Rádio WNews

quinta-feira, 9 de abril de 2009

Projetos capacitação de detentos

Governo do Estado apoia projeto de capacitação de detentos
08/04/2009 18:57


Por meio de parceria entre o governo do Estado, através da Superintendência dos Serviços Penitenciários (Susepe), e o Serviço Social da Indústria (Sesi), está sendo implantado o Projeto Cozinha Brasil, para qualificação profissional de detentos. O acordo beneficia em torno de 500 apenados nesta fase inicial do projeto, lançado nesta quarta-feira (8), no gabinete do superintendente penitenciário, Paulo Roberto Zietlow, em Porto Alegre.

Na primeira etapa, uma unidade móvel - moderna e equipada - percorrerá sete casas prisionais. A meta, até 2010, é atender todas as unidades do sistema prisional do Rio Grande do Sul. A coordenadora estadual do Projeto Cozinha Brasil, Erminda Torres, destacou o trabalho efetivo desenvolvido pela presidente do Comitê de Ação Solidária, Tarsila Crusius, que, ao garantir recursos superiores a R$ 20 mil como contrapartida do Estado ao programa, assegurou o benefício no Rio Grande do Sul.

Desta forma - enfatizou a coordenadora -, o governo gaúcho promove inclusão social através da capacitação profissional. "Defendemos a reintegração do preso através do trabalho. Este projeto é uma alternativa educativa para enfrentar o ócio dos presídios e oferecer, através de uma ação cidadã, um ofício ao apenado " salientou Erminda.

Inédito no sistema prisional, o projeto piloto foi implantado em 2008 no Presídio Modulado de Montenegro, no Vale do Caí, beneficiando 25 apenados do regime fechado. Posteriormente, dois cursos contemplaram 105 detentas da Penitenciária Feminina Madre Pelletier e 57 detentos do Presídio Central, em Porto Alegre.

O assessor técnico do Comitê de Ação Solidária, Gilson Oliveira, representou Tarsila Crusius no evento, que contou também com a presença, pelo Sesi, da coordenadora do Cozinha Brasil no Rio Grande do Sul, Rosângela Lengler.

Fonte: Site do Estado

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sim