.gov.br

SUPERINTENDÊNCIA DOS SERVIÇOS PENITENCIÁRIOS ( www.susepe.rs.gov.br )
Assessor de Imprensa: Jornalista Marco Antonio Vieira
Fone: (51) 3288-7285/3288-7289 (segunda a sexta-feira, horário comercial)
Celular funcional: (51) 8443-6887
e-mail: imprensa@susepe.rs.gov.br

INSTITUTO-GERAL DE PERÍCIAS ( www.igp.rs.gov.br )
Assessor de Imprensa: Jornalista Maria da Graça Kreisner
Fone: (51) 3288-5165 (segunda a sexta-feira, horário comercial)
Celular funcional: (51) 8445-8627
e-mail: comunicacao@igp.rs.gov.br

Operação Centauro

Brigada Militar divulga resultado final da Operação Centauro/Cumprimento de Mandados
05/02/2010 18:20


Nesta sexta-feira (5), às 7h, o Comando de Policiamento Metropolitano (CPM) lançou a Operação Centauro, com ênfase em cumprimento de mandados judiciais de prisão, visando a captura de foragidos do sistema prisional.

A operação, envolvendo o 15º BPM - Canoas, o 17º BPM - Gravataí, o 18º BPM - Viamão, o 24º BPM - Alvorada, o 26º BPM - Cachoeirinha, o 33º BPM - Sapucaia, o 34º BPM - Esteio, que envolveu o emprego de 146 policiais militar, 31 viaturas registrou os seguintes resultados:

Total de Pessoas Abordadas: 1692
Barreiras Policiais: 15
Veículos Fiscalizados: 606
Veículos Recuperados: 2.

De acordo com o CPM, a operação foi um sucesso, tendo em vista que só no 33º BPM em Sapucaia do Sul, nos últimos 40 dias foram presos, em média, 30 foragidos, demonstrando que os Comandos da região metropolitana estão empenhados e afinados tanto com o Comando Metropolitano quanto com o Comando Geral da Brigada Militar.

Fonte: Ascom BM

Lilian Celiberti


Celiberti, à juiza: "Sim! É ele mesmo!"
Atualizado em 05 de fevereiro de 2010 às 00:08 | Publicado em 04 de fevereiro de 2010 às 23:55


A audiência aconteceu em Porto Alegre. Lílian Celiberti ficou diante do sequestrador, que identificou a pedido da juíza: "Sim! É ele mesmo!", nos conta o blog Alma da Geral.
O Coletivo Catarse também promete cobertura (a foto acima, feita antes do encontro, é do Sérgio Valentin, que pertence ao coletivo).
Abro parênteses para registrar que alguns dos melhores blogs do Brasil são gaúchos -- há dezenas de altíssima qualidade --, como o Dialógico, da Cláudia Cardoso e do Eugênio, que ajuda a espalhar essa imagem impagável:

Fiquem agora com o artigo do Leandro Fortes, que explica a história para quem está chegando agora:
O sequestrador mostra a cara

Por Leandro Fortes
no Brasília eu Vi

Um evento extraordinário se dará, hoje, em Porto Alegre, no Rio Grande do Sul. Sequestrada por agentes das ditaduras do Brasil e do Uruguai, a uruguaia Lílian Celiberti irá se encontrar, frente a frente, pela primeira vez, com seu seqüestrador, o ex-policial do Dops (Departamento de Ordem Política e Social) gaúcho João Augusto da Rosa. Conhecido pela alcunha de “Irno”, o agente foi denunciado, há mais de 30 anos, pelo jornalista Luiz Cláudio Cunha, então chefe da sucursal da revista “Veja” em Porto Alegre. Guiado pela intuição, Luiz Cláudio flagrou Irno e um comparsa dentro do apartamento onde Lílian morava e estava cativa, em 1978. Uma série de reportagens depois iria lhe dar o Prêmio Esso de Reportagem, em 1979, e garantir a vida não só de Lílian, mas também de seu companheiro de então, Universindo Diaz, ambos brutalizados pela tortura cometida, de um lado e de outro da fronteira, por lacaios da clandestina “Operação Condor” – a sinistra aliança de troca de prisioneiros levada a cabo pelas ditaduras do Brasil, Uruguai, Paraguai, Chile e Argentina, nos anos 1970.

Lílian Celiberti, moradora de Montevidéu, decidiu atravessar a fronteira para, justamente, retribuir a imensa generosidade do jornalista que, um dia, salvou-lhe a vida, a do companheiro e, por extensão, de seus dois filhos. Os garotos, então crianças, foram seqüestrados junto com a mãe e mantidos numa sala do Dops gaúcho enquanto a mãe era esfolada num pau-de-arara pela turma do delegado Pedro Seeling, da qual Irno fazia parte. Desmascarado por Luiz Cláudio no livro “Operação Condor: sequestro dos uruguaios”, lançado no ano passado pela editora L&PM, Irno decidiu processá-lo por danos morais.

