Anuncie em Nossa Revista de Classificados

Anuncie em  Nossa Revista de Classificados
Para Porto Alegre RS

quarta-feira, 27 de maio de 2009

Neonazistas na Serra Gáucha

voltar Plantão > imprimir | enviar | corrigir | comentar | letra A - | A + Segurança | 18/05/2009 | 20h13min
Polícia caça neonazistas em Caxias do Sul e Bento Gonçalves
Foram apreendidos material de apologia ao nazismo, dvds, fotos, CPUs, livros, fardas, bombas caseiras, facas e celulares
Policiais da 1ª Delegacia de Polícia da Capital, comandados pelo delegado Paulo César Jardim, que há oito anos investiga a movimentação de simpatizantes do movimento nazista no Rio Grande do Sul, tentam localizar integrantes do movimento em Caxias do Sul e Bento Gonçalves.

Em uma operação realizada nesta segunda-feira nas duas cidades da Serra e em Porto Alegre, Cachoerinha e Viamão, na Região Metropolitana, foi apreendido um farto material de apologia ao nazismo. Dvds, fotos, CPUs, livros, fardas, bombas caseiras, facas e celulares estavam nas casas de cinco integrantes do grupo, que surgiu há um ano: o New Land. Os neonazistas gaúchos são ligados a outros grupos do Paraná e São Paulo.

A polícia também investiga o suposto envolvimento de neonazistas da facção New Land em um dos 15 assassinatos ocorridos em fevereiro deste ano em Caxias. A mesma facção está sendo investigada por outros nove assassinatos no país.

Conforme o delegado estudioso desse movimento, os neonazistas gaúchos não estariam escondendo que, se precisam matar judeus, era melhor matar vários de uma vez. O mesmo vale para os homossexuais.

— É uma ideia bastante grave, bastante séria e nós temos a obrigação de prender essas pessoas — relata Jardim.

Ninguém foi preso na operação desta segunda, mas os cinco responsáveis pelos materiais apreendidos estão sendo procurados para depoimentos.

Leia mais no Pioneiro desta terça-feira.


RÁDIO GAÚCHA E PIONEIRO

Ponto de Vista



27 de maio de 2009
Recebi informações de limites de horas extras na Prefeitura Municipal de Vacaria/RS de 50 horas extras. E quem ultrapassar esse limite como vai ficar?, tem empresas privadas que gosta que os funcionários façam horas extras no setor publico aqui em Vacaria/RS é o contrário. A Prefeitura não quer o funcionário trabalhe com horas extras. Querem cortar gastos na produção pública. A coisas aqui é o contrário. Deveriam cortar gastos com Cargos de confiança aliás alguns ainda não mostraram serviços. E o Sindicatos dos Municipários o que está fazendo neste caso?
Outra situação envolvendo a Prefeitura Municipal de Vacaria/RS segundo informações que os apenados que prestam serviços recebem equipamentos de segurança de trabalho enquanto os funcionários públicos concursados de carreira trabalham sem equipamentos e sem condições de trabalho. Exemplos falta de botinas e luvas.
O mesmo supermercado que já foi multado em R$20.000,00 reais em nossa cidade. É não oriundo de nossa cidade é uma multinacional no ramo alimentício segundo informações não paga horas extras aos seus funcionários e o pagamento é em folga. Possue um banco de horas tem o controle da empresa e acaba sumindo as horas. O Sindicato dos Comerciários onde está que não fiscaliza?
Observei uma parada nova de onibus na Bairro Jardim América, bem acabada mas observei que nos outros bairros continua as paradasa vellhas. Me perguntei porque será que nos outros bairros não foram feitas paradas novas?
Paulo Furtado
http://jornalnegritude.blogspot.com
http://paulofurtado.blog.terra.com.br

Saloon Bar

VENHA CONFERIR A MELHOR PROGRAMAÇÃO DA CIDADE, COM MUITO REQUINTE, DIVERSAO
E GENTE BONITA !!

A PROGRAMACAO DA SALOON BAR ESTA IMPERDIVEL .....

SALOON PUB

* DE TERÇA A DOMINGO - ALMOÇO EXECUTIVO DAS 11:30 AS 14:30 E
HAPPY HOUR COM DOUBLE DRINK A PARTIR DAS 19:00 (COM MODA DE VIOLA)

SALOON COUNTRY BAR

* SABADO 23/05 - TONY & BRYAN / LEO & LIMA / GAROTAS 8 SEGUNDOS

INFORMACOES E RESERVAS PELO FONE (41) 3222-8811

OBS. Estacionamentos na Rua 13 de Maio (continuação da Martin Afonso)
Vallet - Rua do Rosario

CONFIRA NOSSO SITE, ORKUT E COMUNIDADE ....


www.saloonbar.com.br


http://www.orkut.com.br/Main#Profile.aspx?rl=mp&uid=11278214027095814770


http://www.orkut.com.br/Main#Community.aspx?rl=cpn&cmm=87692576

News Racismo

Jornalista da Globo, Miriam Leitão diz n PI: 'Mulher e negro dominam'
180graus - Teresina,Piauí ,Brazil
"Quem disse que mulheres e negros no Brasil são minorias? Representa mais da metade da população. E vão dominar o mundo nos próximos anos. ...
Veja todos os artigos sobre este tópico

Obama nomeia astronauta negro para dirigir a Nasa
AFP
WASHINGTON, EUA (AFP) — O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, nomeou o ex-astronauta negro Charles Bolden para a direção da Nasa, ...
Veja todos os artigos sobre este tópico

Grifes silenciam sobre negros
Zero Hora - Porto Alegre,RS,Brazil
O Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) que recomenda uma cota para modelos negros e indígenas no São Paulo Fashion Week foi recebido com silêncio por boa ...
Veja todos os artigos sobre este tópico

Semana da África na Bahia tem início no lançamento do III Fesman
Alemtemporeal - Alagoas,Brazil
Por isso, esse dia foi escolhido para o lançamento do III Festival Mundial de Artes Negras e para celebrar o renascimento africano, que é o tema da terceira ...
Veja todos os artigos sobre este tópico

Consciência Negra é destaque na programação do fim de semana em ...
Agora Vale - Pindamonhangaba, São Paulo,Brazil
A festividade continuará com a palestra “O negro caiçara”, a ser proferida pela presidente do Pérola Negra, Regina Célia Cristina Barbosa, ...
Veja todos os artigos sobre este tópico



|||||||||||| ||||||||| ||||||||| ||||||||| ||||||||| ||||||||| ||||||||| ||||||||| ||||||||| ||||
HEITOR (((((º_º))))) CARLOS
http://portodoscasa is.blogspot. com/
|||||||||||| ||||||||| ||||||||| ||||||||| ||||||||| ||||||||| ||||||||| ||||||||| ||||||||| ||||
............ ......... ......... .

Cargas Recuperadas

Polícia Civil recupera cargas e caminhões furtados
25/05/2009 13:48

Agentes do Departamento Estadual de Investigações Criminais (Deic), comandados pelos delegados Ranolfo Vieira Júnior, titular do Deic, e pelo delegado Heliomar Athaydes Franco, titular da Delegacia de Polícia de Repressão ao Roubo de Veículos, desencadearam, na manhã desta segunda-feira (25/5) a Operação Tentação. A operação recebeu este nome devido à utilização de um caminhão tipo muck – que possui uma espécie de guindaste – como isca. O caminhão, emprestado por um empresário, foi preparado com GPS e colocado em um local onde normalmente ocorriam os furtos.

