Anuncie em Nossa Revista de Classificados

Anuncie em  Nossa Revista de Classificados
Para Porto Alegre RS

quinta-feira, 17 de outubro de 2013

Inter de Lages SC

Três pontos valiosos
Com um jogador a menos, Inter derrota o Jaraguá por 1 a 0 fora de casa
Em uma partida que teve contornos dramáticos, o Internacional derrotou o Jaraguá neste domingo, por 1 a 0, no Estádio João Marcatto, em Jaraguá do Sul. O Inter, que jogou durante todo o segundo tempo com um jogador a menos - Brasão foi expulso no fim da primeira etapa -, venceu com um gol do volante Brenno, marcado aos 21 minutos do primeiro tempo.
Internacional e Jaraguá estavam cientes de que o confronto era decisivo para as pretensões de classificação de ambos para a decisão do returno. Enquanto o time da casa valia-se do bom entrosamento de seus atletas - muitos deles atuam juntos desde as categorias de base -, os colorados reforçaram a marcação com a escalação de três volantes: Brenno, Maguila e o capitão Tácio, que voltou ao time após mais de um mês no departamento médico.
O time escalado pelo técnico Nasareno Silva podia ser teoricamente mais defensivo, mas o que se viu no primeiro tempo foi o domínio colorado. As tramas dos meias Thomaz e Luciano Amaral e as boas chegadas ao ataque de Brasão puseram o Jaraguá no campo defensivo.
Ironicamente, foi um volante o autor do gol da vitória. Brenno subiu mais alto que a defesa do Jaraguá e cabeceou com estilo o escanteio cobrado por Thomaz. Foi o primeiro gol de Brenno com a camisa colorada.
O Inter seguiu dominando, mas o tom dramático da vitória começou a se desenhar quase no fim da primeira etapa. Brasão cometeu falta dura em Jefinho e foi expulso, o que deixou o time com um jogador a menos por mais de metade da partida.
A segunda etapa foi amplamente dominada pelo Jaraguá, que se aproveitou da superioridade numérica e pressionou bastante. O goleiro Renan, ex-Criciúma, em sua estreia pelo Inter, fez grandes defesas e garantiu a vitória.
Com o triunfo, o Inter chegou a 7 pontos em três partidas disputadas no returno. O líder até o momento é o Oeste, que tem 10 pontos em quatro jogos. O Colorado Lageano volta a entrar em campo nesta quarta-feira, em Itajaí, contra o NEC.

JARAGUÁ 0 X 1 INTER
JARAGUÁ: Darci, Maicon, Fabinho (Júnior Rodrigues), Ricardo e Jefinho (Carlos Neto); Neto (Nego), Wilhan, Rafael e Zé Vítor; Éric e Vandré. Técnico: Mozart Batista
INTER: Renan, Bruno, Alan, Erlon e Gelvane; Brenno, Maguila (Tauan), Tácio, Thomaz (Gustavo) e Luciano Amaral (Dedo); Brasão. Técnico: Nasareno Silva
Gol: Brenno (21'/1T)
Cartões amarelos: Ricardo e Júnior Rodrigues (Jaraguá); Alan, Maguila, Bruno e Gustavo (Inter) 
Cartão vermelho: Brasão

NOS ANEXOS:
(Fotos: Beto Costa/Avante!)
- Brenno (centro), autor do gol do Inter, e Bruno cercam Éric, do Jaraguá
- Vandré salta, mas Renan, um dos destaques colorados na partida, segura firme
- O volante colorado Maguila briga pela bola observado por Bruno (2)

