Destaque

Destaque

quinta-feira, 22 de julho de 2010

Rogério Ceni Critica CBF


Rogério Ceni dispara contra CBF e questiona ética no futebol
22 de Julho de 2010 13:07 .
35
RecomendaçõesRecomendar Comentar
Após o empate com o Grêmio Prudente no Morumbi, o São Paulo deixou o campo vaiado por sua torcida. Já são três jogos e nenhuma vitória depois da parada da Copa do Mundo. Enquanto isso, o Internacional, adversário na semifinal da Libertadores na próxima quarta, venceu seus três compromissos.

Se antes do Mundial, o São Paulo era apontado como favorito para o duelo, agora a situação é diferente. Rogério Ceni, capitão do Tricolor, também pensa dessa forma:

- Não podemos esconder o sol com a peneira. Eles ganharam os três jogos e devem ser considerados favorito por todos. Até a janela de transferências foi aberta. O Ricardo Teixeira pegou o aviãozinho dele, falou com o Blatter e isso ajudou demais o Inter. Nós, dentro do que temos, vamos brigar com as nossas armas.

Para o goleiro, um dos motivos da antecipação da janela é o mau relacionamento entre São Paulo e CBF (Confederação Brasileira de Futebol). Ceni também lembra de outras brigas que o clube se envolveu nos últimos tempos.

- Achei que a janela não seria aberta. Mas, quando você briga com todo mundo, vai acabar pagando. Nós brigamos com a Federação Paulista e com a CBF. Talvez o São Paulo tenha entendido que é necessário ter mudança. Relacionamento é uma coisa importante na vida. A posição política que o São Paulo tomou causou uma resposta - disparou.

No último jogo do Brasileirão de 2008, o São Paulo declarou publicamente estar contra a Federação Paulista de Futebol. O polêmico afastamento do árbitro Wagner Tardelli da partida decisiva entre Goiás e São Paulo causou um grande atrito entre a diretoria e Marco Polo del Nero, presidente da FPF.

Rogério Ceni ainda aproveitou para criticar a cultura que existe no Brasil:

- Nosso país tem um grande problema. Por isso que todo mundo desconfia tanto do nosso país. Falaram que a janela era dia 3 e mudaram a regra. Meu medo é saber até que ponto um time ganha jogo dentro de campo. Até que ponto um jogo é decidido dentro das regras?

- Que isso não encubra os nossos problemas. A vergonha de não conseguir vencer o Prudente é nossa – concluiu - finalizou o goleiro sem tirar a responsabilidade de seu time.


.Fonte: Yahoo

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sim