A ação – que contou com 70 policiais e 30 viaturas – cumpriu 18 mandados de busca e apreensão nos municípios de Novo Hamburgo, Viamão, São Leopoldo e Sapucaia do Sul. O resultado foi a recuperação de parte de uma carga roubada de uma loja de eletroeletrônicos, cerca de 130 pneus, cinco caminhões intactos, dois parcialmente desmanchados, um Fiat uno com um kit usado para o desmanche de caminhões, além de outros três veículos também desmanchados, uma espingarda 12 e televisões de LCD.

De acordo com o delegado Ranolfo, “foram recuperados ainda cinco rádios HT, que a quadrilha certamente utilizava para escutar as faixas de uso exclusivo da Polícia Civil e da Brigada Militar”. Também foram estourados quatro locais utilizados pela quadrilha para depositar os caminhões e o material roubado – em Viamão, Alvorada, São Leopoldo e Porto Alegre.

As investigações referentes à Operação Tentação se iniciaram em novembro de 2008. Desde aquela data onze indivíduos suspeitos de estarem envolvidos na quadrilha de furto de caminhões já foram presos em flagrante. A Polícia Civil representou pela prisão preventiva de 15 indivíduos, o que foi indeferido pela Justiça de Canoas. Destes, segundo o delegado Ranolfo Vieira Júnior, cinco já se encontram presos cumprindo pena em regime semiaberto.

Conforme o delegado Ranolfo, desde que as investigações começaram, a quadrilha furtou 98 caminhões somente no município de Canoas, nas proximidades da BR-116, nos bairros Niterói, Centro e Igara. O delegado Heliomar ressalta que 18 homens e uma mulher, suspeitos de integrarem a quadrilha, já estão identificados e deverão ser indiciados, na conclusão do inquérito, por formação de quadrilha, furto e receptação.
Fonte: Ascom/ PC

Suspeitos Presos

Polícia Civil prende cinco suspeitos de tráfico de drogas durante Operação Capital
25/05/2009 15:23


Agentes da 2ª Delegacia do Departamento Estadual de Investigações do Narcotráfico (2ª DIN/DENARC), com apoio da 3ª DIN e de outros policiais do DENARC, realizaram, na manhã desta segunda-feira (25), a “Operação Capital”, com a finalidade de combater o tráfico de entorpecentes.

Na ação, que ocorreu por volta das 7 horas nas cidades de Viamão e Canoas, foram cumpridos oito mandados de busca e apreensão e cinco de prisão temporária. Durante a operação foram presas cinco pessoas suspeitas de tráfico de drogas. Todos estão com prisão temporária decretada e, após serem ouvidos, foram encaminhados aos Presídios Central e Madre Pelletier, ficando à disposição da justiça.

Segundo o delegado João Bancolini, diretor do DENARC e que coordenou a operação, uma mulher e dois homens, ambos com 19 anos, e outro homem, de 23, foram presos na Vila São Lucas, em Viamão Outro envolvido, com 27 anos, foi preso no bairro Rio Branco, em Canoas. De acordo com Bancolini, os cinco são suspeitos de integrarem uma quadrilha de traficantes, que utilizam como ponto para o tráfico a Vila São Lucas, em Viamão. Na operação, foram apreendidos dois carros de luxo, usados pelos líderes da quadrilha, além de uma motocicleta. Ainda de acordo com o delegado, a polícia também investiga a suspeita de participação do grupo em homicídios ocorridos em Viamão e Gravataí.

Conforme o delegado Cléber dos Santos Lima, titular da 2ª DIN, as investigações, que ocorreram durante 60 dias, resultaram na decretação da prisão temporária dos suspeitos pela Justiça de Viamão.

O DENARC recebe denúncias anônimas através do número 0800- 518.518.

Casal Preso

Brigada Militar prende casal por porte ilegal de arma e tráfico de drogas
25/05/2009 15:43

Nesta segunda-feira (25), no bairro Santa Tereza, em São Leopoldo, a Brigada Militar, através dos policiais militares do 25º BPM foram informados pela vítima de que havia saído para caminhar e foi vitima de roubo. A guarnição localizou um jovem de 21 anos de idade e com o ele foram encontrados, um revólver calibre 38, 4 polegadas e com sete munições intactas, oito pedras de crack, dois gramas de maconha e R$ 323,00 em notas de pequeno valor, localizadas em roupas intimas de outro jovem de 18 anos.
Fonte: PM5-Imprensa/BM

Foragidos Presos

Polícia Civil de Canoas prende foragido por furto e roubo
26/05/2009 16:27


Por volta das 9h desta terça-feira (26), policiais da 2ª DP de Canoas prenderam um homem de 25 anos de idade, que estava foragido desde setembro de 2008 por furto e roubo. Os agentes cumpriram mandado de busca e apreensão na Rua Belém, bairro Niterói, naquele município.

Na residência do fugitivo foram apreendidos 610g de maconha dentro de um refrigerador, 50g de maconha em três buchas embaixo de um colchão, uma pistola 380 argentina ‘Bersa’, municiada com 13 projéteis e mais um carregador cheio.

Segundo a delegada Sabrina Deffente, titular da 2ª DP de Canoas, o foragido foi autuado em flagrante por tráfico de entorpecentes e posse ilegal de arma. O indivíduo foi encaminhado ao Presídio Central de Porto Alegre.

Fonte: Ascom PC

Traficantes Presos

Polícia Civil prende integrantes de quadrilha que opera no Centro da Capital
26/05/2009 18:05


Agentes do Serviço de Inteligência e da Força-tarefa do Departamento Estadual de Investigações do Narcotráfico (Denarc) prenderam, em flagrante, na tarde dessa segunda-feira (25) três homens, no momento em que iam fazer uma entrega de, aproximadamente, 40 gramas de cocaína. Eles estavam no interior de um posto de gasolina, na Avenida João Pessoa.

Segundo o diretor do Denarc, João Bancolini, os homens são apontados como integrantes de uma quadrilha de traficantes, responsáveis pelo abastecimento de alguns bares do Centro de Porto Alegre. Além da droga, foram apreendidos, um veículo Corsa e uma balança de precisão.

Um dos presos, apontado como líder do grupo, tem 26 anos de idade e o outro, 24. O terceiro, de 35 anos, é foragido do Sistema Penitenciário. Os três, depois de ouvidos, foram encaminhados ao Presídio Central.

Fonte: Ascom PC

Zerar Déficit Prisionais

Governo do Estado planeja zerar o déficit de vagas prisionais até o final de 2010
26/05/2009 20:25


A Força-Tarefa dos Presídios, montada pela governadora Yeda Crusius em agosto de 2008, tem a meta de gerar 9,8 mil vagas prisionais no território gaúcho até o final de 2010, praticamente zerando o atual déficit, próximo a 10 mil vagas. Para tanto, serão investidos R$ 245 milhões em obras de penitenciárias dentro do Programa Estruturante Cidadão Seguro. A projeção foi feita pelo secretário da Segurança Pública, Edson Goularte, na tarde desta terça-feira (26).