-- 
Inter de Lages
Imprensa

www.interdelages.com.br

Inter de Lages SC

Caros,
Quaisquer que sejam as opiniões sobre o Esporte Clube Internacional, seu time, sua comissão técnica ou sua diretoria, fazemos questão de que elas sejam não apenas respeitadas como expressadas. Somos um clube que preza pela democracia e a transparência. No entanto, como algumas opiniões têm sido manifestadas (na imprensa e também nas redes sociais) em meio a fatos que não correspondem à realidade, cabe retificar algumas dessas inverdades:
1) O INTERNACIONAL NÃO JOGOU COM TIME B
Na derrota para o NEC, por 2 a 1, nesta quarta-feira, apenas UM atleta foi poupado - Gelvane, que não viajou com o grupo por causa de um cansaço muscular. Ele é o jogador que mais atuou neste ano pelo Inter: foram mais de 1.300 minutos, segundo o monitoramento feito pelo clube. Ainda assim, ele foi substituído por Luciano Amaral, igualmente titular, que foi recuado para a lateral-esquerda, sua posição de origem;
Dos outros considerados titulares, Alan e Brasão estavam suspensos e Maguila, contundido. A escalação, lembremos, foi: Ivan (titular), Bruno (titular), Dedo (entrou no lugar do suspenso Alan), Erlon (titular) e Luciano Amaral (titular); Brenno (titular), Tácio (titular), Thomaz (titular) e Aldair Bahia (no lugar de Maguila, contundido); Jaiminho (no lugar de Luciano Amaral, recuado para a lateral-esquerda para substituir Gelvane) e Gustavo (no lugar de Brasão, suspenso).
2) A FORMAÇÃO EM CAMPO FOI TREINADA AO LONGO DA SEMANA
Ao longo da partida, o zagueiro Erlon foi deslocado para atuar no ataque. Isso ocorreu porque a) Erlon é o jogador mais alto da equipe, o que dá a ele vantagem como referência na área; b) Erlon foi seguidamente artilheiro de competições amadoras em Lages, nas quais atuou, como atacante, no período em que se afastou do futebol profissional; c) como o técnico Nasareno Silva só tinha dois atacantes de ofício - Jaiminho e Gustavo - à disposição, Erlon treinou como atacante seguidas vezes. Não houve, portanto, improvisação. Além de Brasão, os outros atacantes de ofício do grupo são Lucas Pando e Elcimar. Ambos estão lesionados;
3) O INTER NÃO VIAJA COM ANTECEDÊNCIA PARA TODOS OS JOGOS
O grupo de jogadores só viaja com antecedência para jogos mais decisivos - como foi o caso da decisão do turno, contra o Jaraguá. No caso do jogo desta quarta, contra o NEC, por exemplo, o Inter viajou no mesmo dia da partida. Tampouco é verdade que o grupo se hospeda em hotéis cinco estrelas. Não há recursos nem necessidade para isso. O orçamento do clube é apertadíssimo. Não há espaço para desperdício ou ostentação;
4) AS CHANCES DE DECIDIR O RETURNO SEGUEM BASTANTE GRANDES
A derrota colorada para o NEC por 2 a 1 foi inesperada por todos os que acompanham a divisão de acesso 2013. Ainda assim, as chances de o clube se classificar para a decisão do returno permanecem bastante grandes. Não quer dizer que será fácil, já que, além de vencer, o Inter precisará fazer bom saldo de gols contra os adversários que ainda tem pela frente (Maga, Pinheiros, Barra e Oeste). Mas o campeonato segue aberto como sempre esteve.

Quaisquer dúvidas, por favor disponham sempre deste canal. Estamos dispostos a esclarecer todos os questionamentos da imprensa da melhor e mais célere maneira ao nosso alcance.
Abraços e bom trabalho.

-- 
Inter de Lages
Imprensa

www.interdelages.com.br

Instituto Princesa Isabel



Descrição: Descrição: Descrição: Descrição: Descrição: Descrição: Descrição: Descrição: Descrição: Descrição: Descrição: Descrição: Descrição: cid:image001.jpg@01CB85A6.0D3BCF80
INSTITUTO CULTURAL D. ISABEL I A REDENTORA
CNPJ: 05.874.977/0001-51
Rua dos Andradas, 29 / 701
Centro do Rio Antigo
20051-001 RIO DE JANEIRO – RJ 
www.idisabel.org.br

A Presidente do IDII,
Laila Vils,

tem a honra de divulgar o convite anexo,

da Academia Brasileira de Letras,
do Instituto Cultural D. Isabel I a Redentora
e da Linotipo Digital Editora e Livraria,

para o relançamento de O IMPERADOR NO EXÍLIO, do Conde de Affonso Celso,
a se realizar em 17 de outubro de 2013, às 17h30min,
no Petit Trianon, Academia Brasileira de Letras, Rio de Janeiro.

