Anuncie em Nossa Revista de Classificados

Anuncie em  Nossa Revista de Classificados
Para Porto Alegre RS

segunda-feira, 10 de outubro de 2016

MTG Será Homenageado na Câmara de Deputados em Brasilia DF

MTG será homenageado em Sessão Solene na Câmara dos Deputados
 
Evento será transmitido pela TV Câmara
 
O Movimento Tradicionalista Gaúcho (MTG) será homenageado nesta terça-feira, às 9 horas, no Plenário da Câmara dos Deputados, em Brasília. A Sessão Solene, proposta pelo deputado federal Afonso Hamm, assinala os 50 anos do MTG, que durante cinco décadas têm se dedicado à valorização, resgate e desenvolvimento da cultura tradicional gaúcha. A solenidade será aberta ao público e terá transmissão da TV Câmara.
 
O evento contará com a presença dos parlamentares, do atual presidente do MTG, Nairioli Antunes Callegaro; primeira prenda do Estado do Rio Grande do Sul, Roberta Rodrigues Jacinta; primeira prenda juvenil da Confederação Sul Brasileira da Tradição Gaúcha, Andrini Demari Cenci; representante do presidente da Confederação Brasileira da Tradição Gaúcha (CBTG), Wilson Porto, terceira prenda mirim do Rio Grande do Sul, Isabela Nunnes da Silva, representantes de entidades tradicionalistas, autoridades e gaúchos que residem no Distrito Federal.
 
O evento tem como objetivo destacar a força da tradição do Estado do Rio Grande do Sul, que conta com mais de 1.700 organizações, as quais reúnem aproximadamente um milhão de associados.
 
Tradicionalismo
 
Para o deputado, esse momento destaca a importância do tradicionalismo como um meio de formação de cidadania. “É essencial para um povo manter suas origens e seus costumes. Faz parte da identidade do gaúcho ser regionalista e buscar difundir sua cultura através dos símbolos que permitem sua identificação, como o chimarrão, a música e danças e vestimentas típicas. Para nós, é motivo de orgulho saber que nossa tradição passa de geração para geração, inclusive em outros países”, comenta.
 
Outro ponto que será abordado durante o encontro é a contribuição do movimento tradicionalista para a recuperação da economia do Estado, através da valorização do homem do campo, o que acaba sendo determinante para sua permanência no meio rural e cria mecanismos para superação da crise agrícola que há uma década castiga o Rio Grande do Sul.
 
 
 
 
--------------www.afonsohamm.com.br  - facebook.com/depafonsohamm
Jornalistas responsáveis – Márcia Godinho Marinho – MTB 10.868 – (61) 3215-5604 / Gilkiane Cargnelutti MTB 15.929 - (51) 3392-4609
Caso não queira mais receber mensagens, solicite através do e-mail imprensamarciamarinho@gmail.com
 

Entrevista com a Candidata a Prefeita de Vacaria Jane Andreola

Há pouco conversamos a Vereadora Jane Andreola que concorreu a Prefeita pelo PP em Vacaria RS obteve 25,44% totalizando 8.862 votos, ela não quis gravar e entrevista e preferiu que nos escrevêssemos a fala dela. Ah sim transcrevemos a sua avaliação da campanha eleitoral municipal de 2016.
"Vivemos um momento a democracia com a realidade que temos Vacaria fez a sua escolha de 71%.
A pesquisa do candidato eleito a Prefeito prejudicou a minha candidatura. Tínhamos uma pesquisa que dava empate técnico.
A questão da empresa que fez a pesquisa do candidato vencedor foi processada por manipulação de dados em outros trabalho feitos.
As pessoas não queriam o PT em Vacaria RS.
A lógica onde se vai, fui massacrada nessa campanha com várias coisas injustas. O maior prejuízo da minha campanha foi um membro do PP que trabalhou contra minha candidatura em prol de outro candidato. Eu tinha subsídios contra ele mas optei o caminho do bem e não romper os meus princípios éticos e não prejudicar ninguém.
A minha pesquisa não foi divulgada o qual estava registra no TRE-RS a empresa contratada para fazer a pesquisa desapareceu por isso não divulgamos e retiramos o registro.
A nominata de candidatos a vereador sem peso politico e só tinha Jane e Pelé e a minha família que me ajudou.
Poder econômico foi contra a minha candidatura.
A minha avaliação da estratégia de campanha foi uma campanha mais bonita, se pudesse ter feito uma seleção antecipada, tinha muitas pessoas infiltradas que trabalharam contra mim.
A minha avaliação sigo por outro caminho assimilei numa boa, deveria ter mais critério. A questão do Facebook respondemos aos ataques feitos contra mim foi a postura do meu pessoal.
O futuro continuar com a minha profissão e formar um grupo politico. O futuro a deus pertence, trabalhar o partido com ética e postura."