"O governo do Estado está enfrentando de frente e com coragem a questão prisional. Com o apoio do Ministério Público, do Judiciário e dos demais integrantes da Força- Tarefa dos Presídios, tenho certeza de que conseguiremos zerar o atual déficit com as novas vagas que serão criadas", destacou.

O Rio Grande do Sul dispõe hoje de 28 mil detentos frente a um número de 18.069 mil vagas. Desde 2007, foram criadas 1.727 vagas nos regimes fechado e não-fechado, num total de investimento de R$ 21,8 milhões. Encontram-se em obras mais 842 vagas e outras 7.220, em fase de projetos em andamento. Dos R$ 245 milhões a serem investidos, R$ 205 milhões correspondem a recursos do Tesouro do Estado e R$ 40 milhões a repasses do governo federal.

"Com o ajuste fiscal e o déficit zero nas contas públicas, o governo do Estado investirá, neste ano na Segurança cerca de R$ 186 milhões. Desse montante, R$ 102 milhões estão destinados exclusivamente ao sistema prisional, para geração de vagas e obras de construção e reformas de penitenciárias", observou o secretário da Segurança Pública.

Desafio

O próximo desafio do grupo será derrubar os entraves burocráticos. A construção de presídios envolve uma série de etapas, desde o lançamento de editais até questões relacionadas aos licenciamentos ambientais e municipais. Mas a principal barreira, que são os recursos, já foi superada.

Além da inauguração da Penitenciária de Caxias do Sul (432 vagas), o governo já entregou obras de ampliação da Penitenciária Regional de Pelotas (152 vagas) e os novos pavilhões do Presídio Central de Porto Alegre (492 vagas), os novos pavilhões de Vacaria (42 vagas) e os do Anexo Feminino de Charqueadas (76 vagas), totalizando 1.194 novas vagas.

Licitação

Para 2009, estão em processo de licitação as obras de construção da Penitenciária de Passo Fundo (336 vagas) - que devem se iniciar no segundo semestre deste ano -, as reformas das penitenciárias de Espumoso (54 vagas) e o término da construção da nova Penitenciária de Santa Maria (336 vagas), que deve ocorrer no final de julho. No segundo semestre, começam a ser erguidas as penitenciárias de Bento Gonçalves (336 vagas), Arroio dos Ratos (672 vagas) e Guaíba (672 vagas), num total de 2.070 novas vagas.

Estão previstas ainda para este ano a construção da Penitenciária Especial para Jovens Adultos, em São Leopoldo (421 vagas), da Penitenciária Feminina em município a ser definido (256 vagas) e a ampliação das penitenciárias de Montenegro e Charqueadas, ambas com 384 vagas cada. E estão em andamento projetos para construção e reforma de seis albergues: Caxias do Sul (78), Charqueadas (78), Venâncio Aires (78), Viamão (80), Carazinho (64) e Porto Alegre (78).

Fonte: Site do Estado

Preso Suspeito

Polícia Civil prende suspeito de participar de assalto a Joalheria Pupila, em Porto Alegre
26/05/2009 20:59


Agentes da 1ª Delegacia de Polícia de Repressão a Roubos, do Departamento Estadual de Investigações Criminais (DEIC), prenderam, na tarde desta terça-feira (26), um homem de 26 anos. Ele é suspeito de ser o outro assaltante da Relojoaria Pupila, localizada na Bento Gonçalves, em Porto Alegre. O assalto ocorreu em 13 de maio. Na ocasião, um dos sócios do estabelecimento acabou morto e o outro, ferido.

Segundo o delegado Juliano Ferreira, titular da delegacia de Roubos, o suspeito foi detido na Rua Infante Dom Henrique, vila Piratini, em Alvorada. Ele foi reconhecido pelo sócio da joalheria, ferido no assalto. Conforme Ferreira, o suspeito reagiu à prisão, inclusive utilizando arma de fogo, mas acabou sendo atingido com um tiro no braço. Autuado em flagrante, ele permanece internado no Hospital de Pronto Socorro (HPS) de Porto Alegre, e será encaminhado ao Presídio Central após sua liberação.

Fonte: Ascom PC

Extensão Universitária

Programas de extensão universitária terão R$ 19 milhões


As universidades públicas federais e estaduais e os institutos federais de educação, ciência e tecnologia que oferecem cursos superiores terão R$ 19,2 milhões para investir na criação e desenvolvimento de programas e projetos de extensão universitária em 2009 e 2010. Os recursos são dos ministérios da Educação, da Cultura e do Trabalho e do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan).

O Programa de Apoio à Extensão Universitária (Proext) tem o objetivo de melhorar a gestão das atividades acadêmicas de extensão e estimular o desenvolvimento social e o espírito crítico dos estudantes. O limite de recursos para os programas é de R$ 100 mil e para os projetos, R$ 30 mil. A execução deve acontecer em até 15 meses e a data limite é 31 de dezembro de 2010.

Investimento - Dados da Secretaria de Educação Superior do MEC mostram que, de 2006 a 2008, o Proext aprovou e financiou, com verbas do orçamento do MEC, 380 projetos no valor de R$ 16 milhões. Com a participação dos ministérios da Cultura e do Trabalho e do Iphan, os recursos foram ampliados em 2009 e chegaram a R$ 19,2 milhões.

Os recursos estão divididos em quatro áreas: educação, desenvolvimento social e saúde, com R$ 12,2 milhões; gestão cultural, economia da cultura e desenvolvimento das linguagens artísticas, com R$ 3 milhões; preservação do patrimônio cultural brasileiro, com recursos de R$ 1 milhão; e trabalho, emprego, incubação de empreendimentos econômicos solidários, com R$ 3 milhões.

As inscrições podem ser feitas até 3 de julho. Na elaboração das propostas, as instituições de ensino superior devem seguir diretrizes como a indissociabilidade entre extensão, ensino e pesquisa e o impacto social da ação na comunidade e na formação dos estudantes.

Inscrições para estrangeiros - As instituições que participam do Programa de Estudantes-Convê nio de Graduação têm até 26 de junho para enviar as inscrições dos estudantes estrangeiros candidatos ao Projeto Milton Santos de Acesso ao Ensino Superior (Promisaes). O projeto oferece assistência financeira de um salário mínimo mensal, durante 12 meses, a alunos de países da África e da América Latina matriculados em universidades federais brasileiras. A presseleção dos estudantes é feita pela universidade, que encaminha a relação dos candidatos ao MEC. O Edital nº 2/2009, que traz as regras do processo, foi publicado no Diário Oficial da União da última segunda-feira, 25.
__._,_.___

Cursos

São Leopoldo recebe hoje e amanhã curso para Atendimento a Grupos Vulneráveis
27/05/2009 06:29


A Secretaria da Segurança Pública inicia nesta quarta (27), no Auditório da Unisinos, em São Leopoldo, o 1º Curso de Capacitação para o Atendimento de Mulheres, Crianças, Adolescentes e Idosos vítimas de violência, os chamados grupos vulneráveis. A iniciativa, que segue até amanhã, é coordenada pelo Departamento de Ensino e Treinamento da SSP e realizada em parceria com a Secretaria Nacional de Segurança Pública e a Academia da Polícia Civil.