***

O IMPERADOR NO EXÍLIO

CONDE DE AFFONSO CELSO


Reeditado em uma parceria da editora paulista Linotipo Digital com o IDII, O Imperador no Exílio trata dos últimos dias do Imperador D. Pedro II (1825-1891), desde a partida da Família Imperial até seu falecimento em Paris, em 1891; é dirigido à Princesa D. Isabel (1846-1921), pela ótica do Conde de Affonso Celso, filho do Visconde de Ouro Preto (1836-1912), último presidente do Conselho de Ministros do Império, durante a mudança de seu estado político, de crítico a apoiador inconteste do ilustre exilado, na época de um dos episódios mais vergonhosos da história brasileira.

Não trata do golpe que derrubou a Monarquia, é mais um testemunho da nobreza de caráter e dos valores éticos que orientavam aquele que foi o maior de nossos governantes, sustentado por dezenas de citações de vários personagens históricos.

Na 2ª parte, narra os esforços para o repatriamento dos restos mortais de D. Pedro II e da Imperatriz D. Thereza Christina para o Rio de Janeiro e narra ainda a história documentada dos esforços para a construção da estátua que homenageia o Imperador em Petrópolis, inaugurada somente 22 anos após seu exílio e 20 anos após seu falecimento, com a presença inclusive do Presidente da República, Marechal Hermes da Fonseca (1855-1923), e das mais altas autoridades do país.

É acompanhado por uma biografia do autor, do historiador Bruno de Cerqueira, resumida abaixo. Por ser uma obra do final do século XIX, tem linguagem de época; a editora incluiu um glossário.

O AUTOR
Affonso Celso de Assis Figueiredo Júnior (1860-1938), o Conde de Affonso Celso, teve seu título concedido pela Santa Sé. Acadêmico de prestígio e brilho, foi um dos fundadores da Academia Brasileira de Letras, onde ocupou a cadeira nº. 36. Presidiu o Instituto Histórico e Geográfico Brasileiro e teve dezenas de livros, ensaios e poemas publicados, entre os quais se destaca O Imperador no exílio; foi ainda advogado, formado em 1880 pela Faculdade de Direito do Largo de São Francisco, e político abolicionista, tendo sido eleito para quatro mandatos por Minas Gerais. Deixou a política para acompanhar o pai (Visconde de Ouro Preto), que por sua vez acompanhara o Imperador no exílio. Foi um jovem parlamentar crítico de D. Pedro II e pró-República. O divisor de águas em sua vida deu-se ao conviver com o Imperador no exílio, de quem tornou-se amigo, e quando pôde testemunhar sua envergadura, honestidade e preparo. Conduziu pessoalmente os esforços para a construção da estátua de D. Pedro II em Petrópolis.



***

2013

250 anos do nascimento e 175 anos da morte de José Bonifácio (1763-1838)

215 anos do nascimento de D. Pedro I do Brasil (1798-1834)

175 anos do nascimento e 115 anos da morte de André Rebouças (1838-1898)

170 anos do nascimento do Visconde de Taunay (1843-1899)

170 anos do nascimento e 115 anos da morte de Antonio Bento (1843-1898)

160 anos do nascimento de José do Patrocínio (1853-1905)

125 anos da Lei do Império do Brasil, de número 3.353, de 13 de maio de 1888 – LEI ÁUREA

100 anos da morte de Aluísio de Azevedo (1857-1913)

120 anos do nascimento e 60 anos da morte de Jorge de Lima (1893-1953)

100 anos do nascimento de Vinicius de Moraes (1913-1980)

75 anos da morte do Conde de Affonso Celso (1860-1938)


120 anos da publicação de O IMPERADOR NO EXÍLIO (1893)


***

NPC

Boletim do NPC « 253

Boletimdo NPC

Curso anual terá mesa sobre internet, juventude e mobilizações sociais

de 14 a 19 outubro de 2013
NOTÍCIAS DO NPC

Presidente da FISENGE destaca papel do Curso do NPC na formação de diretores e jornalistas