Eis aí uma boa metáfora sobre a relação do Brasil com a memória da ditadura militar e sua última cidadela, a Lei de Anistia. É uma forma de entender a reação dessa turma à proposta de uma Comissão da Verdade, inserida no texto do terceiro Plano Nacional de Direitos Humanos, para responsabilizar torturadores da época do regime militar.

Irno foi o inspetor do Dops que colocou uma pistola na testa de Luiz Cláudio Cunha, este confundido, ao entrar no apartamento de Lílian Celiberti, com um membro da organização de esquerda à qual pertencia a uruguaia. O repórter estava acompanhado do fotógrafo J.B. Scalco, que em seguida iria ajudar a decifrar a trama ao reconhecer o comparsa de Irno, o escrivão Orandir Portassi Lucas, mais conhecido por “Didi Pedalada”, ex-jogador do Internacional. Ambos os agentes foram condenados pela Justiça, em 1980.

Agora, Irno pede indenização por dano moral, alegando que Cunha não menciona sua absolvição por “falta de provas” no recurso que apresentou, em 1983, em segunda instância. O policial, lembra o jornalista, esqueceu-se de dizer que as “provas” do sequestro – Lílian e Universindo – estavam, então, submetidas à prisão sem processo legal e a todo tipo de torturas pela ditadura do Uruguai, que acabou apenas em 1985.

Na verdade, o que incomoda o inspetor Irno não é a omissão de Luiz Cláudio sobre o recurso na Justiça. Irno morre de vergonha é do papelão que ele protagonizou, obrigado pelos chefes a forjar uma nova identidade, com ajuda de fraude cartorária, para se contrapor ao depoimento do jornalista. Para tal, cortou os longos cabelos, moldou uma calva à navalha no alto da cabeça e cravou uma barba sem bigode na cara. Transfo rmou-se, assim, em uma patética caricatura de Abraham Lincoln eternizada no anedotário político do Rio Grande do Sul. Flagrado na farsa por Luiz Cláudio e outros repórteres gaúchos, Irno submergiu no lixo da História até reaparecer, agora, à caça de uns caraminguás a mais para a aposentadoria.

Do outro lado, “Operação Condor: o sequestro dos Uruguaios” recebeu, em 2009, o troféu Jabuti da Câmara Brasileira do Livro e a Menção Honrosa do prêmio Vladimir Herzog de Anistia e Direitos Humanos. A obra também recebeu menção honrosa em Havana, Cuba, no prestigiado Prêmio Casa de Las Américas, de 2010, que reuniu 436 obras de 22 países.

O encontro histórico de Lílian com Irno será às 15h, na 18º Vara Cível, no Foro Central de Porto Alegre. Quem estiver na capital gaúcha e for jornalista de verdade, não pode perder esse encontro.

Todo apoio e solidariedade a Luiz Cláudio Cunha e Lílian Celiberti, portanto.

--------------------------------------------------------------------------------



-----Anexo incorporado-----


_______________________________________________
Cartaoberro mailing list
Cartaoberro@serverlinux.revistaoberro.com.br
http://serverlinux.revistaoberro.com.br/mailman/listinfo/cartaoberro

Governadora Recepciona Presidente Lula


Administração
Governadora recepciona presidente Lula em Porto Alegre
Acompanhado de ministros, o presidente chegou a Porto Alegre às 10h40min. Yeda e Lula conversaram na pista do aeroporto e, depois, na sala VIP do antigo Aeroporto Salgado Filho. Justiça e Desenvolvimento Social
Mutirão para refazer documentos de atingidos por enchentes chega a Igrejinha e Três Coroas
Neste sábado (6) e domingo (7), atendimento será das 8h às 11h30min e das 13h às 17h, sem custo para as carteiras de habilitação e de identidade. Fazenda
A Nota é Minha distribui 137 prêmios
As cautelas sorteadas fazem parte da série 22, com notas fiscais emitidas entre 1º de julho e 31 de dezembro de 2009. Segurança
Estado entrega viaturas da Polícia Civil para Três de Maio, Independência e Santo Cristo
As três viaturas GM Prisma zero, integram o projeto de Renovação da Frota de Veículos, do Programa Estruturante Cidadão Seguro. Verão Legal RS 2010
Salva-vidas feminina garante segurança aos banhistas em Capão da Canoa
Mulheres atuam como salva-vidas desde o veraneio de 2007. Nesta temporada, elas são quatro, entre mais de mil profissionais homens.
BoletimEnviar para um amigoReceber por e-mailEdições AnterioresFale ConoscoCaso não queira mais receber Notícias do Piratini do Rgs. Clique aqui

