Anuncie em Nossa Revista de Classificados

Anuncie em  Nossa Revista de Classificados
Para Porto Alegre RS

quinta-feira, 7 de julho de 2016

Duplicação das BRs


Hamm reivindica prioridade nas obras de duplicação das BRs e a construção da nova ponte do Guaíba
 
Os parlamentares que integram a Bancada Gaúcha do Congresso Nacional apresentaram pauta prioritária durante reunião. Melhorias na área de saúde, temas ligados à Federação da Associação dos Municípios do Rio Grande do Sul (FAMURS), duplicação das BRs 116 e 386 e a construção da nova ponte do Guaíba foram os principais assuntos tratados.
 
O deputado federal Afonso Hamm manifestou que são assuntos importantes e que merecem especial atenção das esferas governamentais. Ainda ponderou que as obras do Guaíba e da duplicação são estruturantes e fundamentais para o desenvolvimento econômico e social do Estado e precisam ser priorizadas pelo governo federal.
 
No que se refere à construção da segunda ponte sobre o Guaíba, onde as obras estão praticamente paralisadas, foi relatado que a obra está parada e precisa de reforço orçamentário para o exercício de 2016, no valor de R$ 70 milhões e mais recursos para o orçamento de 2017.
 
Em relação à duplicação da BR 116, do trecho de Guaíba até Pelotas e que dá acesso de Pelotas até Rio Grande, é necessário o aporte mínimo de R$ 30 milhões. Durante o encontro, os representantes da Polícia Rodoviária Federal (PRF) apresentaram dados que o número de mortes e os acidentes triplicaram nessa rodovia, nos últimos anos. Somente em 2015, foram 21 mortes e 38 ocorrências graves. Já, nos trechos duplicados houve relevante, redução no número de acidentes.
 
Durante a reunião, ficou acertado que o DNIT e o Ministério dos Transportes irão elaborar documento relatando a necessidade de limites orçamentários e recursos financeiros para essas obras.
 
 

 
Deputado Afonso Hamm segue pleiteando prorrogação das dívidas dos sojicultores
 
O deputado federal Afonso Hamm reafirmou nesta semana, durante o 3º Simpósio Produção de Soja da Região na Campanha, realizado na sede da Associação/Sindicato Rural de Bagé, a luta para que o setor da soja também seja contemplado com a renegociação das dívidas.
 
Na última semana, o Conselho Monetário Nacional (CMN), com apoio dos Ministérios da Agricultura e da Fazenda, autorizou a prorrogação das dívidas de crédito rural dos produtores de arroz da Metade Sul do Estado, parcelando por cinco anos. “Trata-se de importante estratégia para garantir esse produto que é fundamental na cesta básica”, opina.
 
No entanto, os produtores de soja não foram contemplados com essa medida. Em vista disso, Hamm segue articulando com o governo, para que os sojicultores sejam beneficiados. “Os sojicultores não podem ficar de fora. Muitos foram prejudicados com os excessos de chuvas e, algumas lavouras ficaram com mais de 50% da safra comprometida”, argumenta Hamm que seguirá pleiteando para que os produtores sejam  contemplados com a prorrogação de cinco anos para custeio.
 
Pronunciamento
 
O assunto também foi manifestado pelo deputado Afonso Hamm durante pronunciamento no plenário da Câmara dos Deputados. O deputado também destacou a realização do Seminário da Soja em Bagé – importante região que está em plena expansão da cultura, com cultivo de mais de 1 milhão de hectares de área de soja. No seminário houve debate sobre tecnologia com os produtores, com os empreendedores, estudantes e professores da área, que buscam aperfeiçoamento e a expansão de uma atividade que só em sete municípios da região, representa o faturamento de R$ 1,8 bilhão.
 
 
--------------www.afonsohamm.com.br  - facebook.com/depafonsohamm
Jornalistas responsáveis – Márcia Godinho Marinho – MTB 10.868 – (61) 3215-5604 / Gilkiane Cargnelutti MTB 15.929 - (51) 3392-4609
Caso não queira mais receber mensagens, solicite através do e-mail imprensamarciamarinho@gmail.com
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sim