De acordo com a delegada Sônia Dall´Igna, diretora do DET e coordenadora do evento, serão debatidos temas como o tráfico de mulheres, abuso sexual, estatuto do idoso e medidas preventivas, desenvolvimento psicológico da criança, do adolescente e do idoso, além do estresse policial. Conforme ela, além de capacitar agentes policiais civis e militares, de saúde, servidores do IGP, Susepe, professores, conselheiros tutelares e guardas municipais, o curso também tem o objetivo de estreitar a rede de atendimento. "É importante que eles se conheçam, para que um possa apoiar o outro nesse trabalho", diz a delegada.

As inscrições ainda podem ser feitas pelo e-mail det-redes@ssp.rs.gov.br e maiores informações podem ser obtidas pelo telefone (51) 3288-7013, do DET, e no (51) 3288-9327, da Divisão de Recrutamento e Seleção, da Acadepol. O curso terá 20 horas/aula e aos participantes serão fornecidos certificados.

No decorrer do ano o curso para atendimento à Grupos Vulneráveis terá outras etapas nos seguintes municípios e datas: Canoas (17 e 18/junho), Esteio (01 e 02/julho), Sapucaia do Sul (29 e 30/julho), Gravataí (19 e 20/agosto), Cachoeirinha (16 e 17/setembro), Alvorada (14 e 15/outubro), Viamão (11 e 12/novembro), e Porto Alegre (02 e 03/dezembro).
Abaixo a relação dos temas a serem abordados e os respectivos palestrantes:

- IDEOLOGIA DA VIOLÊNCIA – Evaldo Luiz Paully;
- CONSTRUÇÃO SOCIAL, PSICOLÓGICA E CULTURAL DA VIOLÊNCIA – Evaldo Luiz Paully;
- VIOLÊNCIA CONTRA A MULHER – Rosane Oliveira de Oliveira;
- TRÁFICO DE MULHERES – Alberi Barbosa;
- APRESENTAÇÃO DAS DELEGACIAS ESPECIALIZADAS – Nadine Tagliari Anflor;
- DESENVOLVIMENTO PSICOLÓGICO DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE- Maria Bernardete Pires;
- ABUSO SEXUAL – Suzana Braun Oliveira;
- ESTATUTO DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE – Cristian Nedel;
- DESENVOLVIMENTO PSICOLÓGICO DA 3ª IDADE – Zhélide Hunter;
- TIPOS DE VIOLÊNCIA PRATICADAS CONTRA O IDOSO – Naila dos Santos;
- ESTATUTO DO IDOSO E MEDIDAS PROTETIVAS – Eduardo Hartz;
- PROCEDIMENTOS ÉTICOS – Carmen da Silva Santos;
- EXAMES DE PERÍCIA EM VÍTIMAS DE VIOLÊNCIA – Cláudia Maciel/Jarbas Pires;
- ESTRESSE POLICIAL – Silvia Wudarcki.

Quarta-Feira


Poa, 27/05/09

Olá,

Desejo que tenhas uma ótima quarta-feira.

Beijinhos.

Deise Nunes.

Cientista Político

Entrevista: Cientista político eleitor de Lula diz que a disputa de 2010 será esvaziada de política e regionalista"Consenso despolitiza sociedade e coloca Lula à direita de FHC"
César Felício, de Belo Horizonte
Jornal Valor economico, sao paulo,27/05/2009


Davilym Dourado/Valor

Chico de Oliveira: "Lula tenta se legitimar por consensos que passam pela cooptação dos pobres. Bolsa Família não é direito, é dádiva"
Intelectual historicamente identificado com o presidente Luiz Inácio Lula da Silva, tendo sido filiado ao PT até 2003, o professor aposentado de Sociologia da Universidade de São Paulo (USP) Francisco de Oliveira tornou-se ao longo do atual governo um dos mais cáusticos críticos à esquerda do lulismo. Para este ano, o acadêmico pernambucano de 75 anos, conhecido como Chico de Oliveira, prepara um livro que irá retratar a construção de uma hegemonia às avessas. Ou seja: como um líder popular carismático trabalharia no sentido contrário aos interesses da base que o elegeu.

No ano em que rompeu com o PT, Oliveira desferiu no front literário um dos mais contundentes ataques sofridos por Lula, ao escrever "o Ornitorrinco", um posfácio ao seu livro "Crítica da Razão Dualista", editado pela primeira vez em 1972.

Neste posfácio, Oliveira procurou fazer uma aproximação entre a elite dirigente do PT e a da oposição tucana, que teriam como grande traço de união o controle do acesso a fundos públicos.

Em setembro de 2004, Oliveira participou da criação do P-SOL, formado por dissidentes do PT que discordavam da moderação econômica do governo Lula, particularmente da reforma da previdência. Meses depois, o partido receberia outra maré de adesões de desiludidos com o petismo depois da eclosão do escândalo do mensalão.

Com a eleição de 2006, ocorre um novo afastamento. Oliveira discordou da condução da candidatura presidencial da então senadora Heloísa Helena (AL), sobretudo da decisão da sigla de permanecer neutra no segundo turno da eleição presidencial, e declarou voto pela reeleição de Lula. Chegou a definir a campanha da candidata do P-SOL, calcada nas denúncias contra o governo federal no plano ético, como um "udenismo de esquerda".

No início da crise econômica global, em janeiro deste ano, Oliveira propôs que o governo federal radicalizasse suas políticas de desenvolvimento, sugerindo que se criassem "cinco Embraer por ano", uma maneira de defender a maior participação do Estado na economia. Mas a ausência de mudanças na estratégia governamental ao longo deste ano fez com que o sociólogo voltasse à posição crítica dos últimos tempos.

Nesta entrevista, concedida por telefone ao Valor, Chico de Oliveira demonstra ceticismo em relação a mudanças no quadro político com as eleições presidenciais do próximo ano. Eis a entrevista:

1.Valor: Qual a avaliação que o senhor faz do governo Lula, já em seu penúltimo ano? O senhor rompeu publicamente com o PT em 2003, mas depois declarou voto pela reeleição de Lula em 2006...

Francisco de Oliveira : A minha declaração de voto em 2006 foi uma atitude política. Lula estava sob ataque de forças opositoras naquele momento e havia a esperança, uma palavra que nem gosto de usar, de que um segundo mandato fosse promotor de mudanças, mas hoje podemos ver que não houve nenhuma mudança e essa chance passou. O governo de Lula, concretamente, não demonstrou nenhum avanço social no plano dos direitos. Do ponto de vista da condução econômica é uma administração medíocre, que pensou que se salvaria da crise global e percebe-se que não tem nenhum domínio da situação. Economicamente o governo Lula é um barco à deriva, que se as ondas forem boas chega a um bom porto, e caso contrário, não.

2;Valor: Que comparação pode-se fazer com o governo FHC?

Oliveira: Lula está à direita de Fernando Henrique [Cardoso] ao não recompor as estruturas do Estado e não avançar na ampliação de direitos. O presidente tenta se legitimar promovendo consensos que passam pela cooptação dos mais pobres. O Bolsa Família não é um direito, mas uma dádiva. Neste sentido, vivemos na gestão dele uma regressão política, porque no governo Lula houve uma diminuição do grau de participação popular na esfera pública. E quando se projeta o cenário de 2010 percebe-se como Lula resulta regressivo. Com a força perdida pelo PT e a ausência de alternativas de Lula, uma vez que a doença de sua candidata mostra sinais de gravidade, aparece o terceiro mandato.