Uol Esportes

Sexta-feira, 5 de fevereiro de 2010

Por Centenário, Corinthians 'força' pré-temporada e bate rivais nos treinamentos
Levantamento exclusivo do UOL Esporte apontou que a equipe comandada por Mano Menezes foi a que mais treinou em janeiro; Atlético-MG e Flu aparecem na sequência



Especial
Libertadores 'força' rodízio e clubes ampliam pré-temporada com campeonatos estaduais UOL detalha números e hábitos dos treinos realizados no país


Jogos de Inverno - 1
Equipe que inspirou filme, Jamaica falha e fica fora do bobsled Jogos de Inverno - 2
"Tiger Woods do esqui", Lindsey Vonn vence lesões para brilhar Jogos de Inverno - 3
Da selva para a neve, esquiador é o 1º ganês na história do torneio

Download - UOL Esporte disponibiliza tabela da Copa do Mundo de 2010 para baixar

ESCOLHA O TIME SÉRIE A Atlético-GO Atlético-MG Atlético-PR Avaí Botafogo Ceará Corinthians Cruzeiro Flamengo Fluminense Goiás Grêmio Grêmio Barueri Guarani Internacional Palmeiras Santos São Paulo Vasco Vitória SÉRIE B América-MG América-RN ASA Bahia Bragantino Brasiliense Coritiba Duque de Caxias Figueirense Guaratinguetá Icasa Ipatinga Náutico Paraná Ponte Preta Portuguesa Santo André São Caetano Sport Vila Nova


Paulo Thiago mostra treino no Bope para chegar forte no UFC

Apesar de grave lesão, Filipe Luís mantém confiança em estar na Copa



Boxe Após prazo de 90 dias para defesas, confederação destrona 15 campeões
--------------------------------------------------------------------------------

Luta Ligeiros viram "cobaias" para judô impor modelo de treinos aos atletas
--------------------------------------------------------------------------------

NBA Kobe Bryant se torna maior cestinha da história dos Lakers; veja as marcas
--------------------------------------------------------------------------------

Tênis Depois de brilhar na Austrália, Tiago Fernandes quer evitar euforia
--------------------------------------------------------------------------------


Receba notícias: Celular | Clipping | Widgets | RSS

--------------------------------------------------------------------------------

Arabia Saudita Acessa o Blog do Jornal Negritude


Parabéns! Você só teve a sua primeira visita de Arábia Saudita.




Visite Arábia Saudita na Wikipedia

Agenda Afro


A partir do interesse despertado pelo calendário afro existente no site do Quilombhoje, usado livremente internet afora, elaboramos uma agenda.

A Agenda Afro do Quilombhoje Literatura 2010 traz em seu conteúdo dados da contribuição histórica, cultural, política e social do negro no Brasil e no mundo. As informações que constam em cada uma destas páginas foram cuidadosamente pesquisadas, buscando apresentar, da melhor maneira, a determinação de um povo que, assim como trabalhou no passado, continua trabalhando no presente, com o objetivo de que haja um futuro com direitos iguais para todos.

As datas incluídas são as que têm maior significado.

Esta agenda, portanto, pretende ser sua companheira em todos os momentos – sejam de conhecimento, de lazer ou de religiosidade – colaborando para o registro do seu dia a dia nas páginas que restaram em branco.

Você encontrará de uma forma ampliada o Calendário Afro existente no site do Quilombhoje, que é utilizado por outros sites, instituições educacionais e pesquisadores da nossa cultura.

Você terá uma agenda bonita, informativa e prática para o seu dia a dia e pensada especialmente para você.

Para preço e maiores informações, escreva: quilombhoje@quilombhoje.com.br



--------------------------------------------------------------------------------

Moradores jogam Lixo no Bairro Jardim América em Vacaria RS


Foto do lixo jogado por moradores no Bairro Jardim América entre a Rua James Watts e Décio Martins Costa. A Prefeitura faz a limpeza e alguns moradores do bairro voltam a jogar lixo.
Foto: Paulo Furtado

Agradecimentos

* Venho por meio desta agradecer o Deputado Estadual Francisco Appio que colaborou conosco numa situação envolvendo este editor. Muito obrigado pela ajuda de todos os amigos.
Paulo Furtado
Editor

Rodeio Crioulo de Vacaria RS Gera Emprego

* Observamos muitas pessoas conhecidas trabalhando no Parque de Rodeios em várias áreas. Parabéns ao CTG Porteira do Rio Grande pela valorização dos profissionais locais. O Rodeio Crioulo Internacional gera emprego e renda. Está sendo sem dúvida a melhor edição do Rodeio de todas os tempos, no aspecto estrutural e organizacional.
Paulo Furtado
Editor

Nota do Editor

* As fotos na integra do 28º Rodeio Crioulo Internacional está no Orkut do Jornal Negritude.
Paulo Furtado
Editor