NOTÍCIAS DO NPC

Em um mês, agenda NPC 2014 já vendeu mais de mil exemplares

NOTÍCIAS DO NPC

Vito Giannotti dá curso de História das Lutas dos Trabalhadores no Brasil

ARTIGOS

O desafio do fomento está na programação e não na produção

ENTREVISTAS

Ana Lucia Vaz lança o livro ‘Jornalismo na correnteza’

A COMUNICAÇÃO QUE QUEREMOS

ANota: alunos do NPC participam de agência de notícias alternativas

RADIOGRAFIA DA COMUNICAÇÃO SINDICAL

“A comunicação sindical deve produzir informação com qualidade técnica e política para a defesa dos direitos dos trabalhadores”, diz jornalista do Sindsefaz

DE OLHO NA MÍDIA

Monopólios da comunicação e da violência unidos

PROPOSTA DE PAUTA

Mentiras e verdades sobre o leilão do Campo de Libra

DEMOCRATIZAÇÃO DA COMUNICAÇÃO

Reunião com relator da ONU para Liberdade de Expressão é uma das atividades da Semana da Democratização da Comunicação

Como anunciamos no último boletim, a Semana da Democratização da Comunicação, que vai de 13 a 20 de outubro, terá debates e atividades em todo o país. No Rio de Janeiro, o relator especial da ONU sobre Liberdade de Expressão, Frank de La Rue, participa de uma reunião aberta à sociedade no domingo, dia 13, no Sindicato dos Petroleiros. Apesar de não ser uma agenda formal da ONU, La Rue vai ouvir os problemas que os comunicadores têm enfrentado no Brasil, como a criminalização das rádios comunitárias. Em Brasília, haverá ato público pela implantação Conselho Distrital de Comunicação Social no dia 16, às 11h, no Palácio Buriti. O Centro de Cultura Luiz Freire, em Olinda, vai realizar uma oficina aberta sobre direito à comunicação no dia 14/10, às 14h. Em João Pessoa haverá diversas atividades, dentre elas um debate sobre “Coronelismo eletrônico – política no ar e no sangue”, com os professores Suzy dos Santos (UFRJ), Heitor Rocha e Alfredo Vizeu (UFPE). A mesa acontece no dia 16, às 9h, na Universidade Federal da Paraíba. Em São Paulo, entre as diversas atividades programadas está o lançamento da campanha de coleta de assinaturas para o Projeto de Lei de Iniciativa Popular da Mídia Democrática no dia 17/10, às 17h30, na Câmara Municipal. No mesmo dia, a Rede Nacional de Adolescentes e Jovens Comunicadores (Renajoc) vai realizar atividades em defesa da liberdade de expressão e do acesso de adolescentes e jovens à informação e à participação na produção da comunicação em pelo menos 25 cidades. Confira a programação completa. Caso saiba de alguma outra atividade pelo país entre em contato conosco para divulgarmos!
DE OLHO NA VIDA

Seminário debaterá impactos de projetos na Amazônia Oriental

DE OLHO NO MUNDO

112 milhões de trabalhadoras migrantes em risco de violência

NPC INFORMA

Jornada nacional de lutas por soberania alimentar acontece de 14 a 18 de outubro

MEMÓRIA

50 anos depois, vítimas exibem marcas do Massacre de Ipatinga

DICAS

“O Capital”, novo filme de Costa-Gavras

DICAS

Revista online Marx e o Marxismo

PÉROLAS

Por Ignacio Ramonet

Edição 253
Para jornalistas, dirigentes, militantes e assessores sindicais e dos Movimentos Sociais
Índice
Receba o Boletim NPC
E-mail
Nome
Cidade
Estado
NPC - Núcleo Piratininga de Comunicação
Contato
Rua Alcindo Guanabara, 17, sala 912, Cinelândia
Rio de Janeiro – RJ - CEP 20031-130
Tel. (21) 22205618
www.piratininga.org.br
npiratininga@uol.com.br
Equipe
Coordenação: Vito Giannotti
Edição: Claudia Santiago (MTB 14.915)
Redação: Arthur William, Marina Schneider e Sheila Jacob. Colaboraram nesta edição: Sérgio Domingues (RJ), Rosângela Ribeiro Gil (SP), Gustavo Gindre (RJ).