3.Valor: O senhor acha que o governo está criando um caldo de cultura para o terceiro mandato?

Oliveira: Sim, porque Lula aparece, para os olhos de determinados segmentos do meio político e popular, como o homem providencial. E neste sentido a possibilidade de um terceiro mandato é perigosa. Getúlio [Vargas] ensaiou isso com o queremismo, em 1945. Agora, pode muito bem surgir um queremismo lulista: o povo ir às ruas para pedir a continuidade do governo.

4.Valor: E o senhor acha que o povo irá às ruas?

Oliveira: Não digo o povo, uma categoria imprecisa, mas o PT e a CUT ainda têm capacidade para promover barulho, e barulho é o que é decisivo em uma questão como essa.

5.Valor: Porque no campo da esquerda nem o P-SOL, nem outras siglas conseguiram se firmar como alternativas a Lula?

Oliveira: Nada surgiu porque, ao tornar-se um mito popular, Lula tornou-se infuso à política. Ele produz um consenso de forças sociais, que estão todas muito contentes com o governo, e assim torna impossível ao eleitorado fazer escolhas reais. Isto explica porque Heloísa Helena, apesar do apelo popular que teve e tem, não se tornar uma alternativa. Vivemos um consenso conservador, no sentido de não se transformar nada, mesmo com a presença das massas populares neste consenso.

6.Valor: Ao romper com o PT, o senhor disse que o partido poderia ter o mesmo destino do peronismo, tornando-se uma força política que não consegue ter referências ideológicas e prende-se ao espólio de uma liderança...

Oliveira: Se fiz esta aproximação, foi um equívoco meu. A mídia brasileira por vezes passa uma ideia equivocada do que foi [Juan Domingo] Perón na Argentina. O Perón não despolitizou o país. Sob o vezo do autoritarismo, em seu período se produziu uma ampliação de direitos tal que a tradicional oligarquia argentina jamais se recuperou. No caso de Lula, está ocorrendo exatamente o contrário, a diminuição do espaço da política na sociedade.

7.Valor: O governo Lula não investiu na inclusão de minorias nos espaços de poder, por meio de políticas de ação afirmativas para negros e mulheres?

Oliveira: Ele tomou os vestígios de um discurso sociológico fajuto para negar o conflito de classes. Veja, com a análise da questão das classes se mata as charadas no Brasil. Quando a gente pensa a sociedade por meio destas clivagens de gênero e raça, não se mata charada nenhuma. O problema do Brasil é de uma grande maioria, virtual totalidade mulata, e não pode ser resolvido por políticas afirmativas étnicas, diferentemente do que ocorre na Bolívia e na Venezuela, onde a chave étnica é decisiva. Para resolver os problemas de exclusão social no Brasil, é preciso enfrentar problemas de classe. A política de cotas só faz reafirmar a exclusão. Qual as chances concretas que um negro com grau universitário obtido graças às cotas ampliação de direitos combatem a discriminação.

8.Valor: O senhor analisa o governo Lula como o autor de uma guinada conservadora, mas, com instrumentos como a Carta ao Povo Brasileiro, Lula já não se elegeu sob este signo?

Oliveira: Pelo contrário, Lula foi eleito em um processo de força popular crescente de um movimento político, que acumulou energia de eleição em eleição desde os anos 80. Não foi um episódio que se resume à crônica de 2002, foi um processo longo. Lula foi eleito com uma base progressista. Não houve nenhuma chancela do eleitorado para o que ele faria a seguir.

9.Valor: Além de sua gestão econômica até certo ponto surpreendente, o primeiro mandato de Lula foi marcado pelos escândalos na área ética, dos quais o do mensalão foi o mais emblemático. Por que a ressonância popular destes problemas foi zero?

Oliveira: Há uma tendência popular de nivelar a todos. Historicamente, a questão ética só estigmatiza políticos de estatura menor, como os exemplos recentes de [Paulo] Maluf e [Orestes] Quércia. Gostaria que tivesse sido diferente, mas este fator jamais foi decisivo em eleições brasileiras e não será na próxima.

10.Valor: Qual o balanço que o senhor faz da oposição brasileira nestes últimos sete anos?

Oliveira: Que crítica a oposição pode fazer ao governo Lula? Objetivamente nenhuma. Os governadores José Serra e Aécio Neves estão do mesmo lado. Em termos concretos, já há tempos a oposição deixou de existir. Isto porque a política no Brasil perdeu a capacidade decisória.

11.Valor: Que diferenças o senhor identifica entre Serra e Aécio?

Oliveira: Rejeito ambos por motivos diferentes. Aécio parece mais um político superficial que se faz sob a herança política familiar. Nunca vi uma opinião dele que impressionasse. Serra é uma surpresa. Faz um governo gerencial e até reacionário, ao lidar com o funcionalismo e com a universidade pública. É um político que gradualmente se converteu, quando vemos o passado dele e o local onde atua agora. É o grande líder conservador.

12.Valor: Sob que signo será disputada a eleição presidencial do próximo ano?

Oliveira: A eleição de 2010 será despolitizada e regionalista. Vejo agora a articulação entre São Paulo e Minas. Antes era o café com leite, hoje talvez seja o café com leite de um lado, a cana e a indústria do outro... a eleição caminha para ser uma disputa entre a confluência de São Paulo com Minas em contraposição à confluência do Nordeste e do Norte. É uma disputa que se dá em termos regionais, sem nenhum ponto político, nenhuma discussão de concepção propriamente política. Ao criar um consenso, Lula foi fortemente despolitizador. É uma dinâmica diferente do tempo de Fernando Henrique. Fernando Henrique buscou subjugar as forças contrárias, Lula as desmobiliza.

13.Valor: E que papel jogam atualmente os movimentos sociais?

Oliveira: Os movimentos sociais estão apagados, porque tratam-se em sua maioria de articulações em torno de objetivos pontuais, o que tornam limitadas as possibilidades de crescimento. O mais importante deles, que é o MST, busca saídas para a sobrevivência.

14.Valor: Esta desmobilização política não é um fenômeno global?

Oliveira: Ela é um fenômeno mundial. A França elegeu [Nicolas] Sarkozy, um direitista que se disfarça. Nos Estados Unidos, temos [Barack] Obama, que está recuando de suas posições iniciais. Na Alemanha, Ângela Merkel faz uma conciliação que junta sociais democratas e conservadores. E na Rússia, há um florescer do autocratismo. Todo mundo está convergindo para um ponto médio, que é uma espécie de anulação das posições. Mas no Brasil é mais grave, porque aqui a desigualdade é muito maior.

Boticário


O Boticário
Rua Marechal Floriano,405
Tel: (54)3231-3520
Vacaria/RS
http://www.boticario.com.br

Dia da África

25 DE MAIO - DIA DA ÁFRICA



A data de 25 de maio faz referência à criação da Organização da Unidade Africana, que ocorreu em 1963, na Etiópia. Nesse ano reuniram-se, de 22 a 25 de maio, 32 países africanos independentes para traçar uma estratégia de unidade do continente. Em 1972, a Organização das Nações Unidas instituiu o 25 de maio como Dia da Libertação Africana e em 2002, em Durban, África do Sul, 53 países instituíram a União Africana (UA).

A África é um continente com aproximadamente 30,27 milhões de quilômetros quadrados de terra. Ao norte é banhado pelo Mar Mediterrâneo, ao leste pelas águas do oceano Índico e a oeste pelo oceano Atlântico. O Sul do continente africano é banhado pelo encontro das águas desses dois oceanos.

É o segundo continente mais populoso do Mundo (depois da Ásia), com aproximadamente 800 milhões de habitantes.

É basicamente agrário, pois cerca de 63% da população habita no meio rural, enquanto somente 37% mora em cidades.

O principal bloco econômico é a Comunidade de Desenvolvimento da África Austral (SADC), formada por 14 países, dentre os quais Angola e África do Sul.

O continente foi subdesenvolvido pelas seguidas dominações europeias que ocorreram, tendo sido drenadas de suas terras não só a riqueza de seu solo e subsolo, mas um grande contingente humano.

Os africanos e seus descendentes dispersos pelo mundo formam a diáspora negra e são responsáveis, consciente ou inconscientemente, pela perpetuação da cultura, de hábitos e modos de vida herdados de civilizações ancestrais (como a ideia de energia vital, o axé, e a celebração da vida por meio dos ritmos e danças). A África é o continente onde a vida se originou e ali floresceram fantásticas civilizações, como a egípcia, os impérios do Mali, de Gana; a Etiópia, um dos Estados mais antigos do mundo e onde pode ter surgido a espécie Homo sapiens.

A tradição oral africana (que tem nos griots, contadores de histórias, seu símbolo) não impediu que florescesse uma literatura que teve, inclusive, importante papel nas guerras de libertação africana das décadas de 60 e 70. Em termos de língua portuguesa, por exemplo, há a a obra de Agostinho Neto, Pepetela, Jorge Macedo, José Craveirinha, entre outros. Para relembrar, duas estrofes de Agostinho Neto, poeta e ex-presidente de Angola:

criar criar
estrelas sobre o camartelo guerreiro
paz sobre o choro das crianças
paz sobre o suor sobre a lágrima do contrato
paz sobre o ódio
criar
criar paz com os olhos secos.

Criar criar
criar liberdade nas estradas escravas
algemas de amor nos caminhos paganizados do amor
sons festivos sobre o balanceio dos corpos em forcas
simuladas

criar
criar amor com os olhos secos.



--------------------------------------------------------------------------------


Dois eventos sobre África, em Salvador e São Paulo (onde você também encontrará livros do Quilombhoje):



SALVADOR:

III SEMANA DA ÁFRICA

ÁFRICA: DINÂMICAS SOCIAIS, POLÍTICAS E CULTURAIS NA CONTEMPORANEIDADE
de 25 a 27 de maio de 2009
Salvador, Bahia - BRASIL

É preciso inscrever-se: semanadaafrica@hotmail.com

ESTUDOS AFRICANOS
TER 9:00 CEAO / Auditório Milton Santos

Astrid Mélite
Augusto Cardoso
Fernanda Gallo
Márcio Luis Paim
Maria Estela Ramos
Paola Vargas Arana

RELAÇÃO DE GÊNERO: ÁFRICA E BRASIL
TER 9:00 CEAO / Sala 2

Cláudio Roberto Almeida
Cristiane Batista Santos
Flávio Passos
Orlando Santos
Tatiana Raquel Silva
Valdinéa Sacramento

LITERATURA AFRICANA E AFRO-BRASILEIRA I
TER 9:00 FACULDADE DE ECONOMIA / Sala da Congregação

Abílio Manuel Mendonça
Aline Schmidt
Claudimar Alves Durans
Elian Silva de Jesus
Kelly Santos
Joseneida Souza

RELIGIOSIDADES AFRICANAS E DA DIÁSPORA
QUA 9:00 CEAO / Auditório Milton Santos

Fabíola Araújo
Fábio Velame
Inajara Abbude
Michele Mansur
Paula da Luz Galrão
Elísia Maria de Jesus Santos
AFRO-BRASILIDADES I
QUA 9:00 CEAO / Sala 2

Antônia da Silva Santos
Cristiane Sobrinho Costa
Felippe Kopanakis Pacheco
Henrique Cunha Jr.
Pedro Cubas

LITERATURA AFRICANA E AFRO-BRASILEIRA II
QUA 9:00 FACULDADE DE ECONOMIA / Sala da Congregação

Alex França
Bruno Emanuel Araújo
Débora de Souza
Flávia Souza
Sebastião Marques
Williane Silva Coroa


AFRO-BRASILIDADES II
QUA 17:00 CEAO / Sala 2

André Luís Souza de Carvalho
Joselir Santos, Noely Almeida e Maria Joseni Souza
Kelly Menezes Fernandes
Maria da Conceição Pinheiro Araújo
Marilúcia Santana Vida
Thaís Pinhata



--------------------------------------------------------------------------------

SÃO PAULO

SEMANA DA ÁFRICA - CURSOS SOBRE ÁFRICA, DE 25 A 28 (PROMOVIDA PELO FÓRUM ÁFRICA)

"XI SEMANA DA ÁFRICA 2009"




A "XI SEMANA DA ÁFRICA 2009" terá a sua programação entre os dias 25 e 31 de maio e contará com atividades culturais, recreativas e de reflexão, envolvendo mesas redondas, cursos, exposição, projeção de filmes e o Premio Kabengele Munanga, sobre temas voltados à África. O evento organizado pelo Fórum África, já é tradição no mês de maio.

O evento tem caráter sociocultural e visa a desconstrução dos estereótipos, criados sobre a África e a construção de um novo olhar acerca da população africana.

Os debates e as reflexões serão feitos sobre o tema "África: História, aspectos socioculturais e políticos", com a perspectiva de contribuir e identificar oportunidades para a compreensão da África e aproximação do Brasil com os países daquele continente.






ABERTURA OFICIAL DA "XI SEMANA DA ÁFRICA"


TEMA: África: História, aspectos socioculturais e políticos.

ABERTURA: Prof. Dr. Saddo Ag Almouloud (PUC/SP) - Presidente de Fórum África

Prof. Dr. Kabengele Munanga (USP) - Presidente de Honra de Fórum África

Prof. Dr. Boni Yavo (Universidade Nove de Julho) - Presidente de Honra de Fórum África.




LOCAL: Câmara Municipal de São Paulo - Viaduto Jacareí, 100 - Bela Vista, 1º andar.

DATA: 25/05/09

HORÁRIO: 19:00hs.


DEBATES E REFLEXÕES


CONVIDADOS

Prof. Dr. Boubacar Barry - University Cheikh Anta Diop, Senegal.

Prof. Dr. Bahi Aghi - Universidade de Cocody, Côte d´Ivoire.

Prof. Dr. Simão Souindoula - Vice-Presidente do Comitê Científico Internacional

do Projeto da UNESCO "A Rota do Escravo".


CURSOS

De Terça a Quinta-Feira - de 26 a 28 de maio

LOCAL: Centro de Ciências Exatas e Tecnologia da PUC/SP, Rua Marquês de Paranaguá, 111, Consolação, São Paulo-SP (entre as ruas Consolação e Augusta)

TEMA NORTEADOR: África: História, aspectos sócio-culturais e políticos

As inscrições serão prévias e o curso dará direito a certificado de participação.

HORÁRIO: das 14:00 às 17:00hs.


PROGRAMAÇÃO DO CURSO


TEMA 1: Guerras e etnias na África

DATA: 26 e 27 de maio

CARGA HORÁRIA: 6 horas


CONVIDADOS

Prof. Dr. Augustin Emane - Faculdade de Direito de Nantes – França.

Prof. Dr. Fily Kanouté - CECAFRO/PUCSP, Centro de Estudos Culturais Africanos e da Diáspora da PUC/SP.


TEMA 2: África e Arte Negra: Significação pelo Povo e para o Povo.

DATA: 28/05/09

CARGA HORÁRIA: 3 horas


CONVIDADOS

- Prof. Dr. Simão Souindoula - Vice-Presidente do Comitê Científico Internacional do Projeto da UNESCO "A Rota do Escravo".

- Profa. Maria Cecília Felix Calaça – Professora Mestre da Universidade Paulista.


PROJEÇÃO DE FILMES

CINECLUBE, RUA AUGUSTA, 1239


FILME: Hotel Ruanda

DATA: 26/05/09

HORÁRIO: 19:00hs


FILME: Diamante de Sangue (Edward Zwick)

DATA: 27/05/09

HORÁRIO: 19:00hs


FILME: Bamako (Abderrahmane Sissako)

DATA: 28/05/09

HORÁRIO: 19:00hs


PRÊMIO KABENGELE MUNANGA

Sexta-Feira: 29 de maio de 2009


LOCAL: Centro de Ciências Exatas e Tecnologia da PUC/SP, Rua Marquês de Paranaguá, 111, Consolação, São Paulo. (entre as ruas Consolação e Augusta).

HORÁRIO: Das 14:00 às 17:00hs.

PRÊMIO KABENGELE MUNANGA

Apresentação em forma de sessões coordenadas, seguidas de debates sobre os trabalhos selecionados para concorrer ao prêmio.

JANTAR CULTURAL

Sábado: 30 de maio de 2009

O evento festivo será um jantar, com prato típico africano e apresentação cultural.

DATA: 30 /05/09.

HORÁRIO: Jantar e apresentação cultural: das 20:00 às 23:00hs.

LOCAL: Rua dos Franceses, 518 – Bela Vista- São Paulo - Buffet Hasbaya


CONVITES: R$ 70,00. (Compra antecipada até o dia 28/05).

TRAJE: Social completo ou vestimenta típica africana.


Maiores informações sobre os convites:

Vanderli Salatiel – Diretora Administrativa (11-3333 5029 /8293 7526).

Maria Conceição de Oliveira - Diretora de Eventos (11-9145 7577).

Meité Hamadou – Diretor Financeiro (11-9208 8472).


Maria Aparecida Ribeiro – Diretora de marketing (11-9286 6436).

Lurdinha ou Maria Odete (11-3091 3744) das 14:00 às 18:00hs.


e-mail: secretaria@forumafrica.com.br

site: www.forumafrica.com.br

EXPOSIÇÃO FOTOGRÁFICA

De 09 a 31 de maio de 2009


"Pontos de Vista: Arte e Cultura".

Sob esses pilares a Exposição da "XI SEMANA DA ÁFRICA 2009", revela imagens inusitadas de países africanos e amplia os horizontes do observador, sob o ponto de vista de diversos especialistas.


LOCAL: UNESP – Universidade Estadual Paulista, ao lado do terminal Barra Funda,

acesso para veículo: Entrada pela Rua Dr. Bento Teobaldo Ferraz, 271.

Pedestre: Entrada pela lateral do terminal Barra Funda, lado mais próximo da Av. Marquês de São Vicente.

VISITAÇÃO: De 09 a 31, de segunda a sábado, das 9:00 às 17:00hs.

PRODUÇÃO E CURADORIA: Eufrate Almeida – repórter fotográfico.


O evento ainda contará com uma palestra, sob o tema Cabo Verde: Música, Pintura e Literatura, ministrada pela professora Simone Caputo Gomes – FFLCH/USP – e apresentação do Grupo Koteban.


A Exposição "Pontos de Vista: Arte e Cultura" é uma iniciativa do Fórum África em parceria com o Programa de Pós-Graduação em Artes, da UNESP-Universidade Estadual Paulista Campus de São Paulo.

Instituto de Artes Coordenação: Prof. Dra. Lalada Dalglish.

Contato: 11- 5627 7012.




--------------------------------------------------------------------------------

Curtas:

- O Ministério Público fechou um acordo com a São Paulo Fashion Week. A partir das próximas edições os estilistas deverão ter pelo menos 10% de modelos negros. Parece que isso não é cota, é um acordo em que deverá prevalecer o bom senso. A ver se vai dar certo.

- Por outro lado, foi retirado do Estatuto da Igualdade Racial a proposta de se criarem cotas em programas de tv e peças publicitárias veiculadas na tv e em salas de cinema. O projeto sofreu forte resistência de partidos conservadores.



--------------------------------------------------------------------------------

Delegacia da Mulher

Governo do Estado apoia a instalação da Delegacia da Mulher em Rio Grande
25/05/2009 17:56


Com o apoio do deputado estadual Sandro Boka, dois vereadores da cidade de Rio Grande, zona sul do Estado, estiveram reunidos com o secretário da Segurança Pública, Edson de Oliveira Goularte, na tarde desta segunda-feira (25), no gabinete da SSP. Luciane Compiani e Giovani Moralles, acompanhados da delegada de Polícia Ligia Furlanetto, encaminharam o pedido de instalação da Delegacia da Mulher naquele município. Segundo eles, existe um projeto de engenharia para a construção do prédio e o funcionamento de um Posto para atender aos casos de violência e/ou abusos sexual contra mulheres e crianças. Com a presença do chefe da Polícia Civil, delegado João Paulo Martins, Goularte garantiu total apoio no sentido de atender a esta demanda da comunidade rio-grandina.

Segundo a delegada Ligia, o Posto de Atendimento à Mulher de Rio Grande já funciona, muito embora em caráter precário e sem a infra-estrutura de uma Delegacia de Polícia padrão. Ela afirma que “as ocorrências envolvendo a Lei Maria da Penha têm crescido bastante em Rio Grande, e que a necessidade de mais alguns policiais civis é evidente; porém, antes de tudo, é necessário o espaço físico que seja uma referência para as mulheres vítimas de violência”.

O assessor de demandas públicas da SSP, capitão Evandro Egidio Zambonato, presente ao encontro, fará o acompanhamento do projeto, junto à chefia da Polícia Civil. Na semana que vem está previsto o retorno dos vereadores a Porto Alegre para uma visita ao Palácio Piratini. A audiência com a governadora Yeda Crusius será agendada pelo deputado Sandro Boka.

A instalação de Delegacias Especializadas em todo o RS, bem como a recuperação e aparelhamento dos prédios já existentes são metas previstas no Programa Estruturante Cidadão Seguro, que é a efetivação da política de Segurança Pública do Governo do Estado.

