Destaque

Destaque

segunda-feira, 19 de abril de 2010

Inter Campeão da Fábio Koff


Inter | 18/04/2010 | 20h40min

Carvalho não concorda com críticas e elogia atuação de Edu
Vice de futebol do Inter aproveita para parabenizar maioria da torcida que apoiou contra o Pelotas

Contestado, Edu entrou no segundo tempo da partida contra o Pelotas e foi um dos nomes da virada do Inter para 3 a 2. Com o resultado, os colorados conquistaram o segundo turno do Gauchão e farão a final com o Grêmio em dois clássicos. O vice de futebol do Inter, Fernando Carvalho, fez questão de elogiar o jogador ao final da partida no Beira-Rio, neste domingo, criticando parte da torcida que vaiou.

– Saúdo os dois gols de jogada ensaiada, do Edu e do Bolívar, que são exaustivamente treinados. E saúdo também o retorno do Edu jogando bem. É a segunda que ele entra no segundo tempo e entra bem. Há críticas, mas não concordo. A torcida acabou mostrando alguma animosidade a ele, mas ele calou a boca do torcedor exatamente porque foi muito bem – ressaltou Carvalho.

Mas ele não puxa a orelha da torcida de uma forma geral. Pelo contrário. Ele deixou claro que a maioria dos torcedores que estavam no estádio apoiaram o time, e aproveitou para parbenizá-los.

– Por fim quero ressaltar o torcedor colorado. Tivemos um clima ansioso, de alguma inconformidade, mas que foi abafado pela maioria da torcida que foi espetacular hoje e nos ajudou muito – destacou.

Para Carvalho, o Inter pressionou mais o Pelotas e o resultado do segundo tempo foi consequência do que foi o jogo.

– Não gosto de comentar futebol por merecimento ou injustiça. Quem faz dois gols merece, mas não podemos esquecer que o Inter teve mais chances e pressionou mais o adversário, e tomou dois gols fortuitos. Nosso meio-campo estava muito distante no primeiro tempo, mas no segundo o Inter marcou mais, recompôs com mais rapidez e dominou completamente. Não acho que houve injustiça, como acho que o resultado do segundo tempo o foi que aconteceu no jogo – avaliou.


Libertadores na quinta

Na próxima quinta-feira, o Inter recebe o Deportivo Quito pela Libertadores. É a última rodada da primeira fase e, se vencer, o Colorado termina na liderança do Grupo 5.

– É um jogo duro, a torcida tem que comparecer. É cedo, 19h30min, e a torcida tem que vir para nos ajudar, mesmo que tenha aquele murmúrio das arquibancadas, das cadeiras, vamos abafar e juntos vencer o adversário – disse Fernando Carvalho, convocando o torcedor.

Para Carvalho, o Inter ainda não foi muito testado na competição continental. Além disso, acredita que o time ainda precisa melhorar no decorrer das partidas.

– O time não está pronto. É normal que haja crescimento ao longo da competição. E ainda vamos enfrentar times que vão propor jogo contra nós. Por enquanto, só o Deportivo Quito fez isso, porque teve a questão da altitude. Nos demais jogos, o Inter propôs o jogo – comentou.



CLICESPORTES E RÁDIO GAÚCHA

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sim