Manuela

Pedágios

Além das constantes críticas da falta de transparência, gastos em despesas inúteis e superfaturamento para justificar desequilíbrios, os pedágios privados são acusados de serem "caros demais" comparados com os pedágios federais. Enquanto um carro de passeio percorre 300 km na BR116, entre o Passo do Socorro e Curitiba, com R$13,50 (5 pedágios de R$ 2,70), o mesmo veículo é obrigado a pagar R$6,00 por 40 km entre o Passo do Socorro e Vacaria. Para fazer o percurso até Vila Scharlau na BR116, com 240 km , pagará 5 pedágios (4 de R$ 6,00 e outro de R$ 4,80) total de R$ 28,80 (o dobro do valor gasto na BR116 em SC e PR). Os contratos dos pedágios privados entraram no décimo ano e terminarão em novembro de 2013. Se não houver fatos novos, os pedágios da BR116 e BR285 em Vacaria serão modificados, substituídos pelo modelo federal implantado na BR116 em SC e PR, com custo menor.



O modelo gaúcho gasta mais de 60% do que arrecada em impostos, propaganda, consultoria jurídica e tributária. A TIR - Taxa Interna de Retorno - é de 27% para a concessionária, sobrando pouco mais de 13% para obras no pavimento. NESTES QUASE DEZ ANOS, O PÓLO VACARIA - EM SUAS TRÊS PRAÇAS DE PEDÁGIOS - ARRECADOU MAIS DE 200 MILHÕES DE REAIS. Para os moradores das cidades sedes, o problema está no preço e na tarifa cheia, mesmo por pequenas distâncias. O desconto/isenção para as placas da cidade é antiga reivindicação dos usuários locais, mas apenas um grupo seleto de pessoas é agraciado com o desconto.





Deputado Estadual Francisco Appio - www.appio.com.br

Libras


Libras – Prefeitura irá desarquivar projeto de lei



Os cargos de professor de libras e tradutor/intérprete de libras serão criados pela Prefeitura de Porto Alegre, atendendo a demanda encaminhada no primeiro Ciclo de Debates - Inclusão Escolar Práticas & Teorias, realizado ano passado, promovido pelo Fórum pela Inclusão Escolar.



Com a intermediação da vereadora Sofia Cavedon, da Comissão de Educação da Câmara Municipal, foi decidido que o Executivo Municipal irá solicitar o desarquivamento junto à Casa Legislativa, do projeto de lei nº 59/02, da gestão de João Verle, que cria os cargos. Participaram da reunião realizada nesta terça-feira, o secretário Especial de Acessibilidade e Inclusão Social (Seacis), Tarcízio Cardoso, e a secretária em exercício da de Administração (SMA), Rita de Cássia Eloy.



Conforme Sofia, serão 20 vagas para os dois cargos que serão distribuídos no governo, conforme a necessidade das pastas. Ela ressalta que o cargo de professor de libras será para atuar especificamente na Secretaria Municipal de Educação (Smed).



A vereadora destaca a importância da ação, pois “estamos na véspera de iniciar o segundo Ciclo de Debates, que este ano abordará a temática Inclusão Escolar e as Interfaces Necessárias, e começaremos dando uma boa notícia”.



Também participaram do encontro: a coordenadora da Educação Especial da Smed, Viviane Loss; a secretária adjunta em exercício da SMA, Suzana Reis Coelho; e a assessora da vereadora Sofia Cavedon, Vládia Paz.



Fonte: vereadora Sofia Cavedon – 9953.7119

Foto: Marta Resing

Porto Alegre, 26 de Maio de 2009.



Jorn. Marta Resing/5405

Ass. Comunicação

Gab. Ver. Sofia Cavedon/PT

51.9677.0941

Apreensão de Drogas

Brigada Militar realiza prisão por tráfico de drogas e arrombamento a estabelecimento comercial
26/05/2009 16:44


Nesta terça-feira (26), às 2h30min, na Rua Curitiba, bairro Anair, em Cachoeirinha, policiais do 26º Batalhão de Polícia Militar, em patrulhamento, intensificaram as abordagens em locais denunciados como ponto de venda de drogas. Foi flagrado um individuo de 33 anos de idade, com antecedentes criminais por perturbação da tranqüilidade, ameaça, lesão corporal, outras contravenções, vias de fato, furto qualificado e fato em tese atípico, realizando a compra de uma pedra de crack de um indivíduo de 20 anos, com antecedentes criminais por apresentação de detido que, ao avistar a viatura dispensou uma bucha de plástico que continha mais 14 pedras de crack. Foi preso e encaminhado à Delegacia.

Às 3h30min, na Rua Papa João XXIII, Vila Imbuy, em Cachoeirinha, policiais do 26º Batalhão de Polícia Militar foram despachados ao local, em virtude da denúncia de que haveria um indivíduo tentando arrombar a porta de uma lancheria. No endereço referido, flagraram um jovem de 20 anos, sem antecedentes criminais, saindo do local, portando um engradado de cerveja, 17 garrafas de cerveja e uma barra de ferro, pertencentes ao estabelecimento e foi conduzido a DP.

Fonte: PM5-Imprensa/BM

Aeroporto de Cargas

Ameaçado de transformar-se em "longa e interminável novela" o Aeroporto Regional de Cargas enfrenta a concorrência de Caxias do Sul, que luta por mais um aeroporto, com verbas do Estado e da União. O temor de que o projeto Vacaria venha a ser abandonado deve instigar as lideranças locais a uma tomada de posição.



De posse de resposta do governo do Estado, sobre pedido de informações, o deputado Francisco Appio organiza uma Comissão de Lideranças para pleitear a solução do conflito. Atualmente, o problema está na justiça que precisa decidir sobre o recurso da Técnica Viária, que perdeu a concorrência pública para a empreiteira Toniollo Busnello. "Os recursos estão disponibilizados, tanto federais como estaduais, mas a questão da justiça ainda não foi resolvida", esclarece o parlamentar, preocupado com o destino da obra, conquistada em 1997 e incluída no PROFAA, no governo Britto. "Causou estranheza a rescisão do primeiro convênio, pelo Secretário Daniel Andrade, mais estranha ainda foi a demora de quase dois anos para novo convênio e alocação de recursos do Estado. Pior, ninguém sabe quais os motivos que levaram ao rompimento do primeiro convênio", reflete o deputado Francisco Appio.



O parlamentar não acredita em retaliação, por causa da sua posição contra a prorrogação dos contratos de pedágios, capitaneada pelo Secretário Daniel Andrade. "A Governadora não permitiria a vingança e, tampouco, o Secretário Daniel chegaria a tanto. Mas existe alguma coisa, pois o Secretário declarou para a comitiva que o visitou em março de 2007 que pau que nasce torto, morre torto. Não explicou a frase e saiu da reunião mais cedo. Meses depois, exibindo um fax da prefeitura de que Vacaria concordava com o rompimento do Primeiro Convênio, mandou rescindir o contrato". Quem visita a obra constatada o desperdício de dinheiro público e não consegue compreender onde foi gasto tanto dinheiro, do primeiro convênio. O valor investido na terraplanagem parcial não foi informado.



Acesse www.appio.com.br e veja as fotos do “aeroporto de cargas de Vacaria”





Deputado Estadual Francisco Appio - www.appio.com.br